Dívidas são grande fonte de preocupação, por isso, é preciso conhecer e praticar estratégias para que nossa vida financeira não seja de altos e baixos. Confira!

Mulher com dívidas

Dívidas: sai já dessa situação!

 

Se você prefere assistir as dicas, segue o vídeo com todas as explicações.

Para que prefere ler, segue o texto mais abaixo.

 

A sua vida financeira vive de altos e baixos e você já cansou disso?

Então confira as dicas para fugir do endividamento!

O maior segredo para manter as suas contas em dia é colocar as dicas em prática por mais que você ache desnecessário.

Acredite: todas elas são necessárias, então vamos à elas!

 

Tenha um controle financeiro

Um controle financeiro é muito simples e nós já falamos aqui: basta você anotar tudo o que recebe e tudo o que gasta.

E isso não é uma vez por ano, mas sim, todo mês!

O pulo do gato aqui é você não deixar de prestar atenção nos gastos arbitrários, que são aqueles que não entram no seu orçamento:

Restaurante, uma roupa nova, salão de beleza, um presentinho etc.

 

Eu uso o Diário de Consumo (veja a explicação no vídeo acima e peça os seus no link do final deste post).

 

Tenha uma reserva de emergência

Muita gente se endivida quando surge um imprevisto ou algum gasto emergencial.

Mas se você separar uma parte do seu orçamento para criar essa reserva, não vai precisar entrar em dívidas quando um imprevisto surgir.

Não precisa ser muito dinheiro, mas deve ser sempre.

A sua constância em manter essa reserva vai valer a pena.

 

Cheque especial não faz parte da sua renda

Tem gente que adicionou o limite da conta ao salário e acabou entrando num ciclo vicioso:

Cai o salário cobre o limite, usa o limite para pagar contas, paga juros, cai o salário e começa tudo de novo.

Nós temos novas regras do Cheque Especial que eu conto nesse vídeo aqui. 

Se vc está nesse ciclo, assista ao vídeo e veja como sair!

 

Cuidado com as “parcelinhas”

Quando você faz um monte de parcelas pequenas e não considera o todo (que pode chegar a uma boa porcentagem do seu salário) vai acabar comprometendo o seu orçamento por um longo período.

Prefira juntar dinheiro e comprar à vista, porque além de não se enrolar, você ainda pode ter um bom desconto.

 

Já estou endividado, e agora?

Uma vez que você organize o seu orçamento, vai saber qual o valor que poderá dispor para o pagamento das suas dívidas, ainda que em parcelas.

Sem isso, vai ficar difícil planejar um parcelamento ou qualquer tipo de acordo.

Procure o seu credor e ofereça uma forma que você possa pagar. Evite deixar a dívida rolando por muito tempo.

E, claro, podendo, faça uma renda extra ou venda alguma coisa para ajudar a pagar o quanto antes.

Peça 2 Diários de Consumo com desconto!

 

Cada unidade sai por R$ 8, mas comprando duas, você só paga R$ 10 + taxa fixa de frete de R$ 2.

Aproveite e clique aqui para pedir os seus!

 

Nos vemos!

 

 

Jornalista especialista em finanças, autora do best-seller Bolsa Blindada, colunista do programa Mulheres, TV Gazeta e youtuber.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *