Os 5 maiores arrependimentos das pessoas

Uma enfermeira australiana listou os 5 maiores arrependimentos no fim da vida de seus pacientes e os reuniu em um livro. Saiba quais são (e faça com que não sejam os seus!).

imagem.aspxA enfermeira australiana Bronnie Ware lançou um livro muito curioso: “Antes de partir: uma vida transformada pelo convívio com pessoas diante da morte“.

Por trabalhar na área da geriatria, especialidade que se dedica a doenças ligadas ao envelhecimento, a enfermeira reuniu experiências diversas com pacientes que viviam seus últimos momentos (ou que achavam que estavam em seus últimos instantes de vida).

Segue a lista dos 5 maiores arrependimentos:

1. Gostaria de ter tido coragem para viver a vida que eu queria e não a vida que os outros esperavam que eu vivesse;

2. Gostaria de não ter trabalhado tanto;

3. Gostaria de ter tido coragem de expressar meus sentimentos;

4. Gostaria de ter tido mais contato com  meus amigos;

5. Gostaria de ter me permitido ser mais feliz.

A lição que tiro disso tudo é que nunca vou agradar a todo mundo, por isso não posso viver com essa missão, muito menos quando isso desagrada a mim. Ter coragem para agir muitas vezes é o mesmo que ter coragem para desagradar.  Graças a Deus percebi a tempo que o trabalho, apesar de ser algo que amo executar, não pode ser o centro da minha vida. O trabalho tem que me servir e não eu a ele.

Também notei que guardar maus sentimentos ou qualquer coisa ruim não nos leva a nada, por isso proponho de tempos em tempos o nosso Desafio Detox, quem lembra? 🙂

Estar livre dos pesos, dos sentimentos ruins e dos conceitos errados que vão se depositando na nossa mente nos faz viver mais felizes. Quando estamos de bem com quem somos, estamos preparados para transmitir essa felicidade. E, para encerrar, nada melhor do que transmitir o bem aos amigos. Isso eu tenho que fazer mais vezes pessoalmente e menos virtualmente!

E você, o que vai fazer com essa informação? Continuar vivendo para se arrepender ou se arrepender de como está vivendo e trabalhar para ter menos arrependimentos?

Para não se arrepender de perder nossos próximos posts… 😀

Cadastre o seu e-mail agora!
Cadastre o seu e-mail abaixo e receba todas as nossas novidades!

Nos vemos!

Jornalista com atuação no Brasil, Inglaterra, Argentina e Israel. Autora do best seller Bolsa Blindada e palestrante na Universidade de Harvard.

  • Taysa diz:

    Bom dia graças a Deus percebi isso antes eu vivi em função de agradar os outros vivia pra fazer a vontade dos outros não tinha personalidade .Eu era uma criança em corpo de adulto .Eu comecei a buscar a Deus ele foi me mudando a um ponto que eu me tornei uma pessoa madura e responsável sem deixar de ser eu doce como sempre mais entendi que não é possível agradar a todo mundo n

  • Ana Paula diz:

    Bom dia Paty, me permita chamá-lá assim. É que te acompanho já faz uns anos e já aprendi muito com seus livros, seu blog, seus cursos na eduk, no facebook e tudo mais que vc faz, estou sempre ligada. E esse post é maravilhoso porque nos faz refletir, eu amo ler e escrever e adoro aprender com as experiências de outras pessoas porque não preciso passar por todo o sofrimento que ela passou pra aprender, isso é inteligente! E como sou esperta nunca perco uma oportunidade dessas, hahaha. À você o meu obrigada, que Deus continue usando sua vida pra nos abençoar cada vez mais, suas blindetes aplicadas! Um abraço e um ótimo fim de semana.

    • Patrícia Lages diz:

      ?????

  • Jarlenys Dias diz:

    Olá, Paty.
    Eu me arrependo de ter deixado os desafios detox durante Jejum de Daniel para depois. E pior as tarefas do Rush também.

  • Cidalia -Tunisia( Africa do Norte) diz:

    Amei este post Patty,
    Tudo o que está escrito faz parte integra da decisão de mudança que tumei para a minha vida este ano…
    Beijinho e um lindo final de semana.
    Cidalia

    • Patrícia Lages diz:

      Menina de coragem!!!

  • Ingrid diz:

    Patricia, querida! Como fico feliz de acompanhar seus posts e aprender sempre algo novo! Quero lhe agradecer por sua dedicação nesse trabalho que você desenvolve com tanto esmero.Muito obrigada! Que o Senhor Jesus derrame ricas bençãos sobre sua vida e que te faça muito feliz, acompanho seu blog desde o começo e me sinto parte dessa história de sucesso.Te desejo um final de semana abençoado.:) Um forte abraço!!

    • Patrícia Lages diz:

      Obrigada por estar sempre com a gente!

  • Solange Rosa diz:

    Nossa amei o poste…
    E não desejo acumular arrependimentos,O Único que tenho que me preocupar em agradar é o meu Deus…e isto reflete na convivência com as outras pessoas principalmente as que amo!

  • Amanda diz:

    Olá Pati,
    Acompanho o seu blog a algum tempo. Gostaria que soubesse que graça as suas dicas, o blog e os livros, consegui me organizar financeiramente, paguei minhas dividas, aprendi a lidar com o dinheiro (que é pouco, mas muito bem aplicado ?), e agradecer e parabenizar você pelo seu trabalho. Muito obrigada!

    • Patrícia Lages diz:

      ????????????????

  • Patricia Alvarenga de Albuquerque diz:

    Post de peso este! Pequeno mas fala ao fundo do nosso ser, vemos que muitosss vivem errado. Mas graças a Deus temos tempo de concertar isso.Eu era uma pessoa pouco comunicativa, não falava meus sentimentos, até que morreu a sogra de minha filha e eu ví que poderia ter sido eu. Acordei e estou mais leve , a cada dia, e mais feliz.Obrigada amiga!

  • Léia Mendes Felisberto diz:

    O tempo passa rapdo, muito rapdo. Quando nos demos conta já era. Deixamos de fazer muitas coisas que gostaríamos de fazer, e fazemos aquilo que precisamos ou somos na verdade obrigadas a fazer. Mas esse texto e muito bom , para refletirmos um pouco. Obrigada.

  • Fernanda diz:

    É inteligente aprender com os próprios erros, mas sábio e prudente é aprender com o dos outros, muito interessante o post de hoje sobre este livro, e realmente refletir sobre o tempo utilizado. O primeiro item eu tenho vivido já algum tempo, aprendi na marra com algumas situações que vivi, e hoje só me preocupa mesmo é o que Deus pensa, não agrado a todos. O item 2, estou em processo de aprendizado, ainda não achei meu ponto de equilíbrio. O item 3 eu aprendi e vivo, o item quatro estou tendo agora, com a minha mudança de trabalho, consigo ver amigas que há muito não via.O item 5 aprendi com Deus e meu esposo, tem coisas tão simples na vida, como um banho de chuva no fim de um passeio ou uma boa música que podem ser divertidas.

  • Ricardo Arcanjo diz:

    Arrebentou!

  • Silvana Oliveira diz:

    E interessante esse post fala de como deixamos de cuidar de nós mesmos. quantas vezes eu deixei minha família para trabalhar ate esqueci de cuidar de mim sou uma técnica de enfermagem e vou levar oq eu aprendi hoje como lição temos que aproveitar as oportunidades de aprender mais

  • Joselene Lima diz:

    Muito bom esse post. A única coisa que tenho certeza de que vou me arrepender é: poderia ter feito mais pelas almas!

  • Ana Paula Santos diz:

    Olá D. Patrícia, dicas muito sábias, devemos nos certificar que estamos agradando a Deus porque nem sempre vamos agradar as pessoas, e temos sempre que reaprender a dizer não ao que não podemos e as vezes queremos fazer mesmo assim para não desagradar as pessoas. bjos.

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


Carreira Profissional

Cartão de Crédito

Investimentos

Pagamento de Dívidas

Faça uma busca no site:

Acompanhe também a Bolsa
Blindada nas redes sociais:


Receba todas nossas novidades!

Livros Bolsa Blindada:

Desenvolvido por: