Hoje em dia o certo virou errado e vice-versa. Tudo parece estar de cabeça para baixo, mas será que você tem ajudado a difundir essa troca de valores sem perceber?

emoji de cabeça para baixo

Vivendo em um mundo de cabeça para baixo

Você já sabe que fazer o que é certo é andar na contramão, não é mesmo?

Porém, o que talvez você não tenha percebido é que o errado ou inadequado está tão enraizado na nossa cultura que, algumas vezes, ajudamos a difundir essa inversão de valores.

Como assim, Patricia? Eu não passo ideias erradas, não!

Será?

Sábado à noite publiquei no meu Instagram e no Facebook essa foto do meu fogão limpo.

fogão limpo

Coloquei na legenda:

“Depois de uma certa idade essa é a imagem que vc quer ver sábado à noite!”

A maioria das meninas que me seguem se identificou com a imagem… Hahahaha!

Mas, como sempre, quando falo de limpeza, organização ou poupar dinheiro – que são coisas boas – há quem leve para o lado ruim.

Até grifei algumas palavras que conseguem transformar coisas positivas em negativas:

  • Eu não sou fanática por limpeza.
  • Não sou paranoica para ficar limpando tudo.
  • Amo limpeza, por isso dizem que tenho problema!
  • Organização é para gente que tem TOC.
  • Não tenho essas neuroses de agenda, não!
  • Não sou mão-de-vaca para ficar guardando dinheiro. Eu gasto mesmo!
  • Guardar dinheiro para quê? Para gastar com remédio?

Será que você nunca disse algo assim?

Por que as pessoas classificam limpeza com fanatismo, paranoia e neurose?

Então, ter a casa suja é ser equilibrado e sensato?

Por que uma pessoa organizada deve ter TOC?

Então, organização é doença e bagunça é sinônimo de saúde?

Por que quem não torra todo seu dinheiro é chamado de mão-de-vaca?

Então, o certo é gastar tudo para parecer “legalzinho”?

Por que guardar dinheiro é sempre associado a arcar com custos de doença, acidente ou alguma catástrofe?

Guardar dinheiro não pode ser para conquistar bons objetivos?

Equilíbrio é a palavra-chave

É certo que uma pessoa que vive em função de limpeza ou organização não está agindo com equilíbrio.

Assim como aquele que vive para juntar dinheiro também.

Mas, as pessoas que agem assim, movidas por distúrbios, são raras.

Então, não devemos difundir essas ideias de que limpeza é neurose, organização é paranoia e por aí vai.

A bagunça em excesso é muito mais comum de se ver do que a organização em excesso.

A diferença é que ser bagunceiro é legal, enquanto ser limpo e organizado é considerado até doença…

Fazer o certo é andar na contramão e isso inclui vigiarmos o que pensamos e falamos.

Se você continuar associando coisas boas a causas ruins, vai acabar ajudando a reafirmar um conceito errado.

O que é bom não deve ser encarado como desequilíbrio, combinado?

Bora dar um detox nos pensamentos furados 🙂

Nos vemos no próximo post!

Jornalista, especialista em finanças, autora de 5 best-selleres, colaboradora dos programas Mulheres (TV Gazeta) e Escola do Amor (Record TV). Colunista do portal R7 e youtuber.

  • Patricia, amo ver uma casa limpa e organizada, isso tem que fazer parte do nosso dia a dia.
    Eu tenho o seguinte pensamento, e melhor ter o essencial dentro de uma casa, pouco moveis, mais, limpo e organizado, do que ter a casa cheia de moveis e bagunçado.
    Assim também e a nossa finanças, comprar somente o necessário, o que precisa, confesso que eu estou em processo de aprendizado – Bjs.

  • Porque doi tanto sair da zona de conforto?! Ou melhor da zona de achismo de conforto porque realmente viver na desorganização, bagunça propriamente dita é uma merda e é tão difícil mudar…. não sei se fico triste ou feliz. Parabéns Paty, suas palavras são verdadeiras e reais preciso me reinventar uma nova criatura.

  • Perfeito Patricia! O mais triste, é estarmos rodeadas de pessoas que nos pressionam a fazer algo incorreto ou que não queremos, tanto no ambiente familiar como profissional. Bjs!

  • Oi Pati! Aí vão algumas perguntas que talvez possam calar esses tipos de comentários que vc citou:

    1) O que toma mais o nosso tempo/dinheiro/saúde? (que são preciosos)
    – Arrumar uma casa toda bagunçada ou manter ela organizada?
    – Limpar uma casa imunda ou manter ela limpa?
    – Não saber que roupa usar porque não consegue enxergar o que tem no guarda-roupa por causa da bagunça?
    – Não saber o que tem em casa (exatamente por ser desorganizada) e comprar o que não precisa?
    – Ficar nervoso estressado porque gastou demais e agora não tem dinheiro para pagar o necessário?

    Tem um ditado ÁRABE que diz: “Quem compra o que não precisa, vende o que precisa”. É ou não é?

    Bjos!!
    (PS: Sei bem que sentimento é esse do fogão limpo de sábado à noite! rsrsrsrsrs)

  • Oi Patrícia! Adorei o post. Meu marido e eu estávamos conversando sobre isso há alguns dias. “O bonito virou feio, o feio virou bonito, tá chovendo pra cima e o poste faz xixi no cachorro!” Essa inversão de valores nos incomoda bastante. Temos que vigiar, para não achar tudo isso normal.

    • Exatamente. Pode até ser comum, mas não quer dizer que seja normal, nem muito menos certo! Bjs

  • Vi sua publicação no dia e super me identifique com ela. Curioso como outras pessoas enxergaram como algo ruim.

  • Parabéns Patrícia, você é muito paciente e sábia! Que Deus te abençoe e te preserve nesse seu legado!

  • Exatamente assim que acontece, vivo sendo taxada pela minha família da neurótica da limpeza a chata que gosta de tudo organizado e limpo. Gozado que todos gostam do casa arrumada e eu que sou a que tem problema.

  • Olá Paty! Tudo bem? Nessa frase onde você menciona: “A bagunça em excesso é muito mais comum de se ver do que a organização em excesso.”
    É a mais pura verdade…. Eu tive que parar um pouco com a limpeza e organização excessiva para cuidar de mim, pois meu marido, filho e cachorro peludo dentro do apartamento, iriam me deixar adoecida se eu continuasse querendo deixar tudo limpo sempre. Como tenho folga a cada 15 dias no sábado, esse é o dia que limpo. Acabo não conseguindo fazer nada além de limpar nesse dia, mas antes era de dois a três dias passando pano e limpando… eles só riam de mim e isso me prejudicava. Mas nada melhor que nossa casinha, lar, ambiente organizado e cheiroso… Minha colega de trabalho que diz que eu ajudo ela na organização kkkk
    Beijos…

    • Com cachorro e criança é preciso abstrair e considerar que a casa não vai estar livre de pelos e daquela baguncinha de brinquedos etc. Equilíbrio é a palavra! Bjs 🙂

  • Essas pessoas que gostam de colocar rótulos em mulheres como nós, São pessoas que já tentaram varias vezes ser exatamente assim e nunca conseguiram. Então é muito mais fácil, rotular, criticar, invejar e principalmente criticar.

  • Se ser organizada é ruim então eu “tenho um problema ” pq não sei viver na bagunça, e não encontro nada nem consigo organizar meus pensamentos se as coisas estiverem fora do lugar.
    Tenho agenda sim, e ando com ela pra todo canto senão esqueço dos compromissos, e com tantas coisas a ser fazer hoje em dia me admira alguém q consiga se organizar de maneira eficaz sem nenhum tipo de agenda.

  • Esses dias eu passei minhas roupas que eu tinha deixado acumular e procrastinava. Aí eu precisei acordar mais cedo pq tinha q ir no médico, e que bom q a minha roupa já estava lá passadinha me esperando. Além disso o lugar no guarda-roupa q elas ficavam me esperando pra passar ficou melhor. Organização e limpeza são coisas tão importantes e gostosas na nossa vida.

  • Pati, o q vc acha d escrever um post falando sobre o estilo de vida minimalista?rs Bjos!

    • Como não é o meu estilo de vida, não me sinto à vontade para falar com propriedade. Mas posso dizer porque eu não sou! Bjs

  • Tenho uma filha adolescente cursando o sétimo ano do ensino fundamental, e hj, ela me contando sobre as aulas mencionou o comentário de uma professora sobre o caderno dela, a professora disse: “isso aqui tá organizado DEMAIS!”

  • Aqui em casa desenvolvemos um lema “ORGANIZAÇÃO É TUDO”, isso demostra que se estamos organizados dentro de nós mesmo tudo a nossa volta também estará, tendo esse lema meus filhos estão bem disciplinados sabem o que querem e trabalham para isso( eles trabalham com metas para comprar o que querem) e já sabem investir, os coleguinhas deles as vezes não acreditam que eles conseguiram juntar tanto dinheiro(R$2.000,00) em dois anos veem me perguntar se é verdade, e como eles conseguiram isso, eu explico que aqui em casa trabalhamos como uma equipe e que um ajuda o outro e que eles recebem por semana R$ 25,00 e que eles tem que tirar primeiro o que é de Deus(dizimo) usar uma parte e guarda a outra. e com isso eles conseguiram pois eles tem o sonho de ir para praia e vão. E eu provo aos amiguinhos deles mostrando no computador a conta deles (meus filhos no banco). E devido ser assim sou criticada pelas mães dos amiguinhos dos meus filhos dizendo que sou perfeccionista e exigente, digo que não que apenas a divisão de tarefas domesticas, e que meus filhos tem hora pra tudo e ainda cito um versículo da bíblia. “Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele.
    Provérbios 22:6 ” Porque eu já falo que eles não vão me ter a vida toda, pois o normal são os pais irem primeiro( espero que Jesus me busque quando tiver lá com meus 120 anos. Rsrs).

    • As críticas só servem para nos provar de que estamos no caminho certo. Parabéns, Luciana! Arrasou…. 🙂

  • Quando fazemos o que tem que ser feito, nos sentimos realizadas, e isso não tem preço!

  • Estou ressurgindo como uma fênix…

    Confesso que me deixei levar por muitas ideias nos últimos anos e esqueci o que é natural pra mim: usar minha querida agenda, casa organizada, congelador com comida pronta caseira e bem armazenada para facilitar minha vida.

    Estou voltando aos poucos e ouvindo a minha voz primeiro e não a dos que me cercam.

    Em algum lugar na estrada, comecei a dar crédito a essas pessoas e não a mim, a minha intuição, a minha voz… e me ferrei….

  • Pois é, a cada dia está mais difícil! Mas temos que nos mantes firmes! Pati o que você acha de pessoas que não seguem as regras em um condomínio e ninguém fala nada, mas incomoda os outros? Falar com o proprietário sobre isso é errado?

    • Eu creio que vc deve falar na administradora do condomínio. Talvez ninguém fale nada porque um está esperando que o outro faça algo!

  • É uma inversão de valores desenfreada! Em tudo! Um caos =/
    O certo é errado e o errado é certo. O que era moral e valoroso para as pessoas, hoje tem sido motivo de piada e muitos tem se deixado levar, até mesmo sem perceber! Eis a grande questão!
    Aqui onde eu trabalho, somos em cinco na sala. Cada um tem o seu dia para escolher a música que vai tocar no ambiente. Um dos meus colegas, gosta de sertanejo, mas não das antigas, o atual, o universitário, não sei exatamente como classificam hoje. Eu fico impressionada com as letras das músicas! Letras que milhares de brasileiros curtem e talvez nem raciocinam que valores essas letras passam! Meus Deus! Até crianças cantam! Elas mal iniciaram o ensino fundamental!! Isso não é bonitinho, como muitos que ouvem, dizem!
    Tem uma letra de uma artista que diz o seguinte “vou te trair, pode chorar, não estou nem aí para o que os outros vão falar”.
    Hã?! Como é?!
    Eu quase perguntei para meu colega, “E se sua namorada dissesse isso para você?!”. Porque é exatamente isso que entendo que a música passa, “você pode fazer igual!”
    E é assim, com coisas aparentemente inofensivas, que ideais diabólicos são, gradativamente, tornando-se verdades na cabeça das pessoas. Indignante!

    • São conceitos tortos e absurdos que entram na vida das pessoas sutilmente. Lembro de uma música que diz “você não vale nada, mas eu gosto de você”… É com uma letra dessas que as mulheres querem ser empoderadas? Isso não passa a ideia de que a mulher pode não valer nada, mas sempre vai ter quem goste dela? É triste mesmo…

  • Pois, Patrícia!

    Sou chamada dessas coisas que você mencionou: Neurótica, atacada, maníaca, doente por limpeza! Hahaha
    Eu bagunço as coisas na correria do dia a dia, mas arrumo também e fico inquieta quando não consigo me organizar de forma que eu consiga manter as coisas dentro de casa em ordem. Moro com meus pais e irmão, por sinal,muito bagunceiro!! “Brigo” com frequência com ele por conta da organização da casa. Eu limpo,lavo, arrumo e ele vem bagunçando tudo o que já arrumei e deixa lá….ISSO ME IRRITA!! Não só a mim, como também a minha mãe. Mas não sei se tem jeito, não! Nem sei mais o que fazer para ele entender que precisa contribuir em pelo menos manter as coisas limpas e arrumadas já que encontra pronto! Enfim….Sinto paz quando tudo está limpo e organizado! A desorganização externa, em muitos casos, é reflexo daquilo que está dentro!

    Bjs, linda!

  • Oi Paty, no meu ponto de vista é assustador essa inversão de valores atualmente. Temos que ser organizados sim. Pra quem não tem esse abito no início é bem difícil, mas depois colhemos os frutos na nossa vida.
    Parabéns pelo post. Bjs.

  • Linda Patricia concordo contigo!

    sabe que reparo nas empresas por onde passo? desordem! bagunça! cada um faz o que quer! resultado: trabalho amarrado, atrasos, stress por parte dos próprios funcionários, irritação, discussões…. tudo porque falta ordem, disciplina e organização.

    Por onde vou aplico meu método de trabalho: tudo tem que ter lugar, tem que haver limpeza, eu não trabalho em lugar sujo, bagunçado, e se chego em algum lugar assim a primeira coisa que faço é: colocar ordem!

    Podem me chamar de paranoica do que quiser, mas eu amo limpeza, organização, as pessoas precisam entender que tudo fica mais fácil quando há ordem e disciplina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *