Muitos pais trabalham a vida inteira, juntam dinheiro, bens, procuram dar o melhor ensino a seus filhos para, finalmente, quando não estiverem mais por aqui, possam deixar uma boa herança. Mas afinal, até onde isso é positivo?

Sandra_bolsaOlá, queridas leitoras!

Nós que somos mães, temos um amor incondicional dentro do peito por aquele ser tão pequenino, mesmo quando ainda o estamos carregando no ventre.

Depois de nascido, nos sacrificamos na medida em que ele cresce e fazemos “das tripas coração” para dar nosso melhor. Sem falar que morremos de medo que lhe falte algo, sejam coisas pequenas ou grandes.

A responsabilidade de formar uma família estruturada cresce com a chegada de um filho e isso é muito bom. Porém, muitas famílias só focam nas responsabilidades materiais: em dar a melhor escola, a melhor roupa, a melhor comida e, até mesmo, os melhores brinquedos.

Fora isso, há a preocupação de formar um patrimônio para deixar de herança, para que o filho tenha o que os pais não tiveram e não tenha que lutar tanto como os pais tiveram que lutar. Mas, pense bem: será que vale a pena trabalhar tanto, a ponto de nem sequer acompanhar o crescimento do seu filho?

Deixar uma herança em bens materiais não é errado, mas há um “bem maior” que, se você deixar para o seu filho, ele jamais irá passar necessidade do que quer que seja. É o maior presente que alguém pode ter: o Espírito Santo.

Quando você recebe o Espírito Santo, Ele cuida da sua vida em todos os aspectos e, só depois de recebê-lo, é que você poderá ser o exemplo que seu filho precisa para ser uma pessoa de bem no futuro.

Faça como o rei Davi que, em vez de deixar seu tesouro milionário para seu filho Salomão, preferiu deixar seu exemplo, sua bênção e a fé no Deus a quem serviu por toda a vida.

Na semana que vem, vamos falar sobre o valor que você que é mãe (ou pretende ser) tem diante de Deus.

Até a semana que vem!

Sandra Lages

 

Jornalista especialista em finanças, autora do best-seller Bolsa Blindada, colunista do programa Mulheres, TV Gazeta e youtuber.

  • Amém. Deus cuidada de todas as coisas, importante entregarmos nossas vidas a Ele!

  • Muito forte a mensagem, Dna Sandra. Me fortaleci com cada palavra.
    Ainda não tenho filhos, mas pretendo ter (é um grande sonho) daqui a uns anos. Quero realmente ser um exemplo para meu filho…As vezes por colocarmos tanta expectativa, quando nosso pequenino chega, acabamos achando que temos que mimar a todo instante, fazer todas as vontades, para sempre vê-lo feliz. Mas essa, nem sempre é amelhor forma…como já vi em alguns posts, em tudo tem que haver o equilíbrio.
    Estou em busca do Espírito Santo, para assim, ser uma mãe que Deus quer que eu seja, e não aquela que eu gostaria de ser.
    Obrigada pela mensagem.
    Abs,
    Carol

  • É verdade, não existe nenhuma riqueza maior do que possuir o Espírito Santo em nossas vidas, e esse é o maior legado que podemos deixar para os nossos filhos, que é a fé em nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. Deus te abençoe e continue te usando para abrir nossos olhos e mostrar a direção que devemos tomar em nosso dia a dia. Obrigada.

  • Que maravilha!!
    No dia 12 de outubro meu filho ganhou um valor(da avó) para comprar algo para ele.Nós só conseguimos ir ao shopping ás 21:30,e quando chegamos lá,ficamos revoltados!
    A loja de brinquedos era de assustar,lotada,brinquedos pelo chão,as crianças escolhendo,pessoas com sacolas imensas na mão,alguns só com o pai,outra sozinhos escolhendo.
    Fiquei muito brava e falei para o meu filho olha só! Vc acha isso normal?
    Isso é mentira!Ele parou e falou é verdade me sinto mal aqui! Vamos embora,depois vemos isso,vamos comprar algo para comer….
    E naquela famosa Lanchonete,( rs) estava ainda maior!
    Saímos e fomos no drive.Ele depois comentou que ficou muito mal com aquilo,com toda aquela situação,porque era assim?
    Na mesma semana,meu esposo foi ao mercado ,e voltou me falando que uma menina(mais ou menos uns 10 anos) , chorava tanto ,que a mãe se envergonhava,sabe o que ela dizia?
    -Mamãe eu quero aquele é tão gostoso!(e chorava de molhar a roupa)
    Que coisa,pessoas se importando com dia de algo,e uma menininha querendo comer algo!
    Ela não me saiu da cabeça(mesmo nem sabendo como ela é),mas a oração é sim por ela,e por tantos que não tem amor,e nem essa fé preciosa,o Espírito Santo.
    Por isso eu também vou ficar aqui ligadinha ,pois quero alcançar o máximo de crianças,e ajudar a muitas mães!
    Bjnhos as duas tão lindas e especiais!

  • Boa tarde D. Sandra;

    Meus pais sempre se esforçaram para me dar o melhor, obviamente dentro de suas condições que não eram as melhores, mas em hipótese alguma deixaram faltar alguma coisa para mim e meus dois irmãos. Mas, sobretudo nunca faltou o amor, a compreensão o carinho, e de quebra me deixaram por herança um exemplo de fidelidade no casamento, caráter, perseverança entre outros. E uma das heranças mais importantes que eles tem me deixado foi conhecer o Senhor Jesus.
    Aos 16 anos a minha mãe levou eu e meus irmãos para a igreja Universal, teve muita paciência e carinho que só uma mãe sabe ter, pois eu vinha de uma vida toda errada, envolvida com drogas etc. Ele não tem herança material para me dar, mas nem precisa, pois, me deram as joias mais preciosas: A fé e o Senhor Jesus.
    O que mais alguém poderia querer! 🙂
    Eu hoje não pretendo ter filhos, mas se acaso vier a ter, será essa a herança que deixarei para eles.
    Abraços D. Sandra.
    Dai.

  • Huummm…. gostei da sugestão: “Você que pretende ser mãe”.
    Obrigada, dona Sandra! O seu ensinamento me fez parar e pensar que o que os meus pais não me deram enquanto eram vivos, não foi culpa deles; mas agora sou eu quem tenho que aproveitar que estou aprendendo, para ser alguém melhor!
    Beijos

  • Essa é a maior e a mais valiosa herança que devemos deixar para os nossos filhos: o ESPÍRITO SANTO. Sem Ele nós não fazemos e nem somos nada.
    Deus abençoe a senhora!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *