A timidez tem impedido muita gente competente de alcançar seus objetivos por não expressarem abertamente o que desejam. Como vencer isso?

timidez

Timidez: você tem mesmo?

Essa pergunta é necessária antes mesmo de começarmos a falar sobre como vencer a timidez.

Muita gente tem se assumido tímida pelo fato de que outras pessoas a terem classificado dessa maneira e não porque realmente são.

Desde a infância, quando uma criança não quer cumprimentar alguém ou não está a fim de falar naquela hora, como muitos adultos justificam esse comportamento?

“Não liga, não! Ela é tímida!”

A partir daí, a criança já entende que a timidez é uma escapatória para os momentos em que ela não quer fazer alguma coisa.

Não está com vontade de apresentar o trabalho escolar? É só dizer que é tímido e passar a bola para outro.

Não tem coragem de falar o que sente? Sem problema! Bota a culpa na timidez e imediatamente você está justificada.

Não quer ter o trabalho de conquistar a pessoa amada? Fácil: diga para as amigas que é tímida e elas darão uma de cupido e vão deixar o caminho aberto para você.

Por isso, antes de mais nada, analise se você é mesmo tímida ou se está apenas se escondendo atrás dessa desculpa.

Vencendo a timidez

Se você é uma pessoa que sente pânico ao falar com os outros, percebe que seu rosto queima, suas mãos suam e a voz fica trêmula ou não sai, saiba que tem jeito para mudar isso.

Por algum motivo, você imagina que as outras pessoas são mais inteligentes que você, mais descoladas, mais articuladas e, de alguma forma, melhores do que você.

Acredite: há pessoas que também pensar isso a seu respeito!

Nós nunca sabemos o que se passa na cabeça do outro, mas uma coisa é certa: todo mundo acha que a vida do vizinho é mais fácil. Então, se esse é o seu pensamento, esqueça.

É claro que sempre vai haver pessoas que se destacam em algumas coisas e que as fazem muito melhor do que nós.

Isso é e sempre vai ser assim e não há nenhum problema nisso.

A questão é que você sente todo esse pânico por achar que vai fazer um papel ridículo, cometer algum erro ou dar algum fora e ficar exposta.

Mas isso pode ser vencido no momento em que você mudar pensamentos e atitudes.

Começando a mudança

Na minha opinião, os extremos nunca são os melhores lugares para se estar, por isso, se você treme ao falar com mais de duas pessoas ao mesmo tempo, não queira logo encarar uma multidão.

Trabalhe a sua auto-confiança aos poucos. Comece treinando em frente ao espelho, sozinha mesmo.

Depois converse com uma amiga, duas, quatro e vá se enturmando aos poucos.

As pessoas podem estranhar e fazer comentários bobos sobre as suas tentativas, mas não deixe isso te afetar. Siga em frente e não fique se justificando.

É você quem sabe da sua luta e, ao continuar a sua estratégia, você certamente vai se tornar mais forte a cada dia. Só não desista!

Não tenha pressa e não queira mudar suas atitudes da vida toda em questão de poucos dias.

Você precisa de tempo para se habituar a viver sem que a timidez a domine e isso não é um processo imediato.

Se você tem pressa em comunicar algo, escreva o que quer falar, ensaie várias vezes e se empenhe em passar credibilidade.

Seja firme e você vai conseguir!

Compartilhe!

A timidez tem sido uma grande vilã na vida de muitas pessoas, por isso, compartilhe este post nas suas redes sociais e ajude outras pessoas a vencerem essa questão. 🙂

Nos vemos!

 

 

Jornalista, especialista em finanças e autora de 5 best-selleres. Colunista do portal R7 e apresentadora do JR Dinheiro, no Jornal da Record.

  • Oi Patrícia. Tudo de bom seu texto. Para mim então que estou “tímida”, dá até uma leveza na alma.

  • Amei o assunto de hoje: timidez. Muitas vezes preciso falar com uma turma de 10 a 15 pessoas e fico nervosa, respiro fumdo e sigo em frente. Preciso trabalhar mais esse meu lado.

  • Aiiiii..adorei que você tenha escrito sobre esse tema 🙂
    Eu fiz um comentário pedindo até. E posso confessar uma coisa? Uma vez em um curso, um professor falou pra mim que o meu comportamento não era de pessoa tímida, e sim de insegura. Na época eu era mais nova, e ele só pediu pra eu não deixar isso atrapalhar o meu potencial, e trabalhar nisso. Enfim, 4 anos se passaram e assumo que até hoje venho tentando. Afinal, reconheço que já perdi oportunidades por causa disso. Obrigada Paty!! Deus te abençoe!

  • Bom dia Patricia, Esse texto vai me ajudar muito, sou muito tímida para falar em público e isso tem me atrapalhado muito, e já perdi oportunidades de trabalho por causa disso. Mas vou colocar em prática essa dicas, e depois conto os resultados 🙂

  • quando fiz a entrevista do meu emprego atual fui a última a se apresentar,estava tremendo de medo.. vergonha e gaguejava,gente que vontade de sair correndo…mas no final eu fui contratada até mesmo pela minha experiência no currículo ? ainda tenho um pouco de insegurança até na forma de expressar,mas eu tenho força de vontade e quero mudar

  • Realmente a timidez me atrapalha desde o início da minha vida profissional, até consigo me destacar em entrevistas de emprego, porém no dia a dia no trabalho se eu puder entrar e sair de uma sala sem ninguém me notar eu fico “feliz”, com seu post percebi que meu desafio é diário e não só em uma reunião ou entrevista de emprego.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *