Desafio dos 100 dias – #2

Faltam 94 dias para o final de 2014, por isso, estamos apertando o passo rumo à prosperidade. Não fique de fora!

94_diasRespondendo às meninas que não conseguiram começar o Desafio da Prosperidade ou estavam atrasadas (ou ainda aquelas que desistiram pelo caminho), eis aqui mais uma chance!

Na semana passada começamos o Desafio dos 100 dias (leia aqui) e o objetivo é trabalharmos para que os 100 últimos dias de 2014 sejam melhores do que os 265 que se passaram.

Em vez de ficarmos lamentando pelo que não aconteceu, vamos focar no que pode acontecer. Certamente isso será muito mais produtivo!

Na semana passada você se dispôs a fazer aquilo que vinha protelando e, provavelmente, já se deu conta de alguns probleminhas no meio do caminho. Mas a única forma de resolver de vez os problemas é cortar as suas raízes.

old_radioPara conhecer alguns exemplos de como fazer isso, acompanhe este áudio no qual respondo a dúvida de algumas blindetes.

 

 

 

 

Nos vemos!

Jornalista com atuação no Brasil, Inglaterra, Argentina e Israel. Autora do best seller Bolsa Blindada e palestrante na Universidade de Harvard.

Categoria: Desafio, Destaque
  • Elisangela diz:

    Ouvi e amei as dicas!
    Bjs
    Blindete Master fazendo a diferenca na vida de muitas blindetes!!!!

  • Getsemani Araujo diz:

    No ano passado participei desse desafio , esse ano de novo . Que bom que a nossa Bolsa Blindada só esta progredindo. Abraço bem carinhoso de sua Blindete.

  • Cidalia -Tunisia( Africa do Norte) diz:

    Boa tarde Patty
    Aconteceu comigo em agosto… Eu disse não é os ” amigos” somiram !! Graças ´a Deus por isso, este post vai certamente dar coragem ´a muitas pessoas.
    Beijinho Querida das suas Blindettes tunisianas

  • Carla Monise diz:

    Amei as dicas, estava precisando de um incentivo para a minha vida. Como no caso da blindagem Cris eu também tinha do dos meu primos e vivia dando com as à eles e até mesmo os meus irmãos. Vou começar a rancar esse mal da minha vida e focar no meu objetivo e ter em todas áreas da minha vida abençoada ! Que Deus abençoe muito a senhora Patrícia que sempre nos ensina algo novo todos os dia

  • Nayana diz:

    Que legais as dicas! Estou no desafio… está difícil, mas vou conseguir! Obrigada sempre, sucesso!

  • Naire Uriela diz:

    Infelizmente tenho muita dificuldade em Acesaar os audios…
    Gostaria muiiito d participar.

    • Patrícia Lages diz:

      Oi, Naire. Qual a dificuldade que vc enfrenta? Nos conte para vermos se podemos pensar em algo.

  • Bianca diz:

    Ótimas dicas Pati! Encontrar a raiz do problema é muito importante para conseguir alcançar seus objetivos! Bjs
    http://mundocoloridodebia.com/

  • Gislaine- Sorocaba SP diz:

    Olá Patrícia, ouvi e gostei bastante de tudo o que você falou, pois também me fêz refletir em alguns pontos da minha vida financeira, bjs!!!

  • Thais Stocker diz:

    Boa tarde Patrícia!
    Estou lendo o seu primeiro livro e estou adorando. Nunca tive problemas com dívidas pois eu e meu marido somos bem controlados, mas também nunca sobrava dinheiro para fazer coisas que estávamos com vontade. Lendo seu livro, estou aprendendo a ter objetivos, traçar planos, e isso tem sido bem legal! Muito obrigada! Mas tenho uma perguntinha para fazer… Estou pensando em comprar um carro para mim (meu marido já tem o dele), por acaso tem alguma regrinha que nos diz quanto podemos comprometer da nossa renda com as despesas de um carro (prestação, IPVA, seguro obrigatório, seguro…Ai meu Deus quanta coisa!). Eu também estava pensando em fazer um consórcio pois acho muito abusivo os juros cobrados em um financiamento normal, o que você acha?
    Muitíssimo obrigada Patrícia,
    Beijosss

    • Patrícia Lages diz:

      Oi, Thais. Que bacana que vc está traçando novas metas! Quanto ao carro, não há uma regra de comprometimento de renda, pois depende muito dos compromissos que vc já assumiu. De qualquer forma, o consórcio é melhor do que o financiamento no que se refere a juros (o consórcio só tem taxas e não juros). Se vc pode esperar pela contemplação (se não precisa do carro já), o melhor a fazer é uma compra programada mesmo e, para isso, um consórcio cairia muito bem. Mas atenção quanto à empresa de quem vc vai comprar o produto. O melhor é optar por empresas sólidas e idôneas, faça uma boa pesquisa! Bjs

      • Thais Stocker diz:

        Muito obrigada pela resposta =D
        Vou pesquisar bastante.

  • Daiana Schemes (Rio Grande do Sul) diz:

    Boenas Pati!

    Muito legal as dicas, sabe Pati, eu aprendi aqui a ser tri focada, então eu não desvio daquilo que eu determinei por nada, nada mesmo.
    Antes de começar o desafio, eu achava que eu nunca conseguiria, eu era mais enrolada que linguiça de venda. Mas esse ano eu me surpreendi comigo mesma, está sendo tri difícil, não vou negar rsrsrs, mas está valendo cada sacrifício, Dezembro eu conto o que eu consegui com o desafio 🙂 😉

    Um abração pra ti guria, do tamanho do Rio Grande é claro, até mais.

    • Patrícia Lages diz:

      Tô esperando o seu depoimento em dezembro. Vai ser mais comprido que segunda-feira, guria!! Bah!! Beijosssss

  • Carmem Lucia diz:

    Olá Pati ! vamos pro ativar , lembra que da historia do microondas (tive paciencia para comprar e paguei a vista foi realizado meu objetivo ), estava fazendo o mesmo com o querer um sofá , olha que beleza faltando 94 dias para acabar o ano comprei , falei que não iria usar o cartão de credito depois dele ter se tornado um Pit Bull indomável e me mordido,consegui domina-lo , como o cartão de credito é apenas um gestor de gastos parcelei em 10* , desde que para adquirir meus sofá eu não tinha o dinheiro na hora então de 1731,00 eu estava pagando por 500,00 isso mesmo você acha que eu blindete iria perder , epa já analisei se valeria apena o produto para mim ,sim ele é lindo atende minhas necessidade, pretendo pagar tudo antes de vencer as 10 parcelas e feliz ano novo! e ainda faltam mais 94 dias rumo leitura Bolsa Blinda 2

    • Patrícia Lages diz:

      Arrasou geral e o pit bull virou um lulu bem bonzinho!!

      • Carmem Lucia diz:

        kkkk

  • Vânia Maria Gabriel de Souza diz:

    Querida Paty!
    Gostei muito do áudio! Eu, assim como a blindete que gosta de ajudar os outros, também sigo esse rumo e vez ou outra me vejo feliz da vida cuidando de quem precisa, mas depois tento me conformar por não ter o que necessito (e isso vai nos quitutes também, rsrsrs).
    Deixarei de ter esta “meio responsabilidade” pelo outro um pouco prá lá e focarei no que eu realmente preciso.
    Outro dia fui questionada por uma amiga querida: “Vânia, você precisa passar as noites no hospital porque não tem quem fique com o paciente ou quem precisa ficar com o paciente está gostando da ideia de não ter que ir pro hospital?” E foi aí que eu me peguei me ocupando com algo que, vez ou outra eu até posso ajudar, mas tomar a responsabilidade para mim em 100% realmente não está com nada! E daí as minhas atividades ficam totalmente paralisadas! E não é tempo prá isso!
    Obrigada, amiga!

    • Patrícia Lages diz:

      Há um ensinamento que diz para amarmos o próximo como a nós mesmos e não mais que a nós mesmos. Eu entendo que devemos ajudar sim, mas até onde isso não nos prejudique. Beijos!!!

  • Adriana Sousa dos Santos diz:

    Bom dia!
    Paty escutei o áudio, nossa estava precisando escutar estas palavras,eu me vi nesta blindete,este áudio me vez refletir e pensar um pouco mais em mim, e a partir deste momento estou entrando neste desafio, muito obrigada pelas dicas bjs

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


Carreira Profissional

Cartão de Crédito

Investimentos

Pagamento de Dívidas

Faça uma busca no site:

Acompanhe também a Bolsa
Blindada nas redes sociais:


Receba todas nossas novidades!

Livros Bolsa Blindada:

Desenvolvido por: