Dúvidas mais frequentes sobre dinheiro

Hoje vou responder algumas das perguntas mais frequentes enviadas aqui pelo blog, pelo programa Mulheres (TV Gazeta) e pelas minhas redes sociais. Confira e cuide melhor do seu dinheiro!

Por quanto tempo o nome pode ficar sujo?

A economista chefe do SPC, Marcela Kawauti, responde a essa pergunta e também esclarece sobre prescrição de dívida (se uma dívida caduca depois de 5 anos). Confira esse vídeo curtinho e super informativo!

Existe pontuação negativa para mal pagador?

A leitora Roseani Pereira perguntou via Facebook se o famoso “score” – pontuação negativa para maus pagadores – existe mesmo. Confira a resposta dada pela economista chefe do SPC Brasil.

Preço X valor: você sabe a diferença?

Por que as coisas são tão caras no Brasil? Será que são só os impostos que fazem os preços serem mais altos do que em outros países? Será que o brasileiro valoriza demais as coisas e isso faz os preços subirem? Confira as respostas no post de hoje!

Redes sociais: como usá-las da forma correta?

Muitas pessoas já se prejudicaram profissionalmente por não saberem como manter um bom perfil nas redes sociais. Além disso, não sabem como divulgar seus produtos e serviços, por isso, hoje vamos falar sobre como usar bem as redes sociais, confira!

Amizades virtuais são possíveis?

Creio que você já deve ter ouvido alguma história com final desastroso cujo início se deu com uma “amizade virtual” que se mostrou ser o oposto. Mas será que não pode haver amizades verdadeiras na rede?

O que eu faço?

Muitas pessoas têm se perguntado o porque de estarem com a vida sempre do mesmo jeito, ou ainda, cada vez pior. Reclamam, murmuram, mas… não querem aprender o que deve ser feito para que tudo mude.

Como anda sua reputação?

Muitas pessoas no intuito de que acreditem no que ela está dizendo, têm o costume de jurar: Juro que fulana falou isso; juro que não deu tempo; juro que não sei fazer; juro que peguei trânsito; juro que é verdade, e por aí vai…

Não é conto de fadas!

A humanidade vive em um engano muito grande, pois pensa que a vida se resume aos 90 ou 100 anos que no máximo se pode viver aqui neste mundo.

Será que Deus se enganou?

Nesta caminhada da fé, tenho atendido muitas pessoas que nos procuram com um pedido de ajuda, orientação, conselho e a grande maioria delas alegam as mesmas coisas, e isso nos 5 países em que trabalhei, não importa o idioma!

Cadê a reverência?

Muitas pessoas não se dão conta do quão privilegiados somos em poder ir e vir livremente à Casa de Deus. Vivemos em um Estado laico, o que significa que vivemos num país “neutro”, que nem apoia e nem descrimina nenhuma religião.

Bombardeio a vista

As vezes nos deparamos com momentos difíceis e não conseguimos entender o porque! As coisas vão caminhando, e de repente, “Boooommm”… parece que jogam uma bomba sobre a nossa cabeça, ficamos atordoadas, olhando de um lado para outro tentando entender o que aconteceu.

Força ou fraqueza?

Todo mundo na face da Terra deseja ser forte, corajoso, quer ser inabalável diante das dificuldades e terremotos da vida. Mas os que dizem querer, realmente têm sido?

Resmungão de plantão, “tô” fora!

Já observou que a maioria das pessoas têm na ponta da língua: uma reclamação, um comentário negativo e, de quebra, uma crítica nada construtiva? Por que será?