Milagre não é mágica

Recebi diversas mensagens de leitoras confundindo milagre com mágica, por isso resolvi falar sobre o assunto, pois a confusão interfere – e muito – na vida financeira. Confira!

magicaVamos analisar três mensagens que recebi de leitoras (as quais não serão identificadas), onde vemos claramente um equívoco cometido por muitas pessoas que professam uma fé cristã: confundir milagre com mágica. Vejamos a primeira:

“Estava a espera que Deus criasse condições para que eu me saísse bem (na faculdade) e acabei me dando muito mal. 🙁 Aprendi a lição…”

Esta leitora – que não se preparou – provavelmente achou que acordaria no dia da prova (mesmo sem saber a matéria), esperando que “Deus criaria uma condição para que ela se saísse bem”. E eu pergunto: como? Se você não estudar, não se preparar, não participar das aulas e não fizer os trabalhos, o que você acha que Deus pode fazer por você?

Se essa aluna estivesse com dificuldades nos estudos, mas pedisse a Deus que a abençoasse abrindo sua mente para compreender as matérias e a ajudasse a não esquecer do que aprendeu, tenho certeza de que Deus prontamente a atenderia. Mas esperar que Deus faça tudo, aí não dá, né?

 

“Estou esperando que Deus coloque pessoas no meu caminho que me digam o que fazer.”

Essa aqui é perigosíssima! Amiga, por que Deus mandaria um recado para você por intermédio de outra pessoa? Imagine que você tem um filho precisando de uma orientação sua, o que você faria? Falaria diretamente com ele ou mandaria a sua vizinha fazer isso? Gente, isso não tem cabimento! Se Deus pode falar com alguém, Ele também pode falar com você. E quanto ao perigo, quem lhe garante que a tal pessoa que traz o “recado de Deus” está falando a verdade? Olho vivo por que existe muita gente aí querendo pensar por você (e se aproveitando disso)!

 

“Patricia, você que é uma pessoa de fé, me diga: devo voltar à faculdade e concluir o curso que tranquei ou continuo nesse trabalho mesmo?”

Detalhe: eu não conheço a pessoa que escreveu, não sei onde mora, nem onde trabalha e muito menos o que estuda. Então, como eu posso saber uma coisa dessas? A minha fé é minha e eu a uso para buscar entender aquilo que não sei. Agora usar a minha fé para dar palpite na vida de quem não conheço é simplesmente impossível. É como se alguém me pedisse para tomar água para matar sua sede.

Sei que isso existe aos montes por aí, mas trata-se se adivinhação, puro chute, que pode levar muita gente para o buraco. Você tem fé, você tem raciocínio, você tem poder de decisão, então, não dê esse poder na mão de ninguém. Seja responsável pelos seus atos. Tenha fé em si mesma antes de ter fé nos outros!

 

feTodas as semanas vou trazer um assunto ligado à fé e que interfere na vida profissional e financeira das pessoas (ainda que haja quem me escreva pedindo – em tom de ordem – que eu “não me meta nessa área”).

Nós somos corpo, alma e espírito, quer acreditemos nisso ou não. Tentar separar as 3 coisas não dá, por isso vou seguir passando às pessoas aquilo que tenho aprendido e que tem me ajudado em muitos aspectos, além de aliviar minha alma e fortalecer meu espírito. Portanto você que é católica, espírita, budista, ateia, evangélica, kardecista etc., é sempre muito bem-vinda aqui no blog, pois não vamos falar de religião, mas de fé! Mande a sua opinião, seu ponto de vista e suas considerações, pois aqui o canal é aberto a todas!

Se o que tenho aprendido faz bem para mim, por que raios eu omitiria? Eu, hein!! rs…rs…

Recadinhos….

Screen Shot 2015-08-03 at 21.21.13Meninas que adquiriram o livro na pré-venda da Amazon: houve um pequeno problema de logística e atrasou um pouquinho a entrega.

Algumas leitoras me escreveram para avisar desse atraso (que eu não sabia) e sou muito grata a todas, pois minhas blindetes divas estão sempre me colocando a par de tudo!

Vocês receberão outro e-mail com a nova data de entrega, OK?

 

 

Rio de janeiro, estarei aí na Bienal!

05 de setembro, às 16h

XVII Bienal do Livro – Rio de Janeiro
Stand: Mundo Gospel Livraria Cristã
Pavilhão: Laranja

IMG_1264Se você é do Rio e poderá estar conosco neste evento, deixe um recadinho abaixo para que possamos ter uma ideia do número de pessoas e não faltar livro para ninguém. Lembrando que quem for vai ganhar o marca-página da Diva, além de outras surpresinhas que teremos por lá. Uhuuuuuuuu!

Todas as informações sobre a Bienal estão neste link. Leia com atenção, pois há maneiras de obter desconto no valor da entrada e até mesmo ter reembolso total. Confira, pois você é blindete e tem que fazer o melhor investimento. 😀

Nos vemos na Bienal!

Jornalista com atuação no Brasil, Inglaterra, Argentina e Israel. Autora do best seller Bolsa Blindada e palestrante na Universidade de Harvard.

Categoria: Espiritual, Ética
  • Sula Laiane diz:

    Tive essa experiência de não estar bem nos estudos pois me distraio facilmente e não gravo muito os assuntos. Então pedi ajuda a Deus para me mostrar como estudar melhor e, vindo aqui no seu blog, vi aquele post dos mapas mentais. Entendi o motivo das minhas distrações e apliquei aquela dica aos estudos. Funcionou muito bem. Eu me sai melhor e uso a ideia para várias outras coisas. Não foi mágica, foi dependência de Deus. Agora, tenho ensinado isso pasta crianças que estão com dificuldades na escola.

  • Edilaine Rocatelli diz:

    Bom dia Patricia!
    Ótimo post, temos que pedir orientação a Deus e ir a luta!
    Meu livro também está sem data de entrega, obrigada por avisar.
    Patricia vem aqui em Londrina PR, vi as fotos que me deixaram com mais vontade ainda de participar!

  • Vanêssa Sotério diz:

    Bom dia Patrícia!
    Muito legal este post… Realmente as pessoas acham que Deus resolve tudo como num passe de mágica sem precisar que elas façam coisa alguma!
    Mas o que tenho aprendido e vivido todos os anos que tenho frequentado a IURD é que Deus faz o milagre quando nós fazemos também a nossa parte! Não adianta ficar sentadinha esperando a benção chegar que ela não vai vir não! Temos que ir buscar!
    Amo seu blog, leio todos os dias! Por favor venha nos visitar aqui em Goiás!!!! As blindetes goianas agradecem!
    Beijos!

  • Jessica diz:

    Bom dia ….paty ,me ajudou muito obrigada,..

  • Daniela Santos diz:

    Olá, Patrícia.

    Esse assunto é muito interessante e independe de qual religião cada um segue. Li um livro que trata muito bem desse tema; As 25 leis bíblicas de sucesso, de Willian Douglas e Rubens Texeira. Assim como outros títulos do mesmo autor que aborda esse assunto: fé e carreira. Vale a pena ler.

    • Patrícia Lages diz:

      Obrigada pela indicação!

  • DELÂNDIA SILVA diz:

    Oi Paty, olá meninas Blindivas !!!
    “Caminhar” contigo todos os dias aqui no blog tem acrescentado muito na minha vida, isso que foi dito hoje é bem importante.Passei por uma situação parecida em relação ao meu filho que acreditava que minha liderança espiritual tinha a obrigação de me ajudar, então num momento EPAAAAAAAAAAAAA percebi que essa era uma questão minha com Deus e que as pessoas instituídas por Ele poderiam me auxiliar mas jamais resolver meu problema, então pedi ao Pai estratégia, visão e sabedoria…BIGO !!! Papai entrou com providência, para honra e Gloria do Senhor, as coisas tem estado melhor a cada dia.
    Ferro afia ferro, assim como homem afia homem, porém Deus é o Centro de tudo.
    Paty, eu também já comecei o primeiro desafio, e sabe o que é mais engraçado, sinto que estamos juntas realmente,kkkkkkk…
    Beijos Carinhosos

    • Patrícia Lages diz:

      BLINDIVAS!!!! Uhuuuuuuuu!!!

  • Rafaela diz:

    Amei o artigo de hoje.
    Eu estudo, trabalho, faço curso de inglês, tenho uma filha e ainda uma família bem turbulenta. Se escutasse a opinião dos outros sobre o que devo ou não fazer da minha vida, sinceramente, não teria realizado as minhas conquistas.
    Deus foi fundamental para que eu tomasse as decisões corretas. Com muitos tropeços, mas que me ajudaram a progredir.

    Deixe Deus nosso Senhor ser o guia da sua vida e não as pessoas ao redor. Elas podem até te querer bem, mas não tão bem quanto elas.

    Parabéns, pela matéria!

    • Patrícia Lages diz:

      🙂

  • Elizandra diz:

    As pessoas não querem ser responsáveis por seus fracassos e acham mais fácil deixar suas decisões para outros tomarem, para terem a quem culpar. Claro que pedir opinião a quem entenda do assunto é válido, mas devemos saber o que queremos e lutar. E quando pedimos a orientação de Deus, Ele vai a nossa frente, abre os caminhos e tudo dá certo. É caminhar para Deus colocar o chão. Nunca mais me esquecerei disso.
    E quanto aos assuntos relacionados a fé que você quer escrever, estaremos aguardando. rsrs
    Bjs

    • Patrícia Lages diz:

      É exatamente isso, vc resumiu muito bem! 🙂

  • Paula Nunes diz:

    Amei o post, isso mesmo fé palavra pequena mais com um enorme significado.

  • Livia Billo diz:

    Estarei na Bienal com certeza!!!

  • Danielle friash diz:

    Bacana Paty! Mais esclarecedor impossivel.

  • Daniela Santana diz:

    Verdade,paty isso aconteçeu comigo,fui fazer uma prova mais não estudei nadinha,e quando foi no dia,reprovei..pensei vou confiar em DEUS,mais agora faço diferente peço direção a DEUS pra estudar e como devo fazer e sempre dá certo!!

  • Mirian diz:

    Isso aconteceu comigo, fui fazer a carteira de habilitação,fiz voto bebi água consagrada,fiz oração antes da prova,rodei 3 vezes mas das 3 fiz propósitos!fiquei sem entender por algum tempo por que tinha sido reprovadae sabe porque Deus não me ajudou a passar?eu não tinha aprendido a dirigir,imagina se eu passo na prova poderia ta morta agora eu era muito emotiva agora aprendi a usar minha fé racional bjus na fé

  • Jarlenys Dias diz:

    Olá a todas!

    Já me disseram que Deus não e mágico. Demorei dois anos para aceitar que Deus não faz poses mágicas.
    Deixei as pessoas decidirem por mim. Resultados? Pior pesadelo de todo mundo me tratar como se fosse criança ou doente mental, sei lá. Acabei de ficar muito insegura, achando que a minha Fé não e nada como a dos outros. E que as minhas opiniões são insignificantes para eles.
    Já entendi a palavra independência dos outros para se tornar dependente de Deus.
    Até hoje estou lutando contra as minhas inseguranças.

    Obrigada por partilhar.
    Que Deus nos abençoe

    Beijinhos 🙂

  • Carol diz:

    Oi Paty! É primeira vez que comento aqui. Amo seus posts!GTbm gostei do livro bolsa blindada e quero ler o dois, e tbm esse novo!
    Gostaria de tirar uma dúvida sobre pirataria. Se eu baixar música na internet, isso é errado? Só seria certo se fosse em um site pago, como o itunes, ou se fosse de domínio público?

    • Patrícia Lages diz:

      Oi, Carol. Eu não conheço as leis sobre download de músicas. Sei que alguns sites disponibilizam downloads gratuitos, então creio que devem ter autorização para isso. Creio que pirataria é quando o uso é comercial, como baixar, gravar um CD e vender, mas como eu disse, não entendo desse tipo de lei, então é melhor verificar com alguém da área. Bjs!

  • camila diz:

    Patricia, sou bem desorganizada com meu dinheiro não ganho beeem, nem meu marido, eu tenho alguns desejos para realizar coisas pequenas, como a compra de uma Tv um sofá, e o maior de todos um carro, mais o dinheiro nao dá estamos sempre no vermelho todo mes pagamos uma conta e fica outra sempre atrasado, nunca temos nada em reserva, e as vezes parece que nunca vou ter o que todo mundo pode ter é tão simples uma TV 🙁 por onde começar ?

    • Patrícia Lages diz:

      Oi, Camila. Aqui no blog vc tem muitas dicas, são mais de 500 posts. E se quiser seguir um método, temos os livros Bolsa Blindada 1 e 2 e agora o Virada Financeira. Vc precisa estudar o assunto para ver o que estão fazendo de errado e começar a agir da maneira certa. Vai valer a pena!

  • Pamela diz:

    Oi Patricia! Parabéns pelo texto, claro e objetivo como sempre!Gosto muito destes posts sobre a fé inteligente e como aplica-la na vida e finanças.

  • Vânia Maria Gabriel de Souza diz:

    Oi, Paty!
    Eu mesma caí na besteira de perguntar a algumas pessoas “mais velhas e experientes” a respeito de uma decisão minha! Bem, se eu não tivesse sido tão burra (“Jesus, porém, respondendo, disse-lhes: Errais, não conhecendo as Escrituras, nem o poder de Deus” – Mateus 22.29).
    Daí que se eu tivesse perguntado ao Senhor se deveria me casar mesmo sem amar o pretendente, certamente não seria divorciada hoje.
    Fiz a bobagem, mas a “fatura” veio…. e eu tive que pagar!
    Você está certa, amiga! Se te faz bem porque não dividir?
    Quanto mais me achego a Deus, mais Ele se achega a mim, não é assim que a Palavra diz?
    Agora…. me fala…. quem disse que é possível separar a vida pessoal, financeira da combustível essencial para mantê-las, que é a fé?
    Mais um pontinho de consideração e respeito por você, amiga!
    Beijos

    • Patrícia Lages diz:

      😀

  • Danny Marcial diz:

    Gostaria de acompanhar seus artigos. Obrigada.

    • Patrícia Lages diz:

      Olá, Danny. Para receber um aviso a cada novo post, cadastre-se aqui no blog colocando seu e-mail no local de assinaturas. Bjs!

  • Lígia Itacarambi diz:

    Patrícia, devorei o livro Bolsa Blindada 1 em menos de dois dias e estou super ansiosa para ler o Virada Financeira! Quando pretende vir em Brasília? Seus conselhos tem me servido muito! Abraços!

    • Patrícia Lages diz:

      Oi, Lígia. Por conta da minha agenda de trabalho e de outros eventos que a editora está organizando, ainda não sei se será possível termos lançamentos fora do estado. Mas espero que tenhamos, será minha segunda vez em Brasília e a primeira foi show!!

  • Cidalia-Tunisie diz:

    Boa noite Paty,
    Acho muito estranho as pessoas criticarem e serem alergicas à palavra Fé , porque o que seria de nossa vida ( em todos os aspectos) se nāo tivessemos Fé.Bem,em tempos antigos também tentei viver feliz sem ela, vivia com a força do braço e por isso tinha sem ter….
    Mas voltando ao seu post,muito obrigada de dividir connosco tudo o que aprende através sua Fé, porque eu aqui traduzo para nossas e nossos Blindetes e Blindados Musulmanos e jamais algum se queixou que se tratava de religiāo!! Bem pelo contrário,e olha que religiāo para eles é sagrado!!! Eles aproveitāo e sempre querem aprender mais ao invés de perder tempo a criticar, que coisa chata nééé pessoas tāo duvidosas de tudo o que é bom para elas,

    Um bom final de dia ,
    Cidalia

    • Patrícia Lages diz:

      É verdade amiga! Olha, vc esteve novamente no meu evento!! rs…rs.. Minha irmã foi e usou o colar de peixinho que vc me deu, então vc de certa forma tb estava lá. Vou te mandar uma foto!! 😀

  • ingrid diz:

    Oi. Não entendi bem a relação se mágica e milagrr com o texto em si. Mas concordo com vc em tudo q disse apesar das nossas diferenças.

    Bjs. Aguardando novos posts interessantes como esse.

    • Patrícia Lages diz:

      Mágica é quando a pessoa acha que vai dormir sem saber nada e acordar sabendo tudo (a ponto de fazer uma prova e se sair bem). Milagre é quando essa mesma pessoa não sabe nada, tem dificuldade em aprender, mas pede a Deus que mude essa situação, que ela passe a entender, a guardar o aprendizado (a ponto de realmente se sair bem numa prova). Deus faz o milagre de mudar uma situação com a colaboração da pessoa, mas Ele não mágica, pois nada surge do nada. É isso 🙂

  • Eloisa diz:

    É muito interessante de se observar que sempre existem pessoas para criticar o que outras fazem de positivo. Seus textos são sempre muito esclarecedores. Quem critica, é puro recalque!

    • Patrícia Lages diz:

      Kkkkkkkkkkkk….

  • Laura - Portugal diz:

    Olá linda Patrícia!!!

    O que você escreveu hoje tem fundamento, pois eu passei por uma situação semelhante o ano passado.
    Vivia pedindo pra Deus cancelar minhas dívidas.
    Até que um dia depois de ler seu livro, tomei vergonha na cara e pensei: se a Patrícia em 1 ano pagou suas divídas, eu também consigo.
    E desde o princípio do ano comecei a ir atrás do que eu queria.
    Coloquei um objetivo dentro de mim: liquidar as dívidas e limpar meu nome.

    Comecei a fazer minha parte, e Deus agiu sim, não foi cancelada a divida, mas o excesso de juros cobrado pelo banco foi cancelado.

    Mas enquanto eu fiquei 2 anos orando pra Deus cancelar a dívida não aconteceu nada.

    Se eu soube fazer também tenho que saber sair dela!!

    Grande abraço pra você!!

    • Patrícia Lages diz:

      Usou a fé inteligente!

  • Adriana diz:

    Como A Vânia falou aí em cima. Ser mais velho não é o mesmo que ter maturidade. Também já me dei mal seguindo conselhos furados de gente que não sabe aconselhar e eu não deveria ter confiado tanto.

    Aliás, esse mês teve um caso assim lá no serviço: uma colega perguntou pra todo mundo qual pós deveria fazer e cada um foi dando um palpite: olha, você quer uma área mais focada, mais técnica, uma pós que te dê uma visão geral sobre o assunto? Todos acabaram falando suas ideias mas o desfecho foi meio surpreendente. Ela optou por fazer uma nova graduação em contábeis ao invés de fazer uma pós em contábeis.

  • barbara diz:

    Muito forte !

    Virá a Ribeirão Preto também ?! =)

  • Joselene Lima diz:

    Muito bom!

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


Carreira Profissional

Cartão de Crédito

Investimentos

Pagamento de Dívidas

Faça uma busca no site:

Acompanhe também a Bolsa
Blindada nas redes sociais:


Receba todas nossas novidades!

Livros Bolsa Blindada:

Desenvolvido por: