O post de hoje é baseado no livro 12 regras para a vida de Jordan Peterson. Uma super reflexão para quem quer ser melhor a cada dia!

12 regras para a vida

O post de hoje – bem como o vídeo que você vai encontrar mais abaixo – foram baseados no livro de Jordan Peterson.

Ele é um psicólogo canadense, professor da Universidade Harvard (onde eu já dei uma palestra, lembra?) e é considerado um dos maiores pensadores da atualidade.

Nesse livro, Peterson usa muitas referência para explicar as 12 regras, inclusive a Bíblia.

É muito interessante e eu recomendo a leitura para todo mundo que deseja realmente ser uma pessoa melhor.

Aliás, que tal termos aqui no blog uma série de posts sobre livros?

Comente aí se você gostaria que eu indicasse os que mais gosto!

Enquanto você não lê, preparei uma listinha com as 12 regras e um comentário bem breve sobre cada uma.

Preparada? Então vamos lá!

 

Um breve resumo

#1 – Costas eretas, ombros para trás

Essa regra é inegavelmente curiosa, não é?

Embora pareça que a nossa postura não tem nada a ver com regras para a vida, tem tudo!

Quando adotamos uma postura de costas curvadas e ombros caídos, que mensagem estamos passando?

Fácil de entender agora, né? Portanto, siga a regra e você já vai perceber uma diferença!

 

#2 – Cuide de si mesmo como cuidaria de alguém sob sua responsabilidade

Eu creio que se você fosse responsável por alguém certamente faria o melhor pela pessoa.

Você sairia do automático a fim de agradá-la e fazê-la sentir-se bem.

Então, que tal fazer isso por si mesma?

 

#3 – Seja amigo de pessoas que queiram o melhor para você

Bem simples: se a pessoa não te faz bem, por que andar com ela?

 

#4 – Compare a si mesmo com quem você foi ontem, não com quem outra pessoa é hoje

É como eu já disse aqui no blog:

Não compare os seus bastidores com o palco dos outros!

 

#5 – Não deixe que seus filhos façam algo que faça você deixar de gostar deles

Essa é, acima de tudo, um chacoalhão para muitos pais.

Não devemos deixar as crianças se tornarem pessoas egoístas, egocêntricas e mal educadas.

Que pai ama essas características em um filho?

 

#6 – Deixe sua casa em perfeita ordem antes de criticar o mundo

Essa aqui mereceu uma análise que publiquei na minha coluna no R7.

Pra ler, clique aqui!

 

#7 –Busque o que é significativo, não o que é conveniente

Em suma: faça o que tem de fazer, sentindo vontade ou não!

#8 – Diga a verdade. Ou, pelo menos, não minta

Sabe quando você se acha “obrigada” a mentir para não desagradar?

Afinal, o que dizer para a colega que cortou o cabelo e ficou horrível?

Diga a verdade sem magoar ou simplesmente não diga nada!

 

#9 – Presuma que a pessoa com quem está conversando possa saber algo que você não sabe

Não seja aquela sabe-tudo que pensa que ninguém tem nada a oferecer.

Por mais simples que a pessoa seja, certamente sabe coisas que você não sabe!

 

#10 – Seja preciso no que diz

Jesus resumiu essa para nós: seja a tua palavra sim, sim, não, não!

#11 – Não incomode as crianças quando estão andando de skate

Em outras palavras: não coloque medo nos outros ainda que você sinta medo.

 

#12 – Acaricie um gato ao encontrar um na rua

Saiba apreciar as coisas simples da vida.

 

Legal, né?

Se você quer saber um pouco mais sobre o assunto, assista o vídeo abaixo!

 

 

Para ler as reflexões anteriores, clique abaixo.

Dia 1 – Tempo para pensar

Dia 2 – Andar a segunda milha

Dia 3 – Cuide da sua vida

Dia 4 – O que as dúvidas causam

Dia 5 – Não se perca pelo caminho

Dia 6 – O que o mimimi faz por você?

Dia 7 – Eu sei o que fazer, mas como faço?

Dia 8 – Caráter, intenção e conduta

Dia 9 – Preguiça até para receber ajuda

Dia 10 – Finanças e relacionamento afetivo

Dia 11 – Não venda a verdade

Dia 12 – Aja diferente, faça a diferença

 

Nos vemos no próximo post!

Jornalista, especialista em finanças, autora de 5 best-selleres, colaboradora dos programas Mulheres (TV Gazeta) e Escola do Amor (Record TV). Colunista do portal R7 e youtuber.

  • Patricia, amei a postagem
    Sim, gostaria muito se você postagem mais sobre o livro e também outro livros.
    Isso e muito bom para nossa alta estima, confesso que eu nunca tinha me percebido sobre a minha postura, realmente isso e fundamental na apresentação vou prestar mais atenção nesse detalhe.
    Deus abençoe – Bjs.

  • Uma das regras comentadas caiu como uma luva (ou como uma bucha, detergente e pano de pia) para mim!!!
    Obrigada!

  • Paty, amei essas regras! A de número 11 é a que mais preciso desenvolver em mim com relação a tudo! Outro blog compartilhado! Eu adoraria dicas de livros. Eu já li “O Monge e o Executivo” (livros 1 e 2), “Os Segredos da Mente Milionária”, “Quem Mexeu no Meu Queijo”, adoro o Mario Sergio Cortella… Dos seus livros, eu já li “Virada Financeira” e estou lendo “Bolsa Blindada 2” (momento mais do certo para ler ele!) e ainda tenho o “Lugas de Mulher É Onde Ela Quiser” para ler. E vamo-que-vamo! rsrsrs Bjos!

  • 😀 Gostei muito do post de hoje, e sim, quero a série sobre livros no blog.

  • Olá Patrícia! Gostaria muito que você fizesse uma série de posts sobre livros! 🙂

  • Bom dia Patricia, estou aprendendo muito com essas reflexões e vou gostar muito se você fizer o post sobre livros, pois já li vários que você já indicou e gostei muito, tem alguns um pouco mais caro, mas descobri com eles que conhecimento não tem preço que pague, o que aprendi pude ensinar outras pessoas.

  • Muito bom!
    Por favor continue com uma série dos livros que recomenda 🙂

  • Oi, Patrícia!
    Adorei as reflexões e adorei tbm a ideia de posts sobre livros! Arrasou! (como sempre, né?) 😍

  • Olá!

    Gostaria de ver mais postagens sobre livros.

    Vou procurar esse na livraria na próxima visita.

    Bjs

  • Ótimo, vídeo. Boa reflexão! Vou práticar..
    Gratidão, Patrícia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *