Começamos hoje uma série de postagens que trarão reflexões sobre vários assuntos. Acompanhe essa nova série começando com tempo para pensar!

Tempo para pensar

Primeiramente quero contar a você o motivo dessa nova série de postagens aqui no blog.

Por diversos comentários que recebo, principalmente de quem me segue há bastante tempo, tenho observado certa falta de raciocínio próprio.

Recebo perguntas que claramente a pessoa não investiu tempo para pensar, nem mesmo 2 minutos.

Por exemplo:

• Patricia, quanto devo guardar por mês para viajar?

• Quanto é certo propor de prestação no banco para quitar meu cartão?

• Meu chefe não reconhece meu trabalho. Devo pedir demissão?

• Devo ir ao mercado toda semana ou só uma vez por mês?

• Meu marido não me fala quanto ganha, o que eu devo falar para convencê-lo a me contar?

As perguntas veem assim mesmo como você está lendo, sem que eu tenha a menor ideia da realidade das pessoas…

Fora as que sugerem posts como esse exemplo:

“Escreva sobre o que uma pessoa deve fazer quando ganha 3 mil reais e paga 1.200 de aluguel e tem duas filhas de 16 e 18 anos pedindo dinheiro o tempo todo e ainda o marido não ajuda. Não achei essa dica no seu site.”

A pessoa não quer dicas para que ela crie sua estratégia (pois se quisesse, o site está cheio!), mas sim, uma consultoria particular…

E tem mais, pois existem aquelas que já declaram abertamente que não querem ter o trabalho de pensar:

“Patricia, você podia resumir seus vídeos de investimento sem ficar explicando o que fazer. Fala logo: ‘olha, se você tem mil reais, deposite em tal lugar e se tem 2 mil deposite em tal lugar’. Bem melhor do que explicar e a gente ter de pensar o que é melhor pra nós. Fica a dica!”

Quando a pessoa não pensa, a vida padece

É por essas e outras que tanta gente é enganada todos os dias.

Afinal, quando você entrega suas decisões cegamente nas mãos de outras pessoas, está dando poder demais a elas.

E, se cair na mão de um trapaceiro ou de alguém mal-intencionado o que você acha que vai acontecer?

Eu sei que as pessoas que me seguem confiam no que eu digo, mas isso não significa que eu tenho todas as respostas sem saber o que se passa na vida delas.

Como eu vou saber quanto você pode guardar mensalmente sem ter acesso às suas contas?

E, ainda que eu tivesse, não faço consultoria on-line, ou seja, meu trabalho não é dar o peixe, mas sim, ensinar a pescar…

Fora isso, existe uma questão que o primeiro Salmo da Bíblia trata:

Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios…

O ímpio, segundo o dicionário Aurélio, é aquele que possui valores contrários aos estabelecidos pelo senso comum. Aquele que ofende os pais, a moral, a justiça etc.

E o antônimo de ímpio é: bondoso, bom, humanitário, caridoso, generoso, benevolente.

Seja sincera: hoje em dia há mais pessoas que se enquadram em qual descrição?

Na do ímpio, óbvio… Se assim não fosse, o mundo não estaria como está.

Sendo assim, nem você e nem eu devemos dar a terceiros o direito de decidir o que fazer com a nossa vida.

Na era de coach para tudo, vemos o quanto as pessoas são carentes de opiniões e o quanto acham que os outros sabem tudo enquanto elas não sabem nada.

E a minha reflexão é:

Ainda que as pessoas saibam mais do que você sobre alguns assuntos, o que dá direito a elas de decidir sobre a sua vida, a respeito da qual elas não sabem nada?

Você deve aprender as dicas, conhecer as ferramentas e se beneficiar do bom ensinamento das outras pessoas, mas as decisões cabem unicamente a você e mais ninguém.

Você tem um cérebro aí com toda a capacidade de raciocínio necessária.

Por isso, não vá pela cabeça dos outros!

Busque aconselhamento com quem realmente tem algo a oferecer e não se encaixa na descrição de ímpio, mas não deixe a decisão nas mãos de ninguém.

Arrume tempo para pensar, refletir, meditar, analisar e não tenha preguiça!

Deixar essa tarefa para outras pessoas é um risco que você não deve correr.

Amanhã teremos mais um dia de reflexão, não perca!

Para ler as próximas reflexões, clique abaixo:

Dia 2 – Andar a segunda milha

Dia 3 – Cuide da sua vida

Dia 4 – O que as dúvidas causam

Dia 5 – Não se perca pelo caminho

Nos vemos!

Jornalista, especialista em finanças, autora de 5 best-selleres, colaboradora dos programas Mulheres (TV Gazeta) e Escola do Amor (Record TV). Colunista do portal R7 e youtuber.

  • Olá Patrícia.
    É cá para nós aprender a pescar é tão melhor nao é mesmo?
    Eu prefiro aprender ainda que demore do que ficar dependendo sempre de alguém, Ainda não estou da forma que gostaria mais ate mesmo o aprendizado de determinadas coisas adquirimos com a prática é com o tempo necessário.

  • Gente inacreditável essas perguntas kkk, gente Deus nos deu um cérebro para pensarmos! Use essa benção que Ele te deu! #borapensar

  • Estou no mesmo espírito, Patrícia! E em todos os sentidos como família, finanças, trabalho, espiritual etc. Eu ficava buscando dicas de especialistas em educação infantil pra tudo na criação do meu filho (tudo bem que tem coisas que a gente precisa de uma orientação, vc já até me ajudou kkk, mas se pensarmos e meditarmos sobre nossa vida e nossas condições, encontraremos a resposta por nós mesmos), aí eu pensei :”Quer saber? Eu tenho uma cabeça pra pensar e Deus pra me ajudar.” Então coloquei em prática e hoje é tudo mais leve pra mim sobre as questões do meu filho. Penso sobre a situação, me coloco no lugar dele pra entendê – lo e logo tenho uma resposta. Beijos! O comentário já ficou maior do que devia kk

  • Obrigada Paty,
    Suas mensagens são inspiradoras, e nos fazem crescer, aprender e desenvolver a habilidade de pensar por nós mesmos, afinal pensar e de graça, mas nem todos estão dispostos a esse crescimento, tenho certeza que a maioria das suas leitoras, como eu, estão a procura de aprender e de alguma maneira que isso acrescente na nossa vida.
    Estou lendo o seu livro Lugar de mulher, e estou amando a leitura, queria ler em dois dias, mas como quero aprender de fato, estou lendo bem devagarinho, como um prato saborosíssimo a degustar 😍.
    Obrigada, Deus continue a lhe usar, mais é mais, um beijo enorme.

  • Oi Paty! Este teu post me fez lembrar um outro seu que fala que estamos na era da burrice. Com tantas distrações, as pessoas não estão mais pensando, analisando, raciocinando… Nem aquelas que aparentemente tem uma opinião sobre algo. Eu sigo um canal de filosofia e um dos vídeos postados tem o título “Você tem uma voz ou um eco?”. Bom demais! Continue firme chacoalhando nossas cabeças! Bjos!

  • As pessoas não querem ter trabalho pensar, pois terão que fazer escolhas e se as escolhas não derem certo, não terão a quem culpar. É mais cômodo culpar os outros do que decidir por si só.

  • Adorei a reflexão, Patrícia!! Sem pensar, sem refletir, a gente acaba procrastinando e deixando as decisões nas mãos dos outros. Já fiz isso algumas vezes, confesso, mas vamos aprendendo e vivendo melhor, mais dentro da própria realidade.
    Grande beijo!! E obrigada por seu conteúdo tão rico!

  • Conteúdo Riquíssimo! E vamos de série … Tempo de pensar, todo dia é dia toda hora é hora. Não existe um minuto ser quer ao qual não nos encontramos pensando em algo.
    Quando se trata de relacionamentos, finanças, família, trabalho, etc… As multitarefas de cada dia.
    Se projetas alguma coisa, Ela te sairá bem e a luz brilhará em teus caminhos. Jó 22.28
    O ponto crucial é organizar e planejar…
    E todo tempo é tempo de pensar!
    Obrigada pelas dicas e conselhos Paty! Bjs

  • Pat, Boa tarde!
    A vida é uma escola e os conselheiros/consultores oferecem nortes para cada interessado rever o que é de melhor, mas como experiencia de muitos meses ouvindo voce e outros tbém conhecedores de muitas mudanças de vida para melhor eu comecei pela mudança de Mentalidade, foi primordial das atitudes para chegar onde estou hoje. Engana quem acredita que as mudanças é passo de mágica, nunca! Porque no meu caso e de tantos brasileiros a situação financeira grave acontece a meio e longo prazo. Parabéns pela suas palavras de encorajamento, feliz por voce ter coragem em dizer o que PRECISAMOS ouvir.

  • Parabéns pelo tema e pelo post!

    Afinal, quem anda pela cabeça dos outros é piolho! 😉

  • “Bem melhor do que explicar e a gente ter de pensar o que é melhor pra nós”???? Kkkkkkkk……..Rindo até 2050….. Jesus Cristo! a que ponto chegou o ser humano!!!!!
    Ser youtuber virou sacerdócio, né Paty!
    E eu tão “pra frente” ingressando no mercado de ações, estudando empresas e feliz com minha reserva de emergência prontinha e bem aplicada…..

  • Oi Pati! Acho que muitas pessoas não querem aprender pescar e sim esperar o peixe já assado no sofá de casa kkkk Suas dicas são valiosas! Beijos

  • Gratidão pelo artigo, hoje eu resolvi entra em um tempo mais introspectivo, quando abro meu e-mail me deparei com o seu artigo e é bem o que eu penso… mas infelizmente muitas pessoas preferem entregar as responsabilidades não mão de outras pessoas imagino eu para que se caso não der certo ter a quem culpar!Que venha os próximos 19 dias!Tenho certeza que sera um período de grande crescimento!

  • Patrícia!gosto muito das suas dicas de economia,moda e cozinha!As reflexões me ajudam a entender várias situações que na minha vida foram passando e nem percebia o quanto precisava mudar! Durante este período vai ser melhor!

  • Nossa! completo 75 anos na próxima semana e ainda me assusto com tanto comodismo desse povo.É um tal de consultar o Google para tudo, sem medo de errar com tanto que encontra tudo ali mastigadinho,sem precisar usar um pouquinho a própria cabeça, sempre procurando facilidades.Graças a Deus uso a minha até hoje e não pretendo parar. Obrigada Patrícia por tantos ensinamentos,pena que alguns ainda acham pouco.Que Deus continue abençoando e te usando.

    • Que bom que tivemos oportunidade de viver uma época que nos obrigava a usar a cabeça! Bjs

  • Paty, bom dia, tudo bem?
    Você é o que posso chamar de “uma boa associação” para que eu possa crescer!
    Obrigada!
    Beijos

    • Fora as que perguntam: “o gerente do banco vai aprovar meu financiamento?” 🙁

  • Paty, cada pergunta hein? Nem vou comentar…que tristeza! Mas o post é ótimo! Pensar nunca é demais, pena que as pessoas prefiram outros tomando decisões por elas…esta é a grande razão que nosso país está desta forma, por ter tanta gente preguiçosa e que não quer pensar, esperando que alguém decida por eles. E que venham os próximos 19 dias!

  • Adorei o texto Paty! Chega a ser engraçado até ver esses comentários que você mencionou… Infelizmente atualmente as pessoas tem preguiça total de pensar! Excelente esse desafio! Abraços!!!

  • Ótimo texto! Realmente ninguém quer mais se esforçar para nada, o que é lamentável. Obrigada por todo conteúdo que vc divide conosco!

  • Como sempre nos trazendo assuntos maravilhosos, obrigada Patrícia!

  • Horrorizada com essas mensagens que você recebe kkkkkkkk. Amo suas mensagens e vídeos justamente porquê me ensina a pensar!

  • Incrível! Pessoas cheias de infantilidades.
    Tanto têm preguiça de pensar como gastam tempo precioso nas redes sociais.

  • Gratidão pelo conteúdo sempre lúcido e prático.
    Minha vida tem mudado muito desde que assumi o controle dela.
    Cuidar de si e de nossas ações, são ações que não se delegam.
    Sigo aprendendo com você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *