Pequenas corrupções do dia a dia

19/09/2017

Pequenas corrupções do dia a dia

Que o Brasil vive uma crise ética na política não é novidade nenhuma, mas o que dizer das “pequenas corrupções” cometidas…

Que o Brasil vive uma crise ética na política não é novidade nenhuma, mas o que dizer das “pequenas corrupções” cometidas todos os dias por milhares de pessoas? Esse é o assunto de hoje!

basta

O mundo muda, a tecnologia avança, as pessoas criam novas expectativas, mas ela parece continuar a mesma, firme e forte, vencendo as barreiras do tempo e do espaço. Ela, a corrupção, muda de roupa, de cara, de figura, mas continua reinando soberana Brasil afora.

Mas o que são essas “pequenas corrupções”, tão aceitas e praticadas, que têm levado o país a solidificar, cada dia mais, a imagem de dar “jeitinho” em tudo.

Cito aqui algumas bem antigas e outras mais novas:

  • Furar fila
  • Fingir que está dormindo no assento dos idosos para não dar lugar no transporte público
  • Falsificar carteirinha de estudante para pagar meia entrada
  • Pagar propina em auto-escola para passar no exame (ou qualquer outro tipo de “quebra” para facilitar a vida)
  • Comprar CD, DVD, bolsa, tênis, roupa e tantos outros artigos pirata (lembrando que pirataria é crime)
  • Viver buscando pdf gratuito de livros (e passar para meio mundo pelo WhatsApp)
  • Comprar curtidas nas redes sociais (recebo praticamente todo dia “ofertas” para que eu “compre curtidas” e tenha “mais fãs” nas minhas redes e “pareça” mais popular… ridículo!)
  • Colar em provas e exames
  • Passar nota falsa para frente (e ainda justificar dizendo que “foi outra pessoa que passou mim”)
  • Colocar no currículo atividades que não sabe executar ou habilidades que não possui, como “inglês intermediário”, quando na verdade não passa de básico (isso quando não é totalmente inexistente).

Essas são apenas dez coisas que sabemos que acontecem todos os dias em todos os níveis sociais, culturais e econômicos. A corrupção está aí, solta, livre e, pior: aceita por muita gente.

Mas embora essa maldição esteja enraizada no nosso país, a boa notícia é que ela pode acabar HOJE. Sim, hoje! Basta que nós não venhamos agir dessa forma e a corrupção não fará parte da nossa vida. Não vamos “justificar” a corrupção dizendo que “todo mundo faz” ou cobrando que o outro deixe de fazer. Façamos a nossa parte, afinal, se todo mundo varrer sua calçada, a rua inteira ficará limpa.

Nos vemos!

13 comentários

    Concordo em gênero, número e grau! Muito melhor viver em paz, com o essencial e suficiente, certa de que a minha parte na calçada está limpinha! Beijos

    Simples assim!!!!! parabéns Patricia texto muito coerente.

    Gostei muito e concordo. Esse “jeitinho” brasileiro nada mais é que corrupção mesmo. Só não entendi uma coisa, desculpe minha ignorância, como assim comprar curtidas nas redes sociais? Eu trabalho com marketing digital, iniciei recentemente, e tenho minhas fan pages no Facebook, lá o próprio Face oferece para impulsionar a página ou as postagens por um determinado valor. Seria isso ou não?

      Isso que vc se refere (e que o Facebook oferece) é fazer publicidade das suas páginas ou impulsionar postagens para que mais pessoas vejam e, se elas quiserem, irão curtir. Isso está totalmente dentro da legalidade e da ética, pois as postagens aparecem como “patrocinadas”, ou seja, a pessoa sabe que vc pagou para publicar e alcançar mais pessoas. Agora, “comprar curtidas” é outra coisa, são pessoas que criam centenas de perfis e páginas fake e cobram para ficar curtindo as páginas e postagens de quem paga pelo seu “serviço”, ou seja, não são curtidas reais. É um submundo para quem quer aparecer a todo custo!

    Bom dia,Paty.
    Maravilhoso esse texto.??

    É isso mesmo, o que mais me deixa irritada é que muitos te enviam notas do tipo “a fabrica de multas…, os valores aumentaram…”, quem leva multas são infratores; se ela existe é porque muitos acham que tem o direito de desrespeitar as leis que nos protegem, e pior essas notas vem de pessoas que tem conhecimento, formação superior e seus direitos e deveres garantidos, tem privilégios, esse é o absurdo desse país.

    Boa tarde Patty ,

    Obrigada por esta reflexao et como se costuma dizer : ,
    ” que me importa que todo o mundo faça , se no dia do julgamento final estarei sozinha para prestar contas” !

    E mesmo sem ir mais longe , quem quer se parecer com quem faz errado é burro ! rss

    Beijinho Querida , linda semana !!

      rs…rs…! Beijos, amiga!

    Simples assim!!!!
    Compartilhando….
    bjos

    Nossa comprar curtidas nas redes sociais…! Nunca vi isso. È a corrupção evoluindo para níveis inimagináveis. Contudo, como disse a Paty ela pode acabar hoje se, tão somente eu e você dizer Não/basta.

    Comecei a te seguir agora, entao, nao tinha lido este post. Tem uma coisa que fiquei impressionada. Estamos morando na Espanha a 4 anos, obvio que a diferança é gritante. Estive no Brasil de julho a outubro deste ano de 2019, sabia de uma pratica antiga, pois foram mais de 30 anos subindo e descendo de onibus em Sao Paulo. Motoristas e cobradores deixam voce descer pela frente e nao giram a “catraca”, ficam ainda com o nosso dinheiro no final das viagens???? Em tempo: Nao sao todos, generalizacao, nunca. Beijos.

    Algumas dessas práticas são tão comuns que quando não se pratica mais parece que há algo estranho… eu mesma, quando entendi que baixar músicas por exemplo, é crime, parei e as pessoas próximas de mim acharam muito incomum isso; parei de vender meu vale alimentação, pois apesar de quase todo mundo que conheço vender, vi num noticiário que é crime também. Vamos nos corrigindo!

      A venda de vale alimentação eu não sabia que era crime. Não tenho esse benefício há décadas, mas é sempre bom saber!

Gostou? Comente aqui!

Deixe um comentário




Outras notícias


Produtos




TV Patrícia Lages




Não perca nada. Seu dinheiro agradece!

Digite seu e-mail no campo abaixo para se
inscrever em nossa newsletter.

Shopping cart

0

No products in the cart.