Há coisas que aprendemos, mas logo esquecemos e isso é porque não utilizamos a melhor forma de aprender. No post de hoje você vai saber que forma é essa!

A melhor forma de aprender

Conforme os desafios avançam, mais feliz eu fico com o desempenho de vocês! 🙂

Ontem li muitos comentários que me deixaram muito contente, mas vou destacar um hoje.

Vou resumir porque são muitos comentários e não tenho como achá-lo agora!

A leitora começou dizendo que NÃO estava cumprindo os desafios, pois teve que fazer compras.

Porém, a medida que ela foi contando o motivos das compras, foi percebendo que estava agindo certo.

Isso porque ela estava de mudança e teve que comprar várias coisinhas,

Mas, a cada compra, ela pensava se aquele item era realmente necessário, se ela podia pagar e se não iria se apertar.

Como eram coisas realmente importantes e ela podia comprar no momento, pesquisou as melhores opções e fez as compras.

No final, ela disse que estava achando que não estava tão fora assim do desafio.

Fiquei muito feliz em poder responder que ela estava totalmente dentro do desafio. E não só isso, mas cumprindo muito bem!

Esse é o sentido do nosso 30DSC: não comprar nada desnecessário e pensar em cada compra que precisa ser feita.

Mas o que quero destacar é que essa leitora – assim como várias outras – aprendeu da melhor forma que existe: concluindo por ela mesma!

Quando você sai do automático, analisa as coisas, não age por impulso e nem na ansiedade, você aprende!

E aprender por si mesma é a melhor forma que existe porque você nunca mais vai esquecer.

Isso não vale apenas para estes 30 dias, mas para o resto da vida, não é mesmo?

 

O esmalte Colorama

Quem já leu meu livro Bolsa Blindada sabe que aprendi a ler aos 4 anos.

O processo de aprendizado foi bem simples, pois minha mãe me ensinou os nomes de todas as letras.

Depois, me ensinou a escrever todas.

Em seguida, me ensinou as sílabas e o som delas.

Daí, um dia que ela estava pintando a unha, perguntei o que estava escrito no esmalte e ela NÃO respondeu o que era, mas fez outra pergunta:

“Ué, você sabe, por que está perguntando!”

E eu disse que não sabia…

Mas ela insistiu: “C com O é o quê?

Eu disse: “co”

E L com O?

Eu disse: “lo”

E ela terminou com essa: “agora leia o resto!”

Dessa forma, li minha primeira palavra na vida, que foi: Co-lo-rá-ma. Assim mesmo, com o RÁ bem forçado!

Depois, concluí que era “colorãma” e não “coloráma” porque já tinha ouvido aquela marca várias vezes.

Daí em diante fui juntando todas as sílabas que conhecia e lendo tudo o que me aparecia pela frente!

Nunca mais precisei de alguém para ler nada para mim, e hoje AMO escrever.

Guarde essa frase:

Quando você aprende a usar a sua cabeça, não precisa da cabeça de ninguém. E quando você aprende a usar o seu dinheiro, não precisa do dinheiro de ninguém!

 

 

VEJA OS DESAFIOS ANTERIORES!

DIA 01 – Desafio 30 dias sem compras – Começa aqui!

Dia 02 – Vença os obstáculos invisíveis

Dia 03 – Vença as lutas visíveis

Dia 04 – Vença as vergonhas financeiras

Dia 05 – Não é uma resposta completa

Dia 06 – Defina um objetivo e as lutas virão!

Dia 07 – Critérios para compras durante o Desafio

Dia 08 – A onda do empoderamento desempoderado

Dia 09 – Cuidado com as compras via internet

Dia 10 – Você foi programada para ser pobre

Dia 11 – Não te entendo, te ofendo

Dia 12 – Autoconhecimento é a palavra-chave para o sucesso

Dia 13 – Ilusão, fantasia e perda de dinheiro

Dia 14 – Viver sem crédito

Dia 15 – Fundo do poço para despertar

Dia 16 – Na seleção natural só ficam os fortes

Dia 17 – Projeção financeira, como fazer a sua

Dia 18 – Assuma suas responsabilidades

Dia 19 – Perseverar para vencer

VÁ PARA O PRÓXIMO DESAFIO!

Dia 21 – Não cresço e não deixo você crescer

 

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

 

Nos vemos amanhã!

Jornalista, especialista em finanças, autora de 5 best-selleres, colaboradora dos programas Mulheres (TV Gazeta) e Escola do Amor (Record TV). Colunista do portal R7 e youtuber.

  • Como sempre falo cada dia aprendendo mais….amei o provérbio rsrs..vou usar já registrei no pc…

  • Post top, como sempre! desafio pra lá de enriquecedor em todos os sentidos…

  • Aprender por si próprio, pensar, usar a cabeça. Coisas simples que aparentemente ‘esqueceram’. Aliás, as novas gerações desaprenderam a usar a massa encefálica.

  • Olá, é isso ai…

    Vamos pensar por nós mesmas, melhor frase.

  • É muito legal isso de se questionar antes de comprar. Agora mesmo vi uma propagando de perfume, lembrei que o meu acabou e preciso de outro. Vi que o perfume que eu quero está com 30% de desconto se comprar pelo site, e mesmo com o frete fica mais em conta se comprar na loja física, mas levando dois perfumes o frete sai de graça e a unidade fica mais em conta ainda. Mas me questionei: por que vou comprar 2 se preciso apenas de 1? E a ideia de comprar no débito, você vai furar mesmo, pois seu orçamento já está definido até o final do mês? E se a promoção acabar antes do dia do meu pagamento? Tem outra alternativa de comprar mais em conta e que possa esperar? Aí lembrei do marketplace do facebook, pesquisei e achei o perfume um pouco mais barato que pessoas compraram e não gostaram ou de revendedoras. Enfim, o perfume vai ter que esperar kkk…
    Outra coisa bacana é que quando a gente não pensa e erra, o estresse que aquilo lhe causa é um aprendizado daqueles que não se esquece nunca mais. Me deixei levar pela pressão e acabei entrando no amigo secreto de ovo da páscoa da empresa, mas para não me sentir tanto na desvantagem falei que só toparia se me dessem vale-presente de livraria ao invés de chocolate. Aí como já tenho a fama de pensar diferente, dizem que isso é “ser do contra”, algumas pessoas não gostaram e fui chamada de chata. Me estressei, falei que não ia participar mais (afinal já não queria mesmo), e para não deixar o clima pior, resolvi permanecer porque outras pessoas tentaram apaziguar a situação. Estou participando sem a mínima vontade, sem estar nem um pouco no clima de brincadeira, e super chateada comigo mesmo. Lição que aprendi: quando eu disser NÃO para algo que já havia decidido antes, eu não vou ceder e ponto. Melhor que pensem o que quiser de mim, do que eu ficar com raiva de mim mesma, me sentindo mal, chateada. Agora que vou ficar mais firme ainda nas minhas decisões!!!

  • OK. Ótimo aprendizado. Com 04 anos aprendi a tocar piano. Minha vó foi minha primeira professora. Aprendi as notas através de figuras. Um linda recordação que guardo até hoje. Continuando a tentar não comprar. bjs

  • Amei o post de hoje! Principalmente a frase final.
    Aprendi com minha mãe desde cedo a nunca pegar nada emprestado de ninguém, inclusive dinheiro. Parece até um pouco radical, ela dizia: se vire com o que você tem!
    Só não aprendi cedo como usar meu dinheiro, como você disse em outro post: fomos programados para ser pobres e isso fez parte da minha infância e adolescência.
    Com o tempo fui aprendendo a fazer escolhas melhores e conscientes, mas os 30DSC estão me fazendo avançar e muito nesse aprendizado sobre finanças.
    Estou amando e aproveitando cada conselho, cada dica sua 💕

  • Pensar é uma coisa tão boa, as vezes para e penso quanta burrice ja fiz porque não parei pra pensar e apenas agi no impulso, pensar é de graça e só nos faz bem, mas requer um exercício diário e praticar o pensar, humanamente impossível não comprarmos absolutamente nada, porem eu entendi o desafio desde o principio o não comprar é não comprar bobagens e coisas desnecessárias, e você perceber se precisa ou não daquilo, e a maioria das vezes não precisamos mesmo

  • Linda sua história. Vou escrever na lousa para meus alunos todos os dias.

  • Olá Patrícia! O artigo de hoje, sem dúvida, me deixou ainda mais empolgada. Comecei o desafio com ele já em andamento, pois só vi depois que já havia começado. No entanto, estou conseguindo seguir as dicas e fazer o mais importante: pensar antes de comprar alguma coisa. E o que posso dizer é que essa atitude é libertadora, pois demonstra que quem tem o controle é você. Obrigada por todos os ensinamentos.

  • Estou apaixonada por esse desafio, mas não consigo escrever muita coisa.Obrigada Patrícia por tudo!

  • Olá Patrícia Lages, boa tarde!
    Meu nome é Rosineide, contínuo no desafio 30DSC.
    Quando começou o desafio, expliquei para o meu esposo, e li alguns posts para ele; Para minha surpresa ele gostou muito e entrou no desafio 30DSC.
    Fui com ele fazer a compra do mês, compramos o necessário, o que economizamos, foi usado para pagar despesas, do dia a dia.
    Este mês entrou um dinheiro extra, como estou no desafio, deixei uma planilha organizada do que poderia deixar em dia, no meu orçamento.
    Parabéns pelo seu trabalho! Obrigado por ter dedicado seu tempo a ensinar, educação financeira.
    Casei com 18 anos, hoje com 38 anos, fico imaginando, se tivesse alguém para dar estas orientações que tenho hoje; Eu estaria em uma situação financeira ótima.

  • Adorei a história Paty!
    Eu aprendo bastante coisas por mim mesma,mas pra outras preciso de alguém pra ensinar, (sou um pouco lenta rsrs),acredito o primeiro passo para aprender algo seja escolher o q se gosta, pois tudo q se gosta se aprende com mais facilidade e maoir perfeição, então sigo nessa linha.

  • Ótimo poste.
    Conseguir entrar em uma loja de roupas e ver que não precisava delas. Depois gastar tanto consegui ser dona do meu próprio dinheiro. E gasta lo com que realmente preciso,no momento adequado.
    Obrigada Patrícia pelo desafio! 👏👏💪💪😘

  • Cada dia um post melhor.
    Estou aprendendo cada dia mais avaliar minhas comprar principalmente as que se referem a minha filha.
    Obrigada hoje se sempre.

  • Patrícia muito obrigada por maravilhosas lições, nas quais eu posso dizer que estou aprendendo!!! Não estou gastando dinheiro! Estou ganhando dinheiro. Decidi fazer brigadeiros para vender, estou na segunda semana de vendas, nem acredito que eu era capaz. Meu esposo está trabalhando em dois empregos, para que eu possa ficar um pouco mais com o nosso bebê que tem 7 meses. E quero fazer a festinha dele. Foi através desses posts incríveis que fui impulsionada e não posso deixar de mencionar os vídeos. Parabéns Patrícia! Sei que vc já mudou a história financeira de muita gente, mas quero que você saiba que Eu sou uma delas!!!!

  • Nada melhor do que nós mesmos para fazer uma análise e entender o que precisa ser mudado e o melhor, colocar isso em prática!
    Trabalho próximo a um shopping, meu emprego é bem estressante e muitas colegas de trabalho saem na hora do almoço para “desestressar” e voltam cheias de bolsas. Estava indo pelo mesmo caminho, mas cai na real até antes do desafio e antes penso se há mesmo necessidade de gastar e se eu economizar em que posso investir aquele valor que vai sobrar?. Tenho investido e diversificado os investimentos e mudado muitas coisas na minha vida financeira.

  • Aprender sempre….amei a frase:
    “Quando você aprende a usar a sua cabeça, não precisa da cabeça de ninguém. E quando você aprende a usar o seu dinheiro, não precisa do dinheiro de ninguém!”

  • Adorei a frase final, principalmente a parte que diz: “E quando você aprende a usar o seu dinheiro, não precisa do dinheiro de ninguém!”. É para refletir hoje e sempre. O pensamento é: não preciso do cartão de crédito, porque tenho o meu próprio dinheiro! Ainda estou pagando um monte de contas parceladas, que fiz no cartão. Parece que não vão acabar nunca. Na hora de comprar, é fácil! Tudo parcelado em até 10x sem juros, mas depois, fico 10 meses amargando a compra, que muitas vezes foi desnecessária. Um dia de cada vez. O que vale é o aprendizado de que todas elas vão acabar. Aí, como aprendi com você, Patricia, vou usar somente o meu dinheiro, com o que é necessário! Muitos 😘😘😘 e obrigada.

  • Hoje comprei 135,00 de remédio para minha filha ,mas minha amiga que foi comigo pediu desconto no momento em que eu ia pagar,após ele ter dsdo o desconto ela pediu que arredondasse para 135,00 e ele deixou por esse valor ,eu consegui uma economia de 8 ,00 e aprendi uma lição,que mesmo quando precisamos comprar dá pra economizar,e como diz minha amiga o não eu já tenho.😘

  • Boa noite Patricia, ótima reflexão desse post!
    Amei a frase…”quando vc aprende a usar o SEU dinheiro, não precisa usar o dinheiro de ninguém. ”
    Fico feliz por estar nesse desafio com vc e todas as demais participantes…é muito bom estarmos aqui unidas pelo propósito de aprender a lidar com nossas finanças pessoais.
    Estou vindo de um processo longo de muito aprendizado com vc e seus posts ! Obrigada por todo esse carinho para conosco! Bhs

  • vou levar sempre uma parte do texto,que diz aprenda a usar o seu dinheiro e não do dinheiro de ninguém.

  • Isso é fantástico Paty, aprender a pensar por si, depois que se aprende de alguém.

  • maravilhoso muitas vezes não acreditamos em nosso potencial para perguntar ou deixar os outros e todos nós temos capacidade de fazer tudo principalmente as nossa tarefas ,mas tem pessoas que adoram terceirizar para outras pessoas
    todos somos capazes

  • E não usar o dinheiro dos outros faz toda diferença para o nosso bolso.

  • Perfeito!!
    Obrigada, Patrícia, por me ajudar tanto com suas dicas aqui no blog, no canal do YouTube e no Instangram!
    Estou te indicando para todos que conheço! Você é transparente, verdadeira e a verdade nos liberta ainda que nos provoque dor, inicialmente! Minha busca pela liberdade é constante e você me ajuda nesse processo. A liberdade, no meu ponto de vista, consiste em eu fazer o que é certo, justo e não as minhas vontades. E no post de hoje, você sitou algo que resume o que eu entendo de liberdade: “Quando você sai do automático, analisa as coisas, não age por impulso e nem na ansiedade, você aprende.” Obrigada por tanto! Deus te abençoe!

  • No foco! Obrigada, que frase impactante, vai para a tela do meu PC e celular.

  • Patrícia, completando a sua frase: “Quando você aprende a investir o seu dinheiro, não precisa pagar para que ninguém o faça por você”. “Quando você aprende a construir sua própria aposentadoria, não precisa se sujeitar à esmola de governo nenhum”.
    Bjos

  • Excenlente!!! Sempre nos ensinando com suas sábias palabras.
    👏👏

  • frase final perfeita
    estou nesse processo
    usar a minha capacidade de pensar e decidir
    e assim usar com sabedoria meu dinheiro ganhos com muito esforço em uma sala de aula com 35 alunos de 10 anos, para não precisar do dinheiro do marido, nem de ninguem.

  • Perfeito! E como uma das colegas disse nos comentários, o cartão de crédito não é um dinheiro meu, logo… “quando você aprende a usar o seu dinheiro, não precisa do dinheiro de ninguém” nem mesmo do cartão de crédito! Essa será a meta!

  • Ah!!! Fui eu quem fiz o comentário achando que não estava tão dentro do desafio assim! Mas que bom que essa coisa do consumo consciente se aplica ao desafio! Um dos pontos mais libertadores do ano passado foi quando eu coloquei as minhas contas em dia. Antes o meu salário chegava e era só para pagar conta é as contas daquele mês eu ia colocando no cartão… Aí perdi meu pai no meio do ano e isso me fez repensar toda a minha vida e o ponto financeiro foi um deles. Quando eu comecei a fazer o dinheiro sobrar, quando eu comecei a juntar dinheiro, quando eu comecei a tomar a rédea das minhas compras, minha vida financeira mudou demais! Foi muito libertador e realmente a frase final faz todo sentido! Eu aprendi a usar meu dinheiro e não estou precisando do dinheiro de ninguém!

    • Arrasou, Liane! Vc está super dentro e ainda inspirando as demais desafiantes!

  • Gente que post maravilhoso!!! Eu estou lutando para chegar nesse nivel, não precisar do dinheiro de ninguem, estou zerando algumas parcelinhas no cartão de credito e vou deixa-lo de lado, só usar se for extremamente necessario… aliás, já estou conseguindo 🙂 Quero ter o gostinho da vitoria de pagar minhas contas em dinheiro e ainda ver sobrar din din na conta!!! Vamos chegar lá!!! Patricia muito obrigada!!! Vc nos faz refletir e melhorar como pessoas!!! DEUS te abençoe abundantemente!!! Bjs

  • Boa tarde ! e realmente desse jeito mesmo ,eu comecei a fazer a faculdade a distancia ,todas algumas pessoas ,tentaram jogar terra ,quando informei que tinha feito inscrição e iria começar no inicio desde ano ,falaram que não era a mesma coisa ,que eu não iria aprender nada e tudo mais, eu acompanha o seu blog desde do inicio e sempre fui uma pessoa motivada , a faculdade tradicional não daria pra pois eu trabalho cedo e tem dias que trabalho a noite ,para resumir kkk, estou aprendendo muito ,e posso dizer que este foi um dos melhores métodos que ,foram inventados ,somos forçados a sermos autodidatas, e isso se aplica a tudo na vida ,estou aprendendo inglês sozinha , e através de desafios que são colocados aqui ,eu coloquei como meta ler pelo menos um livro por mês no ano passado ,tem meses que consigo ler dois 3 livros ,quase não vejo televisão ,uso bastante o netflix ,para aprender ,palavras em inglês ,eu reparei também que depois que foquei em aprender ,outro idioma ,eu presto muito a atenção em cada palavra dita procurando entender, ler e maravilhoso ,o adulto aprende apenas quando quer .Temos que ser independentes ,em nossos pensamentos ,Deus deu uma cabeça para ser usada ,não apenas para carregar cabelos kkkk.

  • Me surpreendeu de forma positiva a forma como tem conduzido este desafio. No início fiquei meio receiosa, na encarei. Dei uma derrapada. 🙈Mas……continuo no desafio. Aprendendo a cada dia

  • Até anotei : “Quando você aprende a usar a sua cabeça, não precisa da cabeça de ninguém. E quando você aprende a usar o seu dinheiro, não precisa do dinheiro de ninguém!”
    É para a vida toda.

  • Olá Patrícia tudo bem?
    Estou desempregada há quase 3 anos, sempre fui controlada financeiramente e depois que conheci seu blog, me apaixonei ainda mais por essa área, no momento estou dependendo só da renda do meu marido, mesmo assim economizo do jeito que posso, ás vezes meu marido diz que preciso relaxar porque quero economizar demais, mas graças a essa economia,conseguimos comprar nosso carro e não temos dívidas altas, não estamos apertados por depender da renda dele. Parabéns pelo seu empenho em trazer ótimas dicas pra suas leitoras. Que Deus te abençoe!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *