A maioria das pessoas tem propensão a não terminar o que começou e, muitas vezes, isso acontece por falta de metas. Confira o post!

Tenha metas

Reservei parte desta manhã para ler todos os comentários pendentes aqui no blog e nas minhas redes sociais.

Muitas vezes, são os comentários que me trazem ideias sobre o que escrever, afinal, eles refletem as impressões e dúvidas das nossas leitoras.

E o tema de hoje – tenha metas – surgiu de vários comentários de vocês.

Um deles, enviado via DM do Instagram, me chamou bastante a atenção, pois dizia:

Trabalho com vendas, mas não tenho nenhuma meta. O que devo fazer para poder atingir minha meta? Me ajude!

Pode parecer estranho, mas grande parte das perguntas que recebo já vêm com as respostas!

Outro exemplo:

Todas as vezes que vou ao shopping gasto além do que devo. Como faço para isso não acontecer mais?

A resposta para a primeira pergunta é tão óbvia quanto a da segunda:

Sem estabelecer um destino é claro que será impossível chegar a qualquer lugar.

E se o problema é a ida ao shopping, qualquer criança sabe qual é a solução, não é mesmo?

O problema não é não saber o que fazer, mas sabe quais são?

  1. Querer mudança sem ter de mudar;
  2. Querer solução sem ter de pensar.

Enquanto as pessoas não estabelecerem suas próprias metas, se sentirão perdidas e, pior:

Sempre dependerão de alguém para lhes dizer o que fazer.

E enquanto não deixarem de fazer o que lhes prejudica, continuarão sofrendo as consequências.

Embora as pessoas que mandaram as perguntas saibam disso, elas ainda nutrem a falsa esperança de que alguém vai lhes mostrar um caminho mais fácil.

Bem, caminhos fáceis existem, mas não levam aos melhores lugares.

Por isso, separe um tempo entre hoje e amanhã para definir as suas metas.

SUAS metas, não as metas que os outros acham que você deve alcançar.

Além disso, faça as mudanças que precisam ser feitas para alcançar essas metas.

E lembre-se: ninguém pode fazer o que só você pode fazer!

 

Quer iniciar o Desafio da Produtividade desde o começo?

Sempre é tempo para melhorar, então, clique nos posts anteriores:

Desafio da Produtividade #1 – O mito da carga horária brasileira

Desafio da Produtividade #2 – Hábitos de produtividade

Desafio da Produtividade #3 – Técnica Pomodoro

 

Para não perder nenhum dos 15 desafios, cadastre-se aqui no blog!

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Nos vemos!

 

Jornalista, especialista em finanças, autora de 5 best-selleres, colaboradora dos programas Mulheres (TV Gazeta) e Escola do Amor (Record TV). Colunista do portal R7 e youtuber.

  • Olá Patrícia Lages, estou amando participar do desafio nos leva a refletir e obter as respostas em nossas próprias perguntas. Quer resultado? Precisa sair da zona de conforto.
    Parabéns!!

  • Ou Patricia !

    Quando são os outros que têm dificuldades, é fácil para mim encontrar uma solução, quando é comigo é muito mais complicado, tenho dificuldades em ver como sair do problema. Talvez escrevendo e tendo um olhar exterior… 🤔

  • Que bacana Patricia esse poste foi pra mim sr vc não tem metas direcionando para onde vai não chegara a lugar nenhum bjoss.

  • Oi Paty! Neste momento, devido ao problema de saúde que estou passando, a única meta que consigo pensar é: cuidar da saúde. (Depois de regulada minha pressão, a cabeça tá passando maus bocados; suspeita de enxaqueca). Mas, eu gostei tanto da meta TOP que determinei para mim no Desafio #1, que já vejo resultados: MANTER A CALMA em qualquer circunstância desafiadora que se apresentar na minha vida, inclusive relativa a saúde. Perder a cabeça pode fazer vc realmente perder a cabeça! rsrsrsrsrs Bjos!!

  • Olá já tinha estipulado metas mas tive alguma dificuldade em cumprir. Contudo, estou entrando nos eixos.

  • E principalmente metas atingíveis de acordo com o prazo estipulado, para não gerar frustrações e desistência 🙂
    Inclusive metinhas diárias, para ajudar no exercício anterior, de habituar o cérebro à comemorar 🙂
    Bjs

  • Bom dia! Patrícia todas as tarefas estão me ajudando , estava precisando disso .
    Agradeço a Deus e a vc!

  • Oi Paty. Bom ,estou há um tempo trabalhando em um lugar no qual trabalho muito e recebo muito pouco mesmo. Dá até estresse . Estou pensando em vender lanche na rua , que em duas horas de venda conseguiria mais do que o meu ” salário” mensal. O problema é que eu MORRO de vergonha. Estou entre a escravidão e a vergonha . Oq faço?

  • Olá Patricia.
    Esse desafio me ajudou muito, eu não estava planejando nada para alcançar meus objetivos na vida. Sonhos, tenho e muitos, porem não programava para realiza-lós.
    E hoje coloquei em pratica o que você postou, agora tenho o que alcançar.
    E assim realizar meus sonhos.

    Obrigada pela sua dica.

  • Percebi que o meu maior gigante, sou eu mesma. As barreiras que aparecem a minha frente, sou eu quem levanto. Realmente já sabemos as respostas de vários dos nossos questionamentos e dificuldades, resta -nos coragem para admitir que a ação de mudar o nosso hoje, cabe a nós mesmos.

  • Tenho muita dificuldade em estabelecer metas, já tentei e não consigo penso em por no papel chego a pegar o papel e caneta e na hora de colocar no papel travo não consigo entender e sei que isso é o que está faltando. me dê uma dica uma ajuda se puder. Obrigada.

    • Não levante da mesa sem escrever o que deseja. Bem ou mal, vai sair e vc vai vencer esse bloqueio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *