Medo de que?

Tenho conversado com pessoas que sempre estão recuando diante de algumas situações e até mesmo oportunidades e quando pergunto o porque disso, a resposta tem sido: Porque tenho medo!

Captura de pantalla 2015-02-02 a las 11.45.34

Me refiro também às pessoas que se dizem cristãs, que confessam a fé em Jesus e até frequentam uma igreja. Muitas deixam de fazer diversas coisas, deixam de aproveitar muitas oportunidades simplesmente por deixarem o medo prevalecer.

Medo de dirigir, medo de falar em público, medo do que as outras pessoas vão pensar, medo de levar bronca, medo de sair a noite, medo de sair sozinha etc. Poderia fazer uma lista enorme dos mais variados medos que ouço da boca das pessoas.

Sempre que ouço alguém que diz ter Deus como Senhor da sua vida dizendo que tem medo disso ou daquilo, me surpreendo! Pois, como podemos temer o que quer que seja ou quem quer que seja se seguimos um Deus que é Invencível nas batalhas, Senhor dos Exércitos, Magnifico, Soberano, Pai, Guia, Protetor etc.? Somente se não O conhecemos de verdade, se não confiamos nEle realmente, pois do contrario, medo de que?

Observe o que diz neste Salmo:

“O Senhor é a minha luz e a minha salvação; de quem terei medo? O Senhor é a fortaleza da minha vida; a quem temerei?”

(Salmos 27:1)

Somente quem crê, quem conhece a Deus 100% tem essa segurança, certeza e confiança. Não podemos deixar de sentir o medo, muitas vezes o medo nos sobrevêm sim, porém o que temos de fazer nessa hora é escolher. Sentir e alimentar o medo, ou enfrenta-lo e pisoteá-lo, com fé e confiança que o Senhor da nossa vida nos livrará de todo e qualquer perigo, ou o que quer que seja?

Cavalo_amarrado_cadeiraVocê tem medo de dirigir um carro, subir uma ladeira? Ore, peça forças e tranquilidade a Deus, peça que lhe guie e lhe conduza na direção e vá! Tem medo de sair sozinha? Peça que Ele lhe acompanhe e lhe guarde, tem melhor companhia que a dEle? Tem medo de falar em público? Ore, peça direção e coragem a Deus, Ele lhe conduzirá a partir do momento que você proferir a primeira palavra. Aquela pessoa que teme ao Senhor, passa por cima de todo e qualquer medo! Não tenha medo de nada! Nenhum mal poderá lhe suceder!

Sempre e quando você viva entregue 100% para Ele, comprometida com Ele, com sua vida reta, obediente á Sua Palavra. Quem poderá lhe fazer dano? Mas, se você tem vacilado diante de Deus, tem deixado o brilho deste mundo falar mais alto, tem desobedecido Sua vontade, obviamente o medo faz parte da sua vida. Escolha hoje mesmo como quer viver: debaixo das asas do Altíssimo totalmente guardada e protegida ou se deixando levar pelo colorido ilusório deste mundo, tomada de medos e incertezas?

Como quer viver?

Se você quiser se cadastrar aqui no blog para não perder nenhum post, coloque aqui o seu e-mail

Cadastre o seu e-mail agora!
Cadastre o seu e-mail abaixo e receba todas as nossas novidades!

Beijos e até sexta que vem!

Casada há 27 anos e mãe de um rapaz de 25, já vivi em 5 países e sempre tive que usar a criatividade para criar meu filho e economizar no dia a dia. Atualmente vivo em Porto Alegre.

  • Elizandra diz:

    Olá. Sempre tive muitos medos, como andar de avião, mas não perco a oportunidade de fazer uma viagem, medo de nadar e passear de barco, mas tenho vencido esses medos fazendo hidroginástica, e tenho conseguido me soltar tranquilamente, que delícia. Consegui passear de barca, de escuna. E daí percebi o quanto o medo estava me atrapalhando de desfrutar tantas coisas boas. Alguns medos tenho vencido, porém outros como dirigir mesmo tendo habilitação há anos tem sido um pouco complicado. Acho que tem faltado oração para vencer esse obstáculo. Obrigada pela palavra.
    Estou sempre aprendendo com vocês.
    Elizandra

    • Sandra Lages diz:

      Olá Elizandra, parabéns pelos medos que já venceu! Da mesma maneira como você enfrentou os outros medos, deve enfrentar o de dirigir também. Creio que não é a oração que lhe falta nesse caso, mas sim atitude. Comece a dirigir pertinho da sua casa, devagar e com atenção, logo aumente o percurso e verá que em breve estará super segura no volante. Bjs

  • Valdeci Alves dos Santos diz:

    Bom dia! Gosto muito do seu blog e me ajuda bastante! Sobre essa questão do medo: Tenho 39 anos e até hoje não consigo superar o medo de lidar com pessoas,falar em público,sair de casa,quando estava trabalhando até que eu consigo melhorar,até parecia que estava tudo superado…mas engravidei,tive a minha filha que está com 1 ano e parei de trabalhar,então voltou tudo de novo! Me isolo em casa,evito até ir na padaria,isso atrapalha muito,muito a minha vida,já perdi muitas oportunidades de trabalho,de cursos por causa desse medo…não sei o que fazer!

    • Sandra Lages diz:

      Olá Valdeci, vou enviar-lhe um e-mail. Bjs

  • Luciana diz:

    É A MAIS PURA VERDADE!!!ESSE POST É PRA MIM PORQUE HÁ VÁRIOS ANOS TENHO CARTA DE MOTORISTA E NÃO CONSIGO DIRIGIR!!!MEDOOO! MEU MARIDO SEMPRE ME INCENTIVOU…MAS AGORA VOU PEGAR FIRME, TENHO QUE VENCER ESSE MEDO PRA HONRA E GLÓRIA DO SR. JESUS. OBRIGADA POR ME ABRIR OS OLHOS. DEUS ABENÇÕE

    • Sandra Lages diz:

      Oi Luciana, vai em frente, você consegue! Bjs

  • Fernanda Cristina diz:

    Muito linda a postagem de hoje. Eu caminho com Deus a bastante tempo e ainda tem muitos medos enraizados dentro de mim. Vou orar em relação a isto e aprender a superá-los.

    • Sandra Lages diz:

      Olá Fernanda! Ore, mas depois disso você deve tomar atitudes! Se orar e não agir, nada vai mudar! Os medos a gente vence enfrentando. Beijos

  • Fernanda diz:

    Ah Dª Sandra, eu vivo procrastinando dirigir por causa de medo do transito, só dirijo as vezes e na companhia do meu marido, tenho habilitação, mas fico na dependência de meu marido ou ando de onibus, tanto que ele sempre fala para eu dirigir…pois eu vou tomar uma atitude.
    Deus abençoe e obrigada.

    • Sandra Lages diz:

      Já vivi isso Fernanda e venci, você logo estará nos contando que venceu também! Vai em frente! bjs

  • Polieny diz:

    Olá Sandra!
    Vejo o medo como algo que temos que vencer diariamente, eu por exemplo não me sinto muito a vontade em falar em público, mas quando é necessário, vou em frente e falo! E fico feliz quando consigo, pois vejo que venci mais uma vez a minha vontade, e acredito que quando temos medo de algo, a única forma de vencer é enfrenta-ló!
    Obrigada pelo post! 😀

    • Sandra Lages diz:

      Verdade! 🙂

  • Marta diz:

    Sandra é incrível como essa postagem veio diretamente para mim, eu estava com receio, com medo de algo muito bom que vai acontecer mais ao mesmo tempo me veio a preocupação do que vão pensar e eu já tinha falado que não ia deixar mais as oportunidades passarem por medo do que podem achar e com toda certeza foi o próprio Espírito Santo que falou através de você.
    Agora sigo em frente para o meu alvo e tenho certeza absoluta que vou arrebentar.
    Obrigada e que Deus te abençõe.

    • Sandra Lages diz:

      Marta, vai em frente! 🙂

  • Amiga diz:

    Bom Dia Dna Sandra, esse post falou diretamente comigo, vivo torturada por um medo que me consome, por ser da IURD é até um pouco vergonhoso falar, mas tenho medo do diabo, não gosto das reuniões de sexta ou terça, vivo em dúvida com relação à minha libertação. Sinto vergonha, pois já estou há algum tempo na igreja e vez por outra vou falar com meu pr sobre esse “problema”, enquanto existem tantas outras pessoas com problemas graves precisando de ajuda eu o ocupo por causa de uma “dúvida”… todas as vezes que converso com o pr ele me diz que pela minha “conduta” eu estou liberta, tenho consciência do que é pecado procuro me afastar das coisas que não agradam à Deus, porém esse medo/dúvida estão me impedindo de receber o ES que é o meu maior desejo.

    • Sandra Lages diz:

      Amiga, vou responder no seu email. Beijos

  • Gilvana Lima diz:

    Eu sentia muito medo de dirigir, tanto é que quando fiz a leitura do primeiro livro Bolsa Blindada eu cheguei a enviar uma mensagem pra Patricia contando sobre esse medo e ela me enviou uma mensagem que me ajudou muito, confesso que não perdi 100%, mas já dei um grande passo. Hoje o meu maior medo é de ser assaltada, andar de ônibus, sair de casa devido tanta violência na minha cidade, e chego até sonhar com algumas situações. Preciso parar com esses pensamentos ruins, pois tem dias chego a ficar até deprimida. Obrigada por esse post, foi de grande ajuda! abraço

    • Sandra Lages diz:

      Oi Gilvana, com certeza você deve combater esses pensamentos negativos! Toda vez que for sair, entregue seu caminho nas mãos de Deus e esqueça o medo, se você crer Ele vai lhe proteger, vai guardar os seus caminhos. Não duvide, mas creia! Beijos

  • Mirian diz:

    Tenho panico de dirigir meu marido diz que tem gente que não nasce para dirigir sera?

    • Sandra Lages diz:

      Oi Mirian, você pode tudo aquilo que você quiser, determinar e se lançar para fazer! É claro que você pode dirigir sim, basta você começar, pouco a pouco, um dia de cada vez e você vai ver é mostrar ao seu marido que nasceu pra isso sim! Beijos e vai em frente!

  • Bianca diz:

    Bom dia Patricia!

    Muito forte. Agradeço por dividir conosco a direção recebida por Deus.

    Deus abençoe muitíssimo.

    Bjinhos.

  • Bianca diz:

    Perdoe-me Sandra,

    achei que era a Patricia, mas considere as minhas palavras. rsrs…

    Até mais;

  • Jaqueline diz:

    Oi Sandra muito bom seu texto quero praticar na minha vida. O que mais me prejudica nos dias atuais é que me formei e nao consigo emprego na minha áerea estou trabalhando num lugar que nao tem nada a ver com minha profissao. Minha profissao me possibilita de trabalhar por conta e ser autonoma mas como nao tenho experiencia tenho medo de arriscar. Me sinto frustrada e triste a cada dia que passa. Estou lutando contra meu interior pra superar isso e encarar experiencias novas e fazer o que mais gosto que é trabalhar na aerea que me formei. Preciso de Ajuda. Obrigada

    • Sandra Lages diz:

      Oi Jaqueline, penso que se você está frustrada fazendo o que não quer fazer, deve tomar uma atitude de fé, vencer as dúvidas, se lançar, mas para isso você tem que crer, tem que jogar o medo de lado e fazer o máximo que puder para realizar seu sonho. Mandarei uma mensagem no seu email. Beijos.

  • Thamiris diz:

    Olá,
    muito bacana esse post, me identifiquei muito…
    Ano passado fui chamada para tomar posse em um concurso público e a primeira coisa que pensava era sobre ir dirigindo para o trabalho, tenho carteira mas só de pensar em dirigir durante 2 horas, era motivo de pensamentos confusos e tristes.
    Até que pela fé comecei indo, e saindo de casa 4 da manhã sempre pedia a Deus que fosse comigo e voltasse. E pronto… hoje em dia vou e volto sem preocupações, sabendo que a graça de Deus me acompanha e protege. Um abraço!!

    • Sandra Lages diz:

      Parabéns Thamiris, muito bom saber que você venceu o medo! Confiar em Deus e em si mesma é fundamental! Beijos

  • naftaly diz:

    Tenho tantos medos.. mas o principal é em relação a minha vida profissional… casei e tive três filhas.. mas mesmo assim me sinto incompleta por que não trabalho… não dei continuidade nessa área da Minha vida… pra falar a verdade não sei qual o “talento” Deus reservou para mim… sinto a cobrança das pessoas…. enquanto isso o tempo e não saio do lugar…

    • Sandra Lages diz:

      Olá Naftaly, lendo seu comentário, gostaria de convida-la para participar neste domingo dia 22/02 da Palestra Da Cura Interior que teremos em todo o Brasil. Por favor se informe onde será na sua cidade e tenho certeza que lhe ajudará em muitos aspectos. Certamente você tem muitos talentos, só não conseguiu ver ainda! Beijos.

  • Vanessa diz:

    Olá Sandra gostei muito do seu post. Um dia ouvi uma explicação que bem resumidamente era assim: não há nada de errado em sentir medo, todo ser humano sente medo então vai com medo mesmo assim. Foi bem simples mais me ajudou bastante porque as vezes eu achava que não tinha que sentir medo, me sentia fraca e acusada por ter aquilo dentro de mim ou ainda esperava que ele passasse e eu me enchesse de coragem para então fazer o que precisava. Ocorre que o medo nunca ia embora e consequentemente ele vencia e eu perdia porque não fazia o que era necessário. Comecei a fazer as coisas com medo mesmo assim, as vezes eu me sentia tão mal que suava e meu coração batia acelerado, parecia que eu ia passar mal literalmente, mais depois que eu tinha enfrentado e vencido a sensação era ótima e eu já começava a pensar que podia vencer outras coisas também. Havia duas coisas que me travavam, uma era dirigir e outra nadar. Entre a primeira tentativa de tirar a carta de habilitação e a última onde finalmente conclui o processo demoraram 11 anos, nas primeiras vezes que eu sai com o carro sozinha eu transpirava demais, fugia das ladeiras, passados uns dois meses eu não sentia mais nada daquilo, estava livre indo para onde queria sem depender de ninguém. Quando meu filho estava com 3 anos foi fazer natação e eu me determinei a aprender também e fui com medo mesmo assim. Conversei com a professora falei o quanto gostava de estar na água e expressei com liberdade o que exatamente me amedrontava. Eu estava com 37 anos e era a 3ª vez que eu tentava aprender. Orei muito naquele dia, pedi que Jesus segurasse nas minhas mãos porque eu não aceitava mais fugir daquele desafio. O milagre aconteceu, Deus não tirou meu medo mas fez minha coragem prevalecer e na primeira aula eu já estava fazendo o que nunca na vida até aquele dia tinha conseguido fazer. Dali prá frente tudo virou possível e eu não sou mais presa destes medos.

  • Daniela diz:

    Olá Sandra, o post caiu como uma luva, estou em oração para superar meus medos, mas ainda sim, sinto que as minhas atitudes podem ser melhoradas a fim de estreitar meu relacionamento com Deus e consequentemente aumentar a minha fé e confiança de que Ele é por mim e por todos os que eu amo. Sou mãe e profissional como a maioria das mulheres, preciso fazer um curso para melhorar meu inglês, ficaria 2 semanas fora mas estou com medo de tudo, do avião e da atual situação mundial. Há muito tempo ensaio de conhecer a Universal, ainda não fui todavia. Eu tinha um conceito ruim sobre a igreja, mas depois de acompanhar o trabalho de vocês (Sandra e Patrícia Lages) e também o da Cristiane Cardoso, concluí que realmente precisava conhecer melhor a igreja para tirar uma conslusão. Adorei o bolsa blindade 1, pretendo ler a versão 2. Um grande abraço e continuem com esse trabalho maravilhoso de inspiração às mulheres.

    • Sandra Lages diz:

      Olá Daniela, então aproveito para lhe convidar para participar de uma palestra que teremos neste domingo dia 22. Dá tempo ainda de se informar a que horas será na sua cidade. A palestra será sobre a Cura Interior, especialmente para mulheres! Estarei presente, sem falta! Obrigada por comentar e um forte abraço.

  • Adriana diz:

    Sandrinha, tudo bem?

    Sempre leio seus posts mas quase nunca comento. Uma vez, eu tava fazendo terapia com florais, lá nos idos de 2009, e um dos florais que tinha na fórmula era para tratar medo do sucesso. Eu queria emagrecer mas ficava me sabotando… no fundo, tinha medo do que me esperava e toda a mudança que poderia vir na minha vida após essa conquista ou ter que lidar com o fato de que nada mudaria e eu é que estava colocando um excesso de expectativa em “começar a viver” só após chegar ao peso ideal.

    Enfim, foram tempos meio difíceis.

    Bj

    Adri

  • Josiane Neves diz:

    Olá Sandra,
    Tenho 39 anos. É a primeira vez que visito o site e deparei logo com o tema do Medo, que é algo que me assombra, pois o medo sempre me faz recuar e me sentir incapaz. Tenho muitos momentos de fragilidade emocional, e fico chateada por causa disso, sou deficiente física, já tirei a minha habilitação, mas não dirigir por medo do transito, também tenho medo de criticas, por isso prefiro ficar quieta no meu canto, mesmo que as pessoas digam que eu tenho capacidade ou talento pra fazer alguma coisa, não me exponho. Sou servidora pública, e no meu trabalho tenho dificuldade de lidar com a rotina, na vida pessoal também, as vezes bate uma frustração horrível.
    Meu desejo é ser uma mulher forte espiritualmente e também forte emocionalmente, tenho orado a Deus pedindo isso.

    Abraços,
    Josiane

    • Sandra Lages diz:

      Olá Josiane, quero lhe convidar para participar de uma palestra que teremos neste domingo dia 22. Dá tempo ainda de se informar a que horas será na sua cidade. A palestra será sobre a Cura Interior, especialmente para mulheres! Estou certa de que lhe fará muito bem! Um forte abraço.

  • Amiga diz:

    Boa noite, Sandra me identifiquei muito com esse post, porque antes eu enfrentava os meus medos, depois sem perceber acabei deixando eles me dominarem ao ponto de ter medo de muita coisa, de tudo que se pode imaginar e até crises de pânico eu já tive, mas durante este jejum de Daniel eu despertei eu tenho um Deus grande não posso mais viver assim, tenho lutado todos os dias para vencer os maus pensamentos mas Deus é comigo

  • Rejane diz:

    Olá Sandra, belo texto.
    Tenho síndrome do pânico que está me impedindo a fazer as coisas mais triviais, como sair de casa sozinha..
    Abs

    • Sandra Lages diz:

      Olá Rejane, quero lhe convidar para participar de uma palestra que teremos neste domingo dia 22. Dá tempo ainda de se informar a que horas será na sua cidade. A palestra será sobre a Cura Interior, especialmente para mulheres! Estou certa de que lhe fará muito bem! Um forte abraço.

  • Mônica diz:

    Boa noite. Muito bom este post mesmo. Eu tenho um sonho de tirar minha habilitação de carro e moto. Quando eu tinha 15 anos mesmo não podendo dirigir, eu tirava o carro do meu pai da garagem e colocava novamente. Assim aprendi a dirigir, ia até de uma cidade próxima a outra com minha mãe no carona e meus irmãos no banco de trás. Olha que loucura, e tinha somente 15 anos e mamãe confiava em mim. Agora depois de grande com 39 anos tenho sonho de tirar a carteira, tentei no ano de 2007, mas reprovei na baliza por duas vezes, e na terceira fiz ela perfeita, mas olhei no retrovisor e parecia que o protótipo estava a quilômetros de mim, por causa do sistema nervoso. Então encostei no protótipo e reprovei. Ai meu marido brigou muito comigo. E hoje tenho muito desejo mas muito medo também de tirar a habilitação, e como é cara a primeira carta eu não tenho o apoio do meu marido. Ele diz que eu tenho que dirigir primeiro pra pegar segurança com o carro pra dai tirar a carteira. E como servos de Deus eu não concordo com isso, mas eu sei dirigir, só falta perder o medo e ter minha carteira. Bjs

  • carmen diz:

    Boa noite! Li vários comentários sobre “Medo de que” e indentifiquei-me com alguns tipo medo de dirigir que até uns tempos atrás sentia, agora o o que está faltando é atitude a palavra certa as vezes eu pergunto a mim mesmo pq sou assim ,o comodismo a falta de atitude tem mi prejudicado muito. Sou muito de falar e não de agir ,por favor peço ajuda.

  • vagnna diz:

    Eu tenho que perder o medo de dirigir. Perdi minha aulas na auto escola, por isso. Tenho vergonha ate de falar. o meu medo é de errar na hora, de não aprender. As vezes acho que meu raciocínio é lento. Custo aprender algo. Mas a minha meta esse ano é aprender a dirigir, pois não vou desistir.

  • Mirian diz:

    Obrigado Sandra bjus na fè.

  • zenaide emidia diz:

    oi bom dia e ate vergonhoso dizer que frequento a iurd sou dizimista fiel e o meu maior medo e de ficar sem dinheiro quando pego um dinheiro alto ate fico sem pagar as pessoas com medo de ficar sem dinheiro.nao estou conseguindo vencer isso.

  • rejane rodrigues diz:

    Oi Sandra,

    Agradeço sua indicação da palestra.
    Nunca fui na IURD, moro em Porto Alegre e estou tentando ligar para os fones que tem no site para saber onde terá a palestra, porém os números são inexistentes.
    Espero descobrir o local e horário até amanhã para poder ir.

    Abs.

    • Sandra Lages diz:

      Olá Rejane, a Palestra será neste domingo dia 22 às 15 horas na Av. prof. Oscar Pereira, 106 na Iurd da Azenha. Estarei lá, pois também estou em Porto Alegre, gostaria muito que você me procurasse para que nos conhessecemos! Espero você, um abraço.

  • cecilia diz:

    O medo atrapalha muito!

  • Adriana diz:

    O medo nos dá uma sensação de prisão, de fraqueza, de incapacidade.. agora estou assim..estou sem saber o que fazer, em relação ao meu trabalho; sou funcionária pública há alguns anos e no momento estou em stand by para trocar de função, que não tem muito a ver com a minha profissão… recebi uma proposta pra atuar na minha área, um espaço disponibilizado para mim, onde a princípio eu não teria gasto com aluguel, somente com equipamentos ( verba que no momento também não tenho). Não sei o que fazer pois ao mesmo tempo que queria aproveitar, fico pensando se a empresa da qual sou registrada me chamar pra esta nova função, dai irei ter que largar esse espaço novo e deixar quem acreditou em mim na mão?! A dúvida corrói…não adianta a gente pedir a Deus pra abrir portas na nossa vida, se quando Ele abre a gente fica parado na porta, sem coragem de entrar.

    • Patrícia Lages diz:

      Adriana, se vc sabe que é uma porta que Deus abriu, mas o medo a impede de entrar, o que vc deve fazer??

      • Adriana diz:

        devo enfrentar…

        • Patrícia Lages diz:

          Vá na sua fé!

  • Jaqueline diz:

    Tenho muitos medos que se misturam a timidez e querem parar a minha vida.já melhorei muito,de vez em quando me pego falando em público e me surpriendo,até de puxar a cordinha do ônibus hj,me deixa feliz,pois vejo tudo como etapas vencidas.
    Meu último medo essa semana era a de entra no grupo de mulheres da iurd,postei uma foto com muita vergonha e estou orando para que Deus me ajude a caminhar sem olhar para trás.

  • Maralise Vidal diz:

    Olá!

    Gostei muito desse texto e me identifiquei bastante. Há alguns anos atrás, me envolvi em um acidente de trânsito, e com isso, fiquei com muito medo de dirigir. Me lembro que toda vez que era cogitada a ideia de eu ter que sair de carro, já me vinha o medo, pavor e pânico. Mas em contrapartida, eu queria muito poder desfrutar do carro e da habilitação que Deus me ajudou a conquistar.
    Diante disso, comecei a fazer correntes de oração, votos e propósitos, pedindo para que Deus tirasse de mim aquele medo, que me desse calma e tranquilidade, que tirasse de mim todo o nervosismo e que acima de tudo, fosse o meu motorista, o meu instrutor e meu guia. E o resultado, tem sido ótimo!
    Após isso, aos poucos eu fui perdendo o medo , fui ganhando toda tranquilidade e sabedoria no trânsito, inclusive, consegui trocar meu carro por outro mais confortável, e pela misericórdia infinita de Deus, dirijo, viajo com minha família, faço algumas balizas (hehehe), e tudo sem medo!
    Mas tenho um segredo que gostaria de compartilhar: Toda vez que entro no carro, peço para o Sr. Jesus, vir me acompanhar e estar comigo a todo instante, me levando e me trazendo em paz e segurança. E isso funciona perfeitamente, pois Deus é Fiel e Tudo é Possível Naquele que Crê.

    Obs: Ainda não perdi o medo de falar em público, mas ao escrever esse texto, já consegui desvendar o segredo para perder esse medo.

    Beijos e que Deus nos Abençoe!

  • Joselene Lima diz:

    Sinceramente, estatisticamente falando moro na sétima cidade mais violenta do mundo, então, mesmo sendo cristã, infelizmente tenho medo de assaltos (aqui acontecem a toda hora e caso você reaja, só Deus sabe o que pode acontecer). Não está com um mês que um pastor, servo de Deus, foi assassinado porque resolveu parar o carro e confiar num rapaz que ele costumava atender na igreja que o abordou como amigo e lhe tirou a vida por causa de bens materiais (várias facadas). Infelizmente Fortaleza-Ceará tem medo! Se alguém for na Catedral da IURD daqui localizada no centro da cidade verá que lá tem seguranças armados “até os dentes” em defesa do povo que ali frequentam. Claro! Deus É O Deus do livramento, mas não podemos dar bobeira, temos que vigiar, pelo menos aqui na minha cidade é assim: vigilância e medo total! Algo que só Jesus um dia irá mudar.

    • Patrícia Lages diz:

      A gente tem que fazer a nossa parte. Eu, por exemplo, não ando com o vidro do carro aberto, evito passar em certos lugares e tento me policiar o máximo possível, mas sempre sabendo que se Deus não guardar, em vão vigia a sentinela.

  • Stephany diz:

    Dona Sandar queria lhe fazer uma perguntas, mas não em aberto como faço?

    • Patrícia Lages diz:

      Mande pelo Contato do blog!

  • Stephany diz:

    Dona Sandra queria lhe fazer uma perguntas, mas não em aberto como faço?

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


Carreira Profissional

Cartão de Crédito

Investimentos

Pagamento de Dívidas

Faça uma busca no site:

Acompanhe também a Bolsa
Blindada nas redes sociais:


Receba todas nossas novidades!

Livros Bolsa Blindada:

Desenvolvido por: