No meio de tanta informação, ansiedade, tarefas demais e muita cobrança, às vezes ter um tempo para si mesmo é altamente necessário.

Tempo para si mesmo

O título do post já deixa bem clara a proposta do detox de hoje: pé no freio!

Muitas vezes deixamos a correria do dia a dia e outras coisas tóxicas conduzirem a nossa vida, mas é preciso não perder o controle.

Complementando o post de ontem, estive refletindo que, no meio de tanta pressão e tantas regras, nem sequer comprei o que queria.

Era tanta preocupação em não deixar de obedecer aquele amontoado de “regras pela vida”, que se tornou um dia aborrecido, chato, cansativo.

E não é isso que às vezes acontece com a vida em si?

A gente começa a prestar atenção em tantas coisas que não têm nada a ver com os nossos objetivos que perdemos o foco.

Portanto, é preciso acharmos um tempo para nós em meio a isso tudo.

É preciso pausar o “fazer” e focar no “porque” e “para que” estamos fazendo o que fazemos.

Sabemos que fazer as coisas por fazer não nos leva a nada, porém, mesmo assim, muitas vezes é exatamente como agimos:

Trabalhamos por trabalhar, comemos por comer, compramos por comprar, falamos por falar…

Mas precisamos sair desse comportamento automático e dar sentido às coisas.

Se não há sentido, não há nada

Vivemos em uma sociedade ansiosa, depressiva e, diga-se de passagem, cada vez mais emburrecida (ao mesmo tempo que se acha superinteligente).

A ansiedade e a depressão podem se instalar exatamente quando as pessoas deixam de ver sentido no que fazem e, mais ainda, em quem têm sido.

Por isso, é preciso que todos nós achemos sentido para a vida, que tenhamos fé em algo e que possamos viver de forma suave e leve.

Lendo uma pequena frase bíblica, pude perceber um grande significado e uma resposta a quem se sente sobrecarregado.

Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.

A frase foi dita por Jesus (Mateus 11:30) e expressa o quanto Ele deseja nos aliviar das cargas que vão sendo colocadas nas nossas costas todos os dias.

Isso nada tem a ver com religião, mas com fé.

São palavras vivas, ou seja, palavras que, mesmo sendo breves, nos trazem um alívio enorme.

Faça um detox das palavras de morte que ouvimos tanto todos os dias e experimente meditar em palavras de vida e paz.

Dessa forma, você poderá encontrar um sentido totalmente novo para a sua vida.

 

Confira o desafio anterior

15 – Como recobrar o ânimo

 

Confira o próximo desafio

16 – Tempo para si mesmo

 

Cadastre seu e-mail e não perca nada!

Você receberá uma notificação a cada nova publicação.

Jornalista, especialista em finanças e autora de 5 best-selleres. Colunista do portal R7 e apresentadora do JR Dinheiro, no Jornal da Record.

  • Todos os dias pela manhã criei esse hábito de meditar na palavra de Deus!

    Eu me lembro que só vivia estressada, atarefada com tanta coisa pra fazer, assim que acordada minha mente ja começava a trabalhar pensando em tudo o que tinha pra fazer.

    Ao longo de muitos anos assim, começei a me sentir muito saturada de tudo, irritada e impaciente com tudo e com todos.

    Não fazia tempo pra descansar, era só trabalho, trabalho e trabalho.

    Chegou um dia que o corpo mandou a fatura!

    Sabe o que fiz?

    Me despedi do trabalho e fui cuidar de mim.

    Hoje eu vejo que essa falta de equilíbrio afeta muitas mulheres.

    Comecei a colocar disciplina na minha vida e estabelecer prioridades.

    Uma delas é: meditar logo pela manhã, acordo cedo, não atendo ligação de ninguém, não olho pra e-mail, rede social, não olho para os meu afazeres de casa, primeiro é ouvir a Deus e só depois eu vou fazer o que preciso fazer, e sabe de uma coisa?

    Tudo flui de uma forma natural no me dia, sem estresse, sem preocupação, eu aprendi a fazer isso e nunca mais parei.

    E estabeleci um dia pra cuidar de mim também.

    um grande abraço pra você linda Patrícia!

  • Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.
    Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas.
    Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve. (Mateus 11:28-30)

    Como não se sentir atraído por uma proposta tão rica e sem custo algum?

  • Não podemos fazer as coisas,, por fazer ….tem que ter objetivo..um foco.

  • Boa tarde! Procuro dá sentido a tudo que faço, uma vez uma amiga me falou”vc nunca vai fazer terapia” vc ama tudo que faz, te conheço a tanto tempo e nunca te vi reclamando. Essa sou eu. Um grande abraço!

  • Sim, Ele nos acalma e tira a ansiedade de nós, quando não posso fazer nada em relação ha um problema eu simplesmente sento e deixo Deus agir!

  • Olá Patrícia. Ontem eu estava assistindo a um vídeo muito interessante sobre sentido e propósito da psiquiatra Ana Beatriz Barbosa. É muito interessante a explicação que ela faz e achei muito legal você ter abordado esse assunto pois veio de encontro a esse sentido que venho buscando para minha vida.

  • É preciso pausar o “fazer” e focar no “porque” e “para que” estamos fazendo o que fazemos.(…)
    O tempo está passando tão rápido com tanta responsabilidade no dia a dia que acabo me perdendo do “porque’ e “para que” estou fazendo certas coisas, o “Automático” muitas vezes me desvia da rota do meu objetivo. (qdo tenho algum) Por ex.: E como chegar no mês de dezembro e olhar pra trás e ver o que “eu” progredi, ou evolui, ou atingi, dai vem os sentimento ” poxa!! eu poderia ter feito assim? “esse é um exercicio mental maravilhoso para ter bons resultados. Não só no último mês do ano, mas sim todos os meses.
    Obrigada por me ajudar organizar minhas ideias.
    Forte abraço, adoro suas postagens.

  • Não há nada melhor do que a Palavra de Deus, nos dá calma, sabedoria, paciência e paz de espírito, leio e medito todos os dias. Também tenho meu caderno da gratidão!!!
    Parabéns, Patrícia Lages, pelo seu trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *