Quantas não são as pessoas que vivem sem dinheiro e não sabem como mudar essa situação? Mas existe solução, confira!

“Vivo sem dinheiro, o que faço?”

(Post 3 de 30 do “Desafio 30 dias para Crescer”) 

Somos seres de hábitos, como falamos no post de ontem.

Quando eles são bons, ficamos bem, ao passo de que, hábitos ruins nos farão mal.

Por isso, separei um vídeo para você assistir hoje no meu canal do YouTube.

Nele você vai conhecer sete dicas simples para sair desse ciclo de estar sempre sem dinheiro.

Há hábitos ruins que praticamos sem perceber, mas que podem levar boa parte do nosso dinheiro embora.

E, às vezes, o fato de não percebemos o que estamos fazendo de errado é que dificulta a solução dos problemas.

Em relação ao dinheiro, por exemplo, temos uma cultura muito nociva.

A questão de querer compensar emoções ruins comprando coisas, de não pensar no futuro e de passar a prestar atenção no dinheiro apenas quando está endividado.

Sabe aquela história de só colocar o cadeado depois que a porta foi arrombada? Então, é isso!

Quando você trabalha na prevenção, é provável que sofra muito menos quando os problemas vêm.

Não se trata de viver pensando em problemas ou mentalizando que tudo pode dar errado, mas sim, ter uma visão mais ampla das coisas.

Por isso, convido você a assistir esse vídeo simples, mas eficiente!

7 dicas para ter dinheiro o ano todo.

Para assistir, clique aqui.

Para ler os posts anteriores, clique nos títulos abaixo:

1 – Regras: uma relação de amor e ódio

2 – Por que não consigo mudar?

Para ler o próximo post, clique no título abaixo:

4 – 10 segredos dos campeões quenianos

 

Nos vemos amanhã!

 

Jornalista, especialista em finanças e autora de 5 best-selleres. Colunista do portal R7 e apresentadora do JR Dinheiro, no Jornal da Record.

  • Muitas vezes precisamos ir mais a fundo dentro de nós! No meu caso eu vivia sem grana porque sentia uma necessidade enorme de comprar mas sem precisar! Quando comecei a me questionar se eu precisava, então comecei a fazer compras de uma forma mais racional. abraço Patricia.

  • A maioria das pessoas que reclamam que estão sem dinheiro não fazem nada pra mudar, gastam o que tem o que não tem e esperam uma solução mágica pra vida financeira mudar. Com todas as dicas gratuitas só do seu canal e do seu blog, se colocarmos todas em práticas, além de não ficarmos endividados, sobrará dinheiro para realizarmos nossos sonhos também!

  • A parte que achei mais difícil foi vender o que não me serve mais, porque sempre faço doação

    • Não há nada de errado em doar, mas se você está precisando do valor, nada mais justo do que fazer uma venda com descontos onde vc ganha e quem compra tb! Bjs

  • Eu não tenho dívidas e consigo chegar no final do mês com saldo positivo na minha conta bancária, mas eu poderia gastar bem menos! Por exemplo, pesquisando mais antes de comprar e e também se eu não comprasse por impulso. Adorei as dicas do vídeo “7 dicas para ter dinheiro o ano todo”.

  • 3/30 – Quanto mais eu falava “Ai não tenho dinheiro para nada”, menos eu tinha; é difícil mas tenho mudado a forma de pensar e falar e tenho visto a diferença na minha vida financeira. Tenho aplicado o mesmo pensamento para o ” Não tenho tempo”.

  • Ai, Paty, estou para instituir “o ano sem compra”! rsrsrsrs Eu adorei a ideia do “achar” 300 reais na nossa casa! Eu até tenho um monitor da LG de 21′ que quero vender, mas até nisso sou ruim. Estou pensando em anunciar nos grupos de desapega do face. E cadê a paciência para entrar naquele inferno? Fugiu! OMG… Eu tenho vivido bem sem parcelas, mas, acho que talvez tenha que fazer um parcelamento novamente. Estou vendo uma foodbike para trabalhar e não sobrou muito da rescisão e preciso de um capital de giro, por menor que seja. Então… vamos ver no que vai dar! 🙂

  • (PS: Quem “vive sem dinheiro” é, na realidade, um genius ou algum minimalista ferrenho! Eu ainda não descobri como viver sem precisar de dinheiro! rsrsrsrsrs)

  • Muito tri esse vídeo, já vou colocar em prática, aprendi atitudes que realmente vão de encontro ao que eu preciso e eu nem tinha me dado conta que poderia fazer isso…

  • Venho mudando muito minha relação com O dinheiro e tabdando certo….

  • Essa pergunta, só tem uma resposta: colocar a mão na massa. Aproveitar todas as dicas, intuiçoes, videos, aulas, etc…e fazer entrar o dinheiro. nao tem mágica. beijos.

  • Excelentes dicas. Já tenho praticado quase todas. Está faltando a semana sem compras. Vamo que vamo.

  • Meus 2 pontos fracos: comprar parcelado. Por coincidência ou por força do desafio, não sei, liguei na adm do cartão e antecipei todas as parcelas das 2 compras que eu ainda tinha no cartão. Acabou esse negócio de parcelinha em 2020! Foi no fim de semana que decidi, já liguei e hoje, quando vi que entrou as parcelas no cartão, fui lá e pum, paguei.
    Meu 2º ponto fraco que é mais difícil de resolver: comer muito fora, pedir muito ifood. Estou empenhada em criar uma rotina para cozinhar em casa.

    • Uma medida intermediária pode ser comprar comida congelada. Vc vai se habituando a comer em casa e depois passa para a fase de cozinhar por conta própria!

  • Queria ter lido seus posts antes da porta ser arrombada, rs.
    Um abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *