Hoje finalizaremos a série de posts sobre como ocupar o tempo das crianças nas férias, fazendo com que elas aprendam a curtir o cuidado com a casa e a família. E hoje é dia de recompensa!

 

Captura de pantalla 2013-12-10 a la(s) 23.38.05Uma ótima ferramenta na educação das crianças é a introdução da recompensa financeira, chamada de “mesada” ou “semanada”. Elas se sentirão valorizadas e recompensadas ao realizarem suas tarefas domésticas e aprenderão sobre a gestão do dinheiro.

Você também estará ensinando seus filhos a tomarem decisões, a lidarem com recursos limitados e entenderem os benefícios de poupar seu rico dinheirinho. É muito bom que a mesada esteja vinculada às tarefas. Assim, você também estará permitindo que as crianças cometam seus “erros” financeiros e a aprenderem lições importantes para o futuro.

Quando começar a recompensar com dinheiro? 

Você poderá introduzir recompensas semanais quando:

  • A criança demostrar curiosidade sobre o dinheiro
  • Forem capazes de identificar notas e moedas
  • Saibam contar
  • Queiram comprar as coisas que desejam

Captura de pantalla 2013-12-06 a la(s) 13.30.15Essa fase se dá por volta dos cinco anos, quando chegam à pré-escola (mas isso varia de criança para criança). Nesta fase elas poderão começar a aprender a gastar, economizar e investir. Mas é importante lembrar que nunca é tarde para começar.

Quanto dar? 

O valor dependerá da sua situação financeira, tendo em mente que você deve estipular uma quantia que poderá se comprometer de forma a não falhar depois. Os especialistas geralmente recomendam que as crianças recebam um real por semana para cada ano de idade, por exemplo, sete reais semanais para uma criança de sete anos de idade.

Algo muito importante que você deve ensinar aos seus filhos é separar o dinheiro, para isso, você pode dar-lhes alguns frascos coloridos ou potes plásticos com etiquetas. A primeira parte a ser separada, antes de qualquer coisa, deve ser o dízimo, que são os primeiros 10%. Desta maneira seus filhos aprenderão a honrar a Deus em primeiro lugar e serão grandemente recompensados por Ele. Leia com eles os versículos bíblicos 10, 11 e 12 de Malaquias capítulo 3. Faça um recipiente bem bonito, para que seu filho veja o quanto isso é especial. Não importa se você acha que são muito pequenos e nem estarão entendendo o que isso quer dizer, pois o importante é que eles vejam que isso deve fazer parte da gestão do dinheiro. Mais tarde elas irão assimilar melhor.

brinqsEnsine seu filho a poupar para comprar algo que deseja em vez de dar a ele. Por exemplo, se ele quer um carrinho que custa R$ 15,00 e ele recebe R$ 10,00 por semana, deverá separar R$1,00 para o seu dízimo, poderá poupar R$ 5,00 para o carrinho e usar os R$ 4,00 restantes para o que quiser. Você deve ensina-lo que juntando os R$ 5,00 por semana, poderá comprar o carrinho ao termino de três semanas, assim ele entenderá que nem tudo pode ser na hora. Também aprenderá que as coisas não caem do céu, temos que conquista-las com esforço e trabalho!

Quando adulto, seu filho saberá como lidar de forma correta com o dinheiro.

Para quem está chegando agora e deseja se inteirar desta série de posts, clique aqui para ler o primeiro e aqui para o segundo. Se gostou das dicas, compartilhe com suas amigas, e se ainda não curtiu nossa fanpage no Facebook, clique aqui e curta!

Um beijo e até a próxima semana.

Sandra Lages

Jornalista especialista em finanças, autora do best-seller Bolsa Blindada, colunista do programa Mulheres, TV Gazeta e youtuber.

  • muito rica estas dicas ontem foi que li o primeiro e o segundo e olha só quando cheguei em casa pedi para que minha filha me ajudasse a arrumar a casa ela já foi logo varrendo toda a casa certo que do jeitinho dela mas achei muito linda ela ate tirou o tapete da sala e quando vi já tinha ate varrido ele e quando meu esposo chegou ela correu para contar que tinha me ajudado e como prometi deixei ela jogar no computador kkk muito obrigada por estas dicas já conversei com meu marido para nós colocar mos a em pratica obrigada e que DEUS Abençoe ainda mais.

    • Oi Andrelina, que bacana! Continue colocando em prática e conte-nos sempre os resultados! Um beijo.

  • Que legal! Tenho um filho de nove anos e ele conhece muito bem dinheiro, gosta de gastar, mas… detesta realizar tarefas. Confesso que, tinha vontade de fazer alguma coisa nesse sentido, mas não tinha as ideias muito bem organizadas de como começar e esse três posts me ajudaram bastante. Vou usar um quadro branco, daqueles que dá pra escrever e apagar, assim posso colocar elogios ao invés de estrelas, ok? Amei, beijos.

    • Oi Cassia, que bom que se animou a fazer. A sua idéia do quadro branco com os elogios é excelente! Nos conte os resultados. Beijos.

  • Oi Sandra,
    Esta postagem me fez lembrar de quando era criança! sempre ajudava minha mãe nas tarefas!
    Quando ganhava um dinheiro guardava e economizava para poder comprar algum brinquedo que queria.
    Parabéns pelas dicas maravilhosas que traz todas as semana aqui no Blog!
    Continue sempre com esse lindo trabalho!
    Acompanho todos os post’s e sempre divulgo para as pessoas que conheço!
    Deus a abençoe.

    • Obrigada Luis, que Deus o abençoe também e que seu 2014 seja maravilhoso!

  • Me encanto este consejo gracias, estoy segura que amis hijos les ba encantera! Dios le bendiga Sandra.

    • Gracias Blanca! Practique con sus hijos y cuéntanos los resultados! Un beso.

  • Dona se que posso chamar assim esse post é muito interessante ,pena que meus pais não souberam me ensinar com tanta aplicação.hoje sei como é através deste post.quem sabe nao vou ensinar para os minhas sobrinhas ou quem sabe para um futuro herdeiro.só Deus sabe.obrigada.bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *