Por que estamos colorindo livros?

Este post não é nem de longe uma crítica aos livros de colorir para adultos, mas sim uma reflexão do que está acontecendo com a nossa sociedade atualmente. Vale investir alguns minutos nessa análise!

01_autoraEm julho de 2013, cerca de um mês antes de lançar o livro Bolsa Blindada, estava tão encantada com as ilustrações que a artista plástica Carla Pilla fez para o livro que não parava de olhar para elas! Até que tive a ideia de dividir meu encanto com as crianças e lancei um pequeno concurso na nossa página no Facebook.

Liana-2Bastava baixar a imagem acima para uma criança pintar e as primeiras 20 que enviaram seus desenhos ganharam um cofrinho (só para constar: o concurso foi só naquela época, não tenho mais cofrinhos!! Mas se quiser baixar a imagem para pintar, fique a vontade, é grátis… hahahaha!).

Recebi vários, como o da Liana, do Rio de Janeiro, essa fofura da foto! Mas notei que as mães e outras leitoras do blog também pintaram e enviaram, simplesmente porque queriam fazer uma atividade que relembrasse seu tempo de criança, onde não havia preocupações, contas a pagar e nem as responsabilidades da vida adulta. Naquela época eu nem sonhava que colorir ilustrações viraria uma febre nacional!

Para que você tenha uma ideia da explosão dos livros de colorir, o primeiro deles “O Jardim Secreto”, foi lançado em novembro de 2014 e já vendeu mais de 300 mil exemplares (10 vezes mais que o necessário para ser considerado um best-seller). Depois dele vieram diversos títulos seguindo a mesma linha e só em abril foram lançados 70 livros de colorir!

Além disso, os lápis de cor, antes comprados apenas como material escolar, estão em falta no mercado, como informa a Veja.com: “Segundo a Faber Castell, esgotaram-se no país os estojos da linha premium com lápis de 60 e 120 cores diferentes, que custam 472 reais e 945 reais, respectivamente. A mercadoria, que é fabricada na Alemanha, já foi encomendada e deve chegar no Brasil em dez dias.”

Vejam que coisa interessante: as pessoas estão pagando cerca de R$ 30, nos livros de colorir e são capazes de investir quase mil reais em estojos profissionais de lápis de cor que, provavelmente, ficarão encostados depois que a febre passar. E é isso que me preocupa: que as pessoas estejam gastando valores elevados (muitas delas, sem poder) só para seguir um modismo.

IMG_1048Colorir é mesmo muito gostoso, tanto é que eu tenho um estojo há uns 10 anos. A última vez que usei foi para colorir um mapa mental do livro “Mapas Mentais no Trabalho”, do Tony Buzan, que aproveito para recomendar para quem quer aprender a usar melhor seus neurônios e a ser mais organizada!

 

Abaixo segue um exemplo de mapa mental que nos ajuda a desenvolver tarefas e habilidades (mas esse é um assunto para outro post!).

IMG_1047

O que quero levantar aqui é essa busca desenfreada por algo que alivie o estresse.

Se alguém diz: “fazer cupcake alivia o estresse”, as pessoas correm e acabam com todos os estoques de livros, forminhas e todo tipo de material para o preparo de cupcakes. Aí fazem uma leva de bolinhos, enchem a timeline do Facebook com suas criações e se sentem super aliviadas. Já na segunda leva o efeito não é o mesmo e, daí para frente, quando a febre passa, o material todo fica encostado entulhando algum armário da cozinha.

Daí, o que as pessoas fazem depois de terem investido centenas de reais no que acabou virando sucata? Aprendem que seguir a onda não resolve nada? Não! Elas simplesmente esperam por uma nova onda que dite as regras do que elas têm que fazer.

Está mais do que provado que o estilo de vida moderno causa estresse, mas não é uma onda disso ou daquilo que irá aliviar o problema. Cada um deve olhar para si e ver o que gosta de fazer, o que lhe traz satisfação e o que seu bolso pode pagar.

Conheço pessoas que montam quebra-cabeças de milhares de peças, outras que pintam, escrevem, jogam Hay Day (a fazendinha, né mãe?), Candy Crush e por aí vai. Não há nada de errado nisso, ao contrário, é ótimo ter um momento para aliviar a cabeça. Mas daí a comprar lápis de cor a prestação (para exibir no Facebook) e ficar concorrendo para ver quem já terminou este e vai começar aquele livro, aí já é uma tremenda bobagem… É transformar algo que realmente poderia aliviar o estresse em uma coisa totalmente estressante!

Não entre nessas ondas que vêm e vão. Seja autêntica, faça o que gosta e não o que dizem que é legal. E jamais comprometa seu orçamento só para seguir a multidão. Conselho de blindete!

PS1: Você ficou curiosa para saber como funcionam os mapas mentais? Gostaria que falássemos sobre esse tema?

PS2: Você ainda não adquiriu seu mais novo aliado no controle dos gastos?

IMG_6883_FdoBCO_AbreNão perca a promoção com frente grátis! selo-gratis

Clique aqui e encomende o seu (venda exclusiva aqui no blog).

 

 

Nos vemos!

Jornalista com atuação no Brasil, Inglaterra, Argentina e Israel. Autora do best seller Bolsa Blindada e palestrante na Universidade de Harvard.

Categoria: Livros
  • Bruna Fabossa diz:

    Oi Patrícia, estava olhando uma reportagem na internet, olhando os preços desses livros e pensado nisso. Mas, ainda tem uma opção mais barata, de downloads de desenhos para colorir para adultos, se a onda é só aliviar o estresse vale a pena. Cheguei a baixar uma, porque tenho meu estojo de lápis de cores da época em que era professora, mas os desenhos tem tantos detalhes para pintar que me irritou, então percebi que realizar a leitura de um livro que me encante me alivia mais do estresse. Beijos.

    • Lucélia Balbino diz:

      Patrícia,
      Gostei muito deste Post vimos que os livros de colorir viraram uma febre mesmo, eu particularmente nunca gostei de pintar nem na infância e jamais investiria em algo que não gosto de fazer ainda mais para seguir um modismo…
      bjs
      Lucélia

    • Cátia diz:

      A minha mãe comprou um livro de colorir com um valor tem acessível numa loja popular na 25 de março. O livro saiu por R$ 25,00 Armarinhos Fernando.

      • Cátia diz:

        Desculpa pessoal o valor do livro foi de R$ 7,50

  • AISE RESENDE AMARAL diz:

    Eu adoraria um post sobre mapas mentais 🙂

  • Giselli diz:

    Compra um livro de colorir para aliviar o estresse e depois fica com uma estressante dívida de quase 1000 reais.
    Isso não faz nenhum sentido rs.
    Sobre os mapas mentais, seria muito bacana um post sobre o assunto.
    Beijos

  • Camila de Oliveira diz:

    Bom dia, Patrícia!
    Sim, gostaria que falasse mais sobre os mapas mentais; como funcionam…
    Para que servem…
    Como posso utilizá-los ao meu favor…
    Fiquei interessadíssima.
    Obrigada, tenha um ótimo dia!
    Aguardo anciosamente.

  • Thalita Aureliano dos Santos diz:

    Quero saber mais sobre os mapas mentais.

  • Ligia diz:

    Eu amo pintar colorir e tudo que está ligado ao artesanato, e esses dias fui a uma livraria e vi uma enorme pilha desses livros de colorir, sendo vendidos a 30 reais. Fiquei doida pra comprar um, mas logo analisei: e depois que eu terminar de pintar todo o livro ele vai ficar encostado? Pra que então eu vou comprar isso e gastar 30 reais em uma coisa que vai ficar guardado depois… Realmente se não usamos a cabeça a gente gasta horrores em coisas que depois vão para o lixo…

  • ANA PAULA diz:

    Bom dia, Patricia!Fiquei super curiosa para saber como funcionam os mapas mentais! Beijos!

  • ingrid diz:

    Eu comprei o livro p pintar com intenção de distrair meu marido , ja q ele ta com depressão, como forma de terapia e para nos aproximar mais ja q ele se isola muito. Acabou sendo dois livros pq o q eu comprei inicialmente ele nao se empolgou muito e encontrou outro ate mais barato com figuras diferentes de flores. Ele sempre gostou de desenhar. E acho q fizemos bem em investir nisso. Tb gostei p mim. Me tirou do vício da tv hehehe. Mas seu raciocínio é logico. Temos q ter cuidado com essas empolgações em massa. Quanto a quando acabar o livro q vai demorar muuuito. Tem problema nao. Compramos outro ou pegamos a dica acima de pegar figuras da net. Vai ser gasto do mesmo jeito com papel e tinta da impressora. Mas refletindo bem o q é 30 reais p durar sei la 3 meses (ppq afinal a gente tem mais o q fazer do q pintar o dia todo ne? Sao so nas horas vagas de espera por exemplo). Se der resultado q eu espero, foi um investimento q valeu a pena. Se nao, paciência. Será np mim a mesma coisa q comprar um livro de auto ajuda ou alugar um video e se devepcionar com ele. As vezes temos q sair da rotina ate das coisas q nos dao prazer. Quanto ao assunto de organização me interessei. Por favor falr mais sobre esses neuronios hehehe. Bjs

    • Patrícia Lages diz:

      Oi, Ingrid. Seu marido vai se livrar da depressão quando encontrar o que preencha esse vazio que ele sente. Não é com passatempo, livros ou qqr outra coisa. O vazio que temos dentro de nós é do tamanho de Deus e só Ele para preenchê-lo. Semana que vem falaremos sobre os mapas mentais! Bjs

    • Mariana diz:

      Ingrid, sinto muito pelo seu marido.
      Sei a barra que é conviver com alguém com depressão.
      Acredito que Deus possa fazer muito por ele, mas não podemos esquecer que a depressão é uma doença e deve ser tratada como tal, com terapia e medicamentos.
      Acho maravilhoso que você esteja preenchendo o tempo dele, só quem convive com a doença sabe que ela se esconde na mínima brecha. Espero que os livros de colorir o estejam divertindo por algum tempo. Com todo seu amor e dedicação ele vai sair logo dessa <3

  • Michelle Feitosa de Queiroz diz:

    Um post sobre os mapas mentais seria muito bom! Obrigado.

  • Thais Aparecida Plucinski dos Santos diz:

    Adorei seu post. Eu comprei o livro Jardim Secreto e a irritação começou logo nessa parte pois tive de esperar o livro chegar na livraria por vários dias, comprei uma caixa de lápis de cor de 48 cores e paguei 79 reais (alias ainda estou pagando). È interessante colorir, mas parece que aquilo não acaba nunca, não pintei nem metade do livro e já não tenho mais vontade.Para resumir são R$109,00 parados. E sim eu ADORARIA saber mais sobre os mapas mentais.Um beijo!

  • Laís diz:

    Oiii Paty… Eu gostaria que você falasse sobre os mapas mentais sim!!!
    E já comprei meu controle de gastos arbitrários, mas acredita que não estou gastando só para não ter que anotar nada nele…hahaha…Bjo

    • Patrícia Lages diz:

      Hahahahahahaha…!

  • Ana Cristina diz:

    Oie…Eu adoraria um post sobre mapas mentais. Já comprei meu controle de gastos, estou no aguardo da sua chegada!!! #BLINDETE assumida!!! acompanho o trabalho da sra. já li o primeiro livro, e estou terminando o segundo…comecei as minhas planilhas, e espero cumprir minha meta até o fim do ano, do que determinei poupar ♥

  • Fernanda Tavares diz:

    Olá Paty, eu detesto modas, tipo agora é hora de pintar, agora é hora de usar calças pantalonas, agora é hora de usar saia longa, etc…
    Cada um tem que viver da melhor forma e só com Deus mesmo conseguimos isso, porque até para isso ele nos dá inspiração, para mim uma opção boa de tirar o stress é ir ao Ibirapuera andar a pé ou de bike, a grama, o sol, aqueles patos para lá e para cá, gosto de qualquer lugar com natureza, e em casa gosto de ficar embrulhadinha nas cobertas com meu marido. Para mim esse negocio de pintar não funciona, não gosto. Ler também acho ótimo, mas depende da leitura.
    Quanto ao mapa mental, gostaria de saber deste assunto.
    bjos, gosto demais do seu blog.

  • Gabriela diz:

    Um post sobre os mapas mentais seria muito bom! Obrigado.

  • ingrid diz:

    Infelizmente ele é ateu Patrícia. Acho q o Deus nao vai adiantar muito. Mas ele esta fazendo atividade fisica ( gostou muito de jogar tenis) alem de ter aulas dr guitarra. Essas coisas q ele gosta alem de jogar video game está tirando o foco da depressao e liberando hormônios do prazer, o q é bom. Se colorir nao ajudar. Nao tem problema. Estou do lado dele p o q der e vier. E temos uma bebê de um ano e dois meses q é a alegria dele. Mas a depressão vez por outra dar o ar da graça. Mesmo com remédios , psicologos e psiquiatras. Estou tentando me organizar financeiramente e tb incentivar ele a fazer o mesmo e o bolsa blindada 2 ta me ajudando. Gostaria de saber de vc e o primeiro livro tem mais dicas ou o segundo ja diz muito do primeiro. Bjs

    • Patrícia Lages diz:

      São livros totalmente individuais. O segundo não tem nada do primeiro. Bjs!

  • Sula Laiane diz:

    Gostei do post e quero sim saber sobre mapas mentais. Boa dica! O meu plano para controle de gastos eu já vou adquirir.

  • Mariana Constantino diz:

    Oi Patrícia,
    Eu acredito que tudo que é demais faz mal.
    Eu comprei um livro e um conjunto de lapis de cor e alguns giz de cera.
    Esse meu material não custou nem R$100,00. E pronto, só vou comprar um novo livro quando aquele acabar.
    Agora tenho colegas que tem 4 5 livros todos em branco.
    Tenho compulsão por compras e realmente quando estou colorindo fico mais calma, mais centrada. Aproveito esse momento para ouvir palestras, audiobooks e ver meus seriados preferidos.
    Isso tem me ajudado muito sobretudo aos fins de semana em que minha vontade é de ir no shopping e estourar o cartão.
    Percebi também que tenho até dormido melhor depois de pintar um pouquinho.
    Acredito que cada um precisa encontrar algo que te relaxe, que te faça feliz. Lógico que sem comprometer o orçamento e a rotina.

  • geyse diz:

    Fique curiosa sobre o mapa mental, você poderia fazer um posta para fala mais.

  • Larissa diz:

    Gostaria sim que abordasse os mapas mentais. Assisti um curso na Eduk da Raquel Oliveira, que ela falava sobre isso, coloquei algumas das dicas em prática e deram super certo. Rever esse assunto seria muito legal pra mim e creio que para as outras blindetes que não conhecem também.

    Bjão!

    • Patrícia Lages diz:

      Tb assisti esse curso e gostei muito!

  • Priscilla Santos diz:

    Patrícia, fiquei muito interessada nesse assunto de mapas mentais. Se vc puder falar um pouco ficarei muito agradecida. Beijos!

  • Daniele Santiago diz:

    Estou aguardando ansiosa o post sobre mapas mentais! Que Deus te inspire cada vez mais! Um beijo Patrícia

  • Jarlenys Dias-CES Lisboa diz:

    Olá, minha querida Paty!
    Posso dizer que eu tenho sido influenciada o que os desenhistas/ilustradores de moda nos davam dicas quais são os materiais que deixam desenhos tradicionalmente fantásticos. Acredita que fiquei horas a pesquisar qual melhor marca do lápis de cor, blá, blá. Mas nem desenhava e pintava. E Compro materiais para ilustração de moda e nem os toco. Fiquei dois anos sem desenhar desde que terminei o curso profissional. Agora voltei! Deus tem me dado ideias fantásticas para desenhar linha de roupas. 😉

    Que Deus a abençoe
    Beijinhos doces

    P.s: aprendi que nem e preciso gastar 30€ para comprar Caran D’ Ache ou 140€ por copic marker por pintarem melhor. Sim, basta ter muita técnica e prática para que saia pintada linda 😉

  • Vânia Maria Gabriel de Souza diz:

    Mapas Mentais? Sim, tenho interesse em saber!!
    Beijos

  • Aglaé Dutra diz:

    Adoraria ler o post sobre mapas mentais. 🙂

  • Francieli diz:

    Patrícia,

    Primeiramente obrigada e parabéns pelos excelentes posts e desafios (aprendo muito com o blog e com os livros)!!

    Gostaria sim que você abordasse este tema sobre Mapas Mentais.

    Grande abraço,
    Francieli
    Curitiba – PR

  • Naty Silva diz:

    Na minha cidade tem os livros originais por R$ 9,99. Fiquei tentada em comprar pela moda e pela beleza dos livros mas me lembrei que não gosto de pintar kkkkk acabei não comprando mesmo estando barato.

  • Daniela Santana diz:

    Mapas Mentais é otimo.eu ficaria feliz se fizesse um post sobre o assunto,não perco nenhum post paty,estou sempre aqui buscando uma novidade e tem me ajudado muito.Bjs

  • Mônica Almeida diz:

    Amei o post de hoje Patrícia! Realmente é puro modisto e na verdade eu não entendia o motivo de tantas pessoas estarem pintando desenhos assim.
    Será muito interessante se puder abordar o assunto sobre Mapas Mentais.
    Bjs!!!!!!!

  • Andreia diz:

    Oi Paty
    Eu adoraria um post sobre mapas mentais 🙂

  • Graciela diz:

    Aff, nada contra quem gosta de pintar livros, mas penso que existem mais coisas úteis para se fazer com o nosso tempo livre..

  • Jaqueline diz:

    Então ganhamos na votação do mapas mentais,e eu já estou mentalizando que deve ser mais uma das coisas que nos surpreenderá com certeza!Que venha logo esse texto!

    • Patrícia Lages diz:

      kkkkkkkkkkk

  • Adriana Bianchi diz:

    Eu quero um post sobre mapas mentais sssiiimmm!!!! Faça um =).

  • Mikaelle diz:

    Por favor Paty, faz um post sobre os mapas mentais.

  • ingrid diz:

    Cara Mariana, obrigada pelo lindo texto. Realmente a depressão é uma doença difícil de se lidar. A pessoa q convive com quem esta deprimido tem q ter muita calma e paciência. Mas torço p q essa terapia com psicólogo, remédios, atividade física (q fui atrás p ele fazer e esta começando a surtir mais efeito com tênis), pintura, trabalho, aulas de guitarra (q ele ama tocar), meu amor e nossa filha, façam a diferença e ele volte a ser o q era ou pelo menos na maior partre do tempo. Obrigada pelo carinho demonstrado no seu texto. Bjs

  • jessica alves diz:

    eu gostaria de post sobre o Mapas Mentais

  • Erica diz:

    Olá, fiquei super interessada em mapas mentais e gostaria muito que você falasse a respeito!

    bj

    Erica Lopes

  • Aline Moraes diz:

    Boa Noite Patty sou super sua fã,desde o dia que comprei o livro Bolsa Blindada me encantei, algumas dicas eu já colocava em prática e ainda coloco,mas estou adquirindo novos hábitos,ainda não comprei o guia dos gastos arbitrários,pois anoto tudo em um caderninho super fofo meio parecido, ainda não terminei a leitura do primeiro e assim que terminar vou ler o 2,leio todos os posts e um dia acredito que vou poder ter a honra de te conhecer, Desejo que Deus te abençoe cada dia mais e fico agradecida pelo seu conhecimento compartilhado e que vem mudando nossas vidas Adoraria entender Sobre os Mapas Mentais, um forte abraço Li #BolsaBlindada #Blindetes

    • Patrícia Lages diz:

      Quem sabe não vai ter workshop na sua cidade? Vc é de onde, Aline?

  • Elisangela diz:

    Olha Patricia, já te sigo algum tempo e acho seus textos maravilhosos, aliás tudo que VC posta me ajuda bastante. Lembro que qdo VC postou as planilhas de controle eu era adepta ainda da boa e velha Agendinha e pensei que nunca fosse usar uma planilha, mas qdo comecei depois de ler seu post nunca mais larguei, larguei sim a Agendinha RS. Estou pinto mandalas há muitos anos acho uma excelente forma de relaxamento, comprei uma caixinha de lápis de cor e pinto até hoje. Confesso que fiquei tentada para comprar esses livros, mas como a situação pra mim não está fácil e tenho muitas mandalas para pintar ainda, deixei de lado. Mas só pude fazer vamos dizer assim essa escolha depois de me organizar financeiramente graças a sua ajuda. Muito obrigada. Bjus

    • Patrícia Lages diz:

      Eu tb usava agenda antes, mas a planilha é mais fácil mesmo!!!

  • Elaine Cristina Gonçalves diz:

    Respondendo PS1: Queremos mapas mentais sim! rsrs
    PS2: Os meus chegaram ontem. Tão fofos…
    E o que faço para aliviar meu estresse: crochê. Amo fazer crochê. Aprendi quando tinha uns 15 anos (agora tenho 29), e fiquei um bom tempo sem fazer devido a correria com trabalho, filho. Agora que estou mais tranquila, tenho feito e dá uma acalmada… Mas claro que nada se compara à presença de Deus em minha vida, que não só me tranquiliza, como preencheu o vazio que eu sentia por anos e que nada era capaz de preencher ou aliviar.
    Beijinhos.

  • Aline Moraes diz:

    Boa Patricia sou do Interior da Cidade de Tatui,sempre estou por Sp também vai ter um workshop esse mês,mas devido a um curso neste dia não poderei comparecer que é uma pena,Tatui fica próximo a Sorocaba bj

    • Patrícia Lages diz:

      Eita nóis, isso é dia de ter curso?? Kkkkkk

  • Aline Moraes diz:

    Então neh kkkkkkkk é um curso de extensão com o Gabaritado Marcos Neira, referência na Educação e na Minha área de Educação Física, pena que vai ser na mesma data, vou me dividir em duas kkkkk acredito que haverá outra oportunidade bjs

  • Camille Lago diz:

    Eu sou uma das que comprei esse livro, comprei pq um amigo insistiu que era bacana e que não era só para aliviar estresse mas era bom pra criatividade. Paguei R$15 no lápis de cor com 24 cores. Sou blindete pechincheira mesmo! Mas hj vi um memê na internet que define a minha situação com esse livro “Olha, um livro Jardim Secreto…Me solta, vou rasgar essa desgraça!” hahahahahaha Eita livro mais cheio de detalhe e difícil de pintar! Que os mapas mentais sejam mais legais! P.S: Patrícia menina, e esse Bolsa Blindada que nunca vem dar o ar da graça num evento aqui no Rio hein?! rsrs Bjs!

    • Patrícia Lages diz:

      Rio?? mmmm… Só se vc me convidar!!! Rs…rs…

      • Camille Lago diz:

        Olha que eu convido hein! Não sei nem pra onde mas convido! haha

  • Giovana diz:

    Olá Patrícia!
    Excelente texto!
    Amei seu blog é a primeira vez que acessei.
    Deus abençoe!

    • Patrícia Lages diz:

      Seja bem-vinda!

  • bia diz:

    OI Patricia!
    Adoraria saber mais sobre mapas mentais! E ainda estou procurando o seu livro. Estou encontrando so sites com custo de envio escandalosos para França (mais caro que o livro!!) mas eu vou conseguir ter os dois !!! Pode deixar.
    Continuo seguindo você no seu blog!!!
    Para mim é um referencial.
    Beijos.

    • Patrícia Lages diz:

      Bia, o melhor seria comprar o e-book, assim vc não tem despesas com frete!

  • elisangela paula diz:

    Eu gostaria de aprender mais. Me dedico a ler o blog todos os dias. Sonho em fazer uma faculdade mas, devido ao controle de gastos não é possível no momento. Tenho que fazer a distância e por ter um salário alto, não consigo uma bolsa.
    Então, procuro aprender e me dedicar de outras formas. Patrícia,obrigada por compartilhar tantos conhecimentos conosco. Estou ansiosa para o dia 20/06. Grande abraço.

    • Patrícia Lages diz:

      Sim, nos vemos dia 20!!

  • Viviane Nunes Jacob diz:

    Fiquei curiosa sim, gostaria de sabre mais a respeito dos mapas mentais.

  • Gisele Alves diz:

    Concordo plenamente! Eu adorava pintar e tenho até hoje alguns livros guardados que eu colori na infância e adolescência. Minha irmã e eu nos divertíamos juntas. rsrs Pouco antes desta febre do livros começar eu pensei em comprar um livro normal e colorir. Daí surgiu o primeiro livro anti estresse, eu fui até a livraria e achei caro, tive pena de dar 30.00, imaginei que na banca de jornal pudesse ter algo mais barato, acabou que ainda não procurei. Mas, vou sim comprar um livro fofo de colorir e mais alguns lápis, pois ainda tenho alguns comigo rsrs. Mas, vou comprar o mais em conta. Se eu já achei caro 30.00 o livro, imagina 100.00 em um estojo de lápis de cor?! hahaha. Ah, quero s saber sobre o mapa mental. Beijos!!!!

  • Dayane Joon diz:

    Muito bom este post, um alerta para que não nos deixemos levar pelos modismos por aí, eu gosto muito de pintura, faço pinturas em tecidos, madeiras etc, e agora além de funcionar como uma “terapia” contra o estresse, ainda estou vendendo e ganhando dindin com isso, hihihi.
    Sobre o tema de mapas mentais, eu particularmente gostaria muito de saber mais sobre o assunto 🙂
    Beijos!

  • Rodrigo diz:

    Mapa mental ótimo tema!!!

  • Mirelly Lacerda Pinheiro - Paranaguá, PR diz:

    Gostaria muito que falasse sobre os mapas mentais…

  • Patricia diz:

    Mapas mentais! :))

  • Sheila Santos diz:

    Oi Patrícia.
    Li o livro ‘Mapas Mentais’ do Tony Buzan, ano passado e acredito
    que muitas pessoas gostarão de conhecer e aprender a fazer seus proprios mapas mentais. Espero que o post sobre assunto venha em breve.

  • Sheila Macena diz:

    Você ficou curiosa para saber como funcionam os mapas mentais? Gostaria que falássemos sobre esse tema? Sim, Sim, Sim…

  • Vanessa Mota diz:

    Oi Patrícia!

    Super ia amar saber mais sobre mapas mentais!

    Um beijo

  • Pollyane Santos diz:

    Olá!! Gostaria muito que escrevesse sobre mapas mentais.
    Beijos *-*

  • Mazé Neves diz:

    Oi Patrícia, há um bom tempo acompanho o seu trabalho e tenho aprendido muito com você, os seus artigos tem acrescentado muito na minha vida e você me inspira a fazer a diferença.
    Eu gostaria muio de ver esse post sobre mapas mentais, tenho pesquisado sobre o assuno e é bem interessante. Parabéns pelo seu trabalho, quando fazemos nosso trabalho com amor, não sabemos se estamos trabalhando ou nos divertindo e você me passa essa sensação com o blog. Gratidão por me mostrar que também sou capaz. Com carinho. Mazé Neves

  • Graciela diz:

    Olá gostaria, muito de ler um post que fale sobre mapas mentais.

    Bjos

  • Daniela diz:

    Oi, Patrícia, quero sim saber o que são mapas mentais; mas vc é criativa, hein, de onde tira tanto assunto? Esses mapas devem ser coisa boa… rsrs. Patrícia vc tem algum caminho pra me indicar no sentido de me conhecer melhor, me descobrir, descobrir meus talentos, e principalmente o que fazer nessa vida (rsrs)? É sério. Sempre tive vontade de seguir uma determinada profissão, mas como não tive condições, o tempo passou e algo que tive certeza durante anos hoje tenho dúvida. Sinto que tenho que tomar uma grande decisão na minha vida (sobre futuro, profissão…)mas no fundo não sei o que fazer pra me realizar e ser feliz.
    Você não tem dever nenhum nisso, mas te considero muito; ficaria agradecida em receber um conselho… pode ser por e-mail , o que for melhor para você.
    Muito obrigada.

    • Patrícia Lages diz:

      Oi, Daniela. É muito comum termos dúvidas sobre qual caminho seguir, pois hoje em dia temos muitas profissões novas e as coisas andam em uma velocidade cada vez mais alta! O que eu aconselharia seria buscar um coach, pois há testes que podem ser aplicados para que vc se conheça melhor e possa avaliar em quais tipos de ramos se sairia melhor. Dá uma pesquisada e veja o que vc acha da Shana Wajntraub da Eleve RH https://www.facebook.com/pages/Eleve-RH/115353115313476.
      Eu a conheço e ela é muito boa! 😀

      • Daniela diz:

        Ahh muito obrigada, Paty! Vou pesquisar sim e me empenhar nisso, pois é a minha vida, ne? Não posso simplesmente deixar passar, ir vivendo a vida como ela vem… não quero continuar empurrando a vida com a barriga! Eu vou conseguir vencer! Muito obrigada, tudo de bom!!!

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


Carreira Profissional

Cartão de Crédito

Investimentos

Pagamento de Dívidas

Faça uma busca no site:

Acompanhe também a Bolsa
Blindada nas redes sociais:


Receba todas nossas novidades!

Livros Bolsa Blindada:

Desenvolvido por: