Você acha que não sabe lidar com dinheiro e ponto final? Nada disso! Conheça as 7 lições que vão fazer você melhorar a sua relação com o dinheiro!

7 lições sobre dinheiro que você precisa saber

Para quem prefere ler, preparei um resumo com as 7 lições.

Mas, para facilitar as explicações, convido você a assistir o vídeo especial que gravamos com todos os detalhes.

No final do post você tem acesso ao vídeo e, se gostar do conteúdo, inscreva-se também no nosso canal do YouTube!

Anote aí as lições!

 

 

Lição # 1 – Não gaste tudo o que recebe

 

Você pode estar pensando que isso é impossível, mas não é!

Gastar mais do que ganha é muito mais um costume do que uma necessidade.

A maioria das pessoas gasta além do que recebe em coisas que não são necessárias (e isso é resultado de pesquisas e não de “achômetro”).

Há um número enorme de pessoas endividadas porque compraram roupas que não precisavam.

Porque viajaram na hora errada.

Porque deram presentes que não podiam.

Porque trocaram um móvel de casa ou eletrodoméstico que até poderia esperar…

Dificilmente as pessoas gastam habitualmente além do limite por necessidades com saúde, remédios, estudos etc.

Esse tipo de necessidade acontece de vez em quando, enquanto os gastos sem necessidade são muito mais frequentes.

E é aí que mora o perigo!

A lição é:

Faça as contas, coloque todos os gastos no papel e diminua ou corte tudo o que está além da sua capacidade financeira.

 

 

Lição # 2 – Empréstimos não adiantam a sua vida, mas sim, atrasam!

 

Quando você faz um empréstimo para comprar o que quer que seja, está pagando mais caro do que aquilo vale.

Você quer trocar os móveis de casa logo, então faz um empréstimo e acaba pagando tudo mais caro.

Daí, você reclama que nunca tem dinheiro!

Realmente, se tudo que custa 100 reais você pagar 130, 140, nunca vai ter dinheiro mesmo, não é verdade?

Empréstimos só são válidos quando você vai usar aquele dinheiro para fazer mais dinheiro.

Por exemplo, em um negócio ou para ampliar o seu trabalho.

Você investe aquele dinheiro no seu negócio, aumenta os lucros e, desse dinheiro novo que está entrando é que vai pagar o empréstimo.

Então, a lição é:

Pare de contratar empréstimos e passe a comprar as coisas que precisa com o dinheiro que você tem!

 

 

Lição # 3 – Compras parceladas têm juros sempre!

 

Eu sei que a propaganda diz “mil vezes sem juros”, mas aqui vai uma verdade: os juros estão lá!

Quando você tem a oportunidade de fazer uma proposta para pagar à vista, é praticamente certo que vai conseguir desconto.

As compras parceladas só valem a pena quando você encontra uma promoção na qual o preço do produto realmente baixou.

Mas até na internet dá para conseguir desconto à vista.

Nós compramos o nosso fogão à vista e com desconto e, ainda por cima, com frente grátis.

Parece pouco, mas só aí economizamos 120 reais.

Fizemos o mesmo com o micro-ondas e economizamos mais 90 reais.

Em dois produtos deixamos de gastar 210 reais.

A lição é: olho vivo nos preços e pague à vista!

 

 

Lição # 4 – Jamais saque dinheiro do cartão de crédito!

 

Sacar dinheiro do cartão de crédito é uma coisa que não deve nem sequer passar pela sua cabeça!

Isso porque você vai pagar os maiores juros do mercado, que podem chegar a 16% ao mês.

Se você acha esse número pequeno, saiba que a poupança rende (quando muito) 0,5%.

Então, para que a poupança rendesse os 16% que o banco ganha em um mês, seriam necessários quase 3 anos!

Além de você pagar juros exorbitantes, ainda terá de arcar com o IOF, que é o imposto sobre operações financeiras e, dependendo do cartão, uma taxa que varia entre 10 e 25 reais por saque.

A lição é: fuja disso!

 

 

Lição # 5 – Nem sempre você deve o que dizem que deve!

 

Hoje em dia, com 64 milhões de pessoas endividadas, a cobrança virou uma indústria.

Muitos escritórios se especializaram em cobrar e até compram dívidas de outras empresas como bancos, financeira, lojas etc.

Como você sabe, o lucro vem de vender uma coisa mais caro do que você comprou e isso funciona também com as dívidas.

O assunto é extenso e se você quiser saber mais, tem dois posts recentes aqui no blog.

Seguem os links:

Indústria da cobrança – Parte 1

Indústria da cobrança – Pate 2

 

 

Lição # 6 – Achar que estabilidade financeira vem de um bom emprego é ilusão

 

Muitas pessoas sonham com um emprego daqueles cheios de benefícios:

Plano de saúde, plano odontológico, seguro de vida, previdência privada etc.

Porém, há duas coisas aí que precisamos avaliar:

Primeiro, esses benefícios só valem enquanto você estiver na empresa.

E, como todo mundo sabe, para ser despedido basta estar empregado!

Então, achar que tem estabilidade é ilusório porque você depende 100% da empresa para tudo.

Seu salário vem dela, seu médico vem dela e, no fim, você está com todos os seus ovos na mesma cesta.

Se ela cair, quebram-se todos!

Segundo que esses benefícios não são tão benéficos assim.

Pelas Leis trabalhistas, uma empresa não pode reduzir o salário de ninguém, mas pode retirar ou reduzir benefícios.

Por isso, grandes empresas preferem pagar menos salários e “dar” mais benefícios porque, na hora de uma crise, ela corta os benefícios e faz isso dentro da lei.

Seria muito melhor se você recebesse o dinheiro e pudesse escolher o plano de saúde que quisesse, o dentista que quisesse…

A lição aqui é: não seja dependente 100% da empresa onde trabalha.

Pense em formas de ter renda extra para não ser pego de surpresa!

 

 

Lição # 7 – Juros compostos devoram o seu dinheiro

 

Quando você vê um empréstimo a 1,9% ao mês e acha isso “barato”, você não está levando em conta de que essa porcentagem não incide uma vez, mas sim, sobre todos os meses que você vai pagar esse empréstimo.

Veja aí esse exemplo de um “inofensivo” empréstimo consignado, o queridinho das pessoas que trabalham com carteira assinada!

 

  • Valor do empréstimo:             R$ 5.000,00
  • Taxa de juros mensal:             1,90%
  • Prazo em meses:                    48
  • Prestação mensal:                  R$ 159,71
  • Total dos juros:                       R$ 2.666,08
  • Custo total do empréstimo:   R$ 7.666,08

 

Você vai pagar, na verdade, 53% de juros porque esses inofensivos 1,9% são somados em todas as 48 prestações!

A lição aqui é: fuja daquilo que devora o seu dinheiro!

 

 

E para quem prefere assistir, é só apertar o play!

 

Não esqueça de se inscrever no nosso canal do YouTube, pois todas as terças e quintas temos vídeos novos para você!

 

Para se inscrever, clique aqui!

 

Nos vemos!

Jornalista especialista em finanças, autora do best-seller Bolsa Blindada, colunista do programa Mulheres, TV Gazeta e youtuber.

  • Estou nessa situação a anos e realmente está muito, mais muito complicado eu saí dessa, penso muito mais não vejo nenhuma saída, vejo seus vídeos é muito importante,

  • Oi Patricia, bom dia,

    Em relação a aplicação na Ouroinvest que você sugere tenho algumas dúvidas: há taxa de administração para investimento na LCA? qual o percental? Qual o prazo entre a solicitação do resgate até o dinheiro em conta corrente? A Ouroinvest aplica no Tesouro direto, se sim tem taxa de administração?
    Desde já agradeço seu retorno.

    • Não há taxa para essa LCA e o prazo dessa é de 120 dias. As demais infos vc pode obter no 0800-771-4342. Beijos!

  • Muitooo bom eu ler e aprender como é importante ser determinada aquilo que trás benefícios pra nossas vidas.
    Obrigada Patrícia e excelente mensagem.
    Deus te ilumine sempre.
    🙋🏽‍♀️🙋🏽‍♀️🙋🏽‍♀️🙇🏽‍♀️🙇🏽‍♀️😉😉😚😚😚💖💖💖

  • Patrícia devo em vários lugares e estão me ligando, um deles eh o banco do Brasil eu fiz um empréstimo de 2000,00 em 2013 e com passar do tempo não consegui quitar essa dívida e agora estão me cobrando em torno de 18.000,00 o qual proposta eu posso aceitar pra me limpar dessa dívida.
    Bjsss
    Marta
    Manaus

    • Pelo que você está falando, essa dívida já não pode mais ser cobrada porque passou de 5 anos. Não quer dizer que vc não tenha que pagar, mas sim, que não podem mais ligar para fazer cobrança. Se vc deve 2 mil, ofereça esse valor para quitar. Não aceite parcelamentos e esqueça esses 18 mil. Foque no valor que realmente vc deve porque eles sabem que não podem mais cobrar. Bjs

  • Olá Patrícia, tudo bem?
    Estou devendo em 3 cartões de crédito e minha receita só da pra pagar um cartão. Oque é melhor, que eu parcela todos ou faça um empréstimo e líquido os cartões e fico somente com uma divida?

    • No caso de dívidas com cartões, que têm os maiores juros do país, o melhor seria vc fazer um empréstimo a juros mais baixos e quitar os três. Aproveite e fique com um cartão só. Será mais fácil de administrar. Bjs

  • Olá Patrícia, Boa noite ? Adorei ler suas.publicação

  • Olá Patrícia. Gosto muito do seu trabalho e sigo principalmente no You Tube. É bom ter alguém que tem as respostas para as nossas dificuldades (das mulheres) que atravessamos uma hora ou outra. Estou a tentar seguir os seus planos financeiros e estou a conseguir alguma coisa. Sou de Portugal e gostaria de saber se, sendo portuguesa e vivendo em Portugal, posso investir no vosso Tesouro Celic, com euros e abrindo conta na plataforma online.
    Obrigada e desejo muito sucesso para si.

    Beijos, Isabel

    • Oi, Isabel. É preciso ter CPF e conta aberto em um banco brasileiro. Obrigada por seguir nosso trabalho! 🙂

  • Boa tarde patricia .queria saber oque vc acha sobre a area da beleza .estou pensando em fazer um curso de esteticista pois aqui em minha cidade esta meio ruim de serviço e tenho medo de ficar desempregada.

  • Bom dia Patricia, tenho 32 anos trabalho fora desde os 13 anos não devo cartão de credito, não tenho dividas de financiamento, sempre guardo dinheiro pouco mais guardo, porem nunca acho que meu dinheiro esta rendendo o suficiente, me formei em gestão de RH agora em 2018 tenho uma filha de 7 anos e sou casada desde os 19 anos, estou estudando investimentos mas sou muito insegura para aplicações, tomei a atitude de não ter mais cartão de credito com anuidade pois apesar de sempre ter as contas em dia não quero passar estes valores para mais instituições, teria alguma dica para que eu possa alavancar minha vida financeira???

    • Vc disse que guarda dinheiro, mas que está rendendo pouco. Se vc tem dinheiro parado ou na poupança (o que praticamente é a mesma coisa), precisa investir em algo que lhe dê mais retorno. Indico que vc abra uma conta em um banco exclusivamnte de investimentos, que não vai querer pegar o seu dinheiro para títulos de captalização e outras bobagens do tipo. Eu tenho conta no Ourinvest (é aberta seguramente pela internet) http://www.ourinvest.com.br e lá vc terá um assessor para lhe ajudar a investir. A conta não tem taxa de abertura e nem de manutenção. Bjs!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *