21 dias para crescer – Dica 12 – Piorando o que está ruim

Nós, seres humanos, somos muito parecidos diante dos problemas. E uma das coisas nas quais somos especialistas é piorar o que já está ruim. Fuja disso conferindo o post de hoje!

Screen Shot 2017-08-22 at 15.59.37

Há pais que reclamam que seus filhos não lhes contam nada e que são sempre os últimos a saberem das coisas. Dizem que seus filhos nunca sentam para conversar ou lhes dar atenção e, pior, que eles nunca lhes dão ouvidos. Mas por que será que os filhos preferem escutar os amigos do que os pais?

Muitas vezes os pais não agem com sabedoria e, tentando ajudar, acabam afastando seus filhos. Veja o que esse versículo nos ensina:

“Não esmagará a cana quebrada.” – Isaias 42:3.

Entendemos através dele que não devemos piorar uma situação que já está ruim. Se o seu filho cometeu um erro, ele precisa da sua ajuda, não da sua crítica. Não estou dizendo que ele não precisa ser disciplinado, mas têm pais que só sabem criticar quando o filho precisa de quem o apoie.

Na vida ele irá encontrar muitas dificuldades e sofrerá desilusões com pessoas em quem depositou sua confiança. Cabe a nós sermos os pais em quem eles podem contar sempre, não importa o quão difícil seja a situação, seremos quem lhes faz bem, e não mal, quem lhes ajuda, não lhes afunda ainda mais, quem acredita neles, não quem fica apontando o erro cometido.

Pais sábios trazem os filhos para perto de si, sentam para ouvi-los e conversam sem tabus, sobre qualquer assunto. Procuram entende-los e orientá-los com amor.

Duvido que, agindo assim, os filhos não vão procurar seus pais para dividir suas preocupações e pedir conselhos. Os pais lhe serão uma fonte de sabedoria para o que tiver que decidir em sua vida, serão melhores do que qualquer amigo!

Texto de Isabela Munhoz, a executiva que deixou a carreira promissora para ser mãe em tempo integral.

Nos vemos!

Jornalista com atuação no Brasil, Inglaterra, Argentina e Israel. Autora do best seller Bolsa Blindada e palestrante na Universidade de Harvard.

  • Edna Freitas diz:

    Já passei por momentos muito difíceis por não poder me abrir com meus pais pelo fato de já saber que eles não me entenderiam e me criticaram e hoje sempre tento não cometer o mesmo erro dos meus pais com meus filhos!!

  • Camila Ogassavara Fernandes diz:

    Revi minha infância lendo esse post. Sempre fui fechada com meus pais justamente por eles me criticarem ou usarem a situação para tirar um sarro de mim ou espalhar a história revertida pra família. Hoje, eu sendo mãe, me esforço ao máximo para não cometer o mesmo erro para que minhas filhas tenham confiança e liberdade para me contarem as coisas.

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


Carreira Profissional

Cartão de Crédito

Investimentos

Pagamento de Dívidas

Faça uma busca no site:

Acompanhe também a Bolsa
Blindada nas redes sociais:


Receba todas nossas novidades!

Livros Bolsa Blindada:

Desenvolvido por: