Hoje a Sandra não vai ensinar a reciclar garrafas ou potes de requeijão. A dica da semana é: como reciclar uma mãe. Como será isso? 😀

Sandra_bolsa_crop Toda mãe tem um valor inestimável, mas muitas vezes o joga fora por se sentir incapaz, inferior e deixar a baixa auto-estima lhe dominar.

Muitas começam a criar e desenvolver pensamentos negativos sobre si mesmas, principalmente por já não terem aquele corpo da época de solteiras, por não terem tanto tempo para se cuidar ou por acharem que “deixaram de ser mulheres” depois que passaram a ser mães.

Com isso, acabam vendo coisas até mesmo onde não existem. Acham que seus maridos estão olhando para outras, que não têm talento para nada e por aí vai… Mas como mudar isso? Como reciclar esses maus pensamentos e transforma-los em coisas boas? Se podemos pegar um monte de sucata e transforma-las em uma coisa legal, por que não poderíamos fazer o mesmo em nossos pensamentos?

A resposta é o Espírito Santo. Ele transforma todo o negativo em positivo, nos capacita, dá entendimento e, principalmente: muda sua visão sobre si mesma. Só Ele poderá lhe mostrar o quanto você é preciosa, bonita e pode fazer a diferença em sua casa e com seus filhos.

Veja como Deus pensa positivamente sobre nós:

“Eu bem sei os pensamentos que tenho a vosso respeito, diz o Senhor, pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que esperais.” Então me invocareis, e ireis, e orarão a mim, e Eu vos ouvirei. E buscar-me-eis e me achareis, quando me buscardes com todo o vosso coração”.  Jeremias 29:11-13

Busque-O e O achará, Ele reciclará sua vida e você dará a melhor herança a seus filhos: a fé.

Até a próxima semana!

Sandra Lages

Jornalista especialista em finanças, autora do best-seller Bolsa Blindada, colunista do programa Mulheres, TV Gazeta e youtuber.

  • Que bom ouvir isso…
    Obrigado meu Deus,
    Obrigada a todas vocês que fizeram e continuam fazendo a diferença na minha vida!
    Que Deus vos a bençoe!

    • Olá Bia, obrigada a você que sabe aproveitar as oportunidades! Um beijo.

  • Bom dia Paty, este post de hoje eu estava precisando… essa semana passei por uma situação onde me senti exatamente inferior a outras mulheres, e como que por 3 dias eu me esquecesse do que vive dentro de mim, me arrependi amargamente por não dominar sentimentos de ciúmes que estava ressuscitando dentro de mim.
    Acordei a tempo, e hoje lendo esse post achei muito interessante, reciclar os pensamentos é isso que vou fazer todas as vezes que virem os maus pensamento, Obrigado Sandra. Beijos para as duas.

    • Olá Roberta, reciclar nossos pensamentos é sempre muito proveitoso! Obrigada querida por estar atenta a nossos posts! Um beijo.

  • Bom dia D. Sandra, Patrícia;

    Não sou mãe, mas de fato o que me chamou muito a atenção quando li o post, foi o fato de reciclarmos nossos pensamentos.
    Às vezes sem perceber deixamos entrar pensamentos que nos destroem.
    Estarei atenta para isso, reciclando tudo o que passa em minha mente. Obrigada pelos conselhos.
    Bjks 🙂
    Dai.

  • Bom Dia D. Sandra, sem dúvidas, o Espirito Santo é o maior especialista em “reciclagem”…
    Ontem estava me sentindo super mal (meu filho de 1ano e 1 mês engoliu um pedacinho de fita de pano e só descobri porque ele vomitou) . Naquele momento me senti incapaz, frustrada por não ter visto, mas hoje pela manhã ao orar o Espírito Santo me encheu de força e me mostrou não só Sua capacidade de transformadora, mas o cuidado que tem com aqueles que ama, pois meu filho poderei ter sofrido maior dano. Vejo o cuidado de Deus todos os dias em minha vida e principalmente na vida do meu filho, isso não só é gratificante, mas principalmente MARAVILHOSO!!!!!

  • Poxa … que forte esse post sra. Sandra!
    Essa passagem que a sra. citou em Jeremias 29:11-13 nos da muita força e coragem!
    Parabéns pela postagem e continue sempre aqui dando estas palavras de força, fé e coragem !

    Deus a abençoe grandemente!

  • Estou necessitada dessa reciclagem.Essas palavras foram para mim
    Obrigada!

  • Olá Sandra e Patricia!!
    Belíssimo post :)!! Sou mãe de duas menininhas (uma bebe de 1 ano e uma mocinha de quase 5 :D) e desde a chegada delas vi tudo mudar na minha vida, com isso eu tive que aprender uma nova forma de viver e ainda continuo aprendendo… a cuidar, renunciar… dar sem esperar receber, mas por amor, porque quando olho para aqueles rostinhos todos os dias, eu penso que quero ser e dar o melhor exemplo para elas e isso me impulsiona a querer ser melhor como mãe. Mas, houveram dias, em que me senti sim incapaz de tamanha responsabilidade (mesmo com o apoio e amor do meu querido marido), e se não fosse o Espírito Santo, que me sustenta, renova minhas forças e me capacita, eu não seria capaz de dar conta e mudar meus pensamentos. Eu não sou nada, mas o Espírito Santo é tudo que eu preciso para me ensinar a ensinar, disciplinar e cuidar das minhas meninas e de mim mesma! Sem dúvida eu espero poder passar a herança da FÉ para elas.

    Bjs pra vcs :)

    • Querida Vanessa, que bom que tomou a decisão de deixar a maior de todas as heranças para suas filhas. Beijos!

  • Boa noite manas queridas,
    Esta mensagem é relevante para mim. Não sou mãe, mas no último ano por motivos de saúde acabei ficando fora de forma. Não estou feia, mas é impossível olhar no espelho e ver uma Vânia redondinha e não rir de mim mesma!
    São poucas as vezes que pensamentos ruins sobre isso vêm à minha cabeça. Nos últimos 30 dias iniciei o propósito de João e o Jejum de Daniel… tive que interromper algumas vezes e por isso a televisão tem ficado desligada e o rádio só sintoniza programas cristãos. Daí que ficando mais pertinho de Deus tenho me livrado de contaminações da mídia!
    Muito obrigada pelo reforço! Beijos em dose dupla! Uma semana de vitória para vocês!

  • Eita D. Sandra,
    tinha acabado de postar sobre a dificuldade que tenho em fazer exercícios físicos por me achar chegando à melhor idade e a sra. me abriu os olhos, muito obrigada, hoje mesmo vou mudar isso, apesar de ter 56 anos posso muito bem criar coragem pra isso.
    Olha Deus falando comigo, puxando minhas idosas orelhinhas! rsrsrssrsrsrsrsrsrsrsrs
    Deus abençoe a sra

  • Bom dia sandra !, parece que você entrou dentro de mim e descreveu a minha vida. hoje sou recém-casada, e tenho uma bebe de 1ano e 7 meses, e me sinto frustada pois não tenho um pingo paciência com ela muito menos com meu esposo, não consigo me entender pois estou muito confusa cheia de pensamentos maus e muito agressiva com minha família, as vezes penso que não nasci pra ser mãe, sei que estou errada mas não consigo ser diferente ou ter uma atitude sequer que mude esta situação estou ,sem forças para buscar o espirito santo, a cada dia que passa piora, a cada dia me sinto mais insuportável e inconstante l,sinto vontade de chorar toda hora e as vezes penso em sumir e abandonar tudo,não sou a mesma me sinto infeliz comigo mesma consequência disso tenho um marido frustado,diz que eu só reclamo e mando nele, e uma filha super agitada,que faz de tudo para chamar minha atenção. Não sei o que fazer,ou por onde começar, por favor me ajude.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *