(DES)Acelerar às vezes é preciso – JE#16

15/11/2021

(DES)Acelerar às vezes é preciso – JE#16

Todos nós somos limitados, mas nem todos nós conhecemos os nossos limites. O post de hoje é sobre isso! Hoje…

Todos nós somos limitados, mas nem todos nós conhecemos os nossos limites. O post de hoje é sobre isso!

Hoje é feriado?

Essa é a pergunta que eu faço em quase todo feriado, sabe por quê?

Porque há muito tempo – muito mesmo – feriados são dias comuns para mim, com poucas exceções.

O que há de diferente é que meus clientes não entram em contato, ninguém marca reunião e o número de mensagens no meu WhatsApp caem consideravelmente.

Fora isso, o meu trabalho não muda em nada.

Tenho os mesmos textos para entregar, mensagens de leitores e seguidores, penso nos próximos roteiros de vídeo, faço uma checagem geral nos nossos negócios, enfim… dia quase normal.

Sei que parece cansativo para a maioria das pessoas, mas a verdade é que a gente se acostuma.

Além disso, posso programar o meu próprio feriado para a data que achar mais conveniente, ou seja, quando percebo que preciso de um tempo, eu mesma escolho um dia e faço dele o meu feriado.

Mas há algum tempo não tenho escolhido esse “feriado” e, com tantas coisas legais acontecendo, acabei achando que poderia deixar para fazer isso mais adiante.

O cansaço físico, porém, não é possível “deixar para depois”. Ele vem e, se você não desacelerar um pouco, ele desacelera você na marra!

O cansaço chega, chegando

Há cerca de dez dias percebi uma certa rouquidão, mas como eu falo muito (!), não dei tanta importância.

Até que fiquei metade de um dia sem voz e tive que dar um tempo: descanso, boca fechada e muito chá de casca de romã.

Como ela voltou e a garganta melhorou bem, lá fui eu fazer tudo de novo como se nada tivesse acontecido.

E, sem prévio aviso, eis que peguei uma gripe alérgica que há anos eu não sabia o que era.

De novo: descanso, chazinho e entender que era hora de desacelerar.

Mas não era desacelerar só o corpo, pois percebi que era hora de desacelerar a cabeça!

Quem empreende – e tem o privilégio de fazer o que ama – sabe que a gente pensa praticamente o tempo todo no nosso negócio.

Isso não é pesado, cansativo ou uma “escravidão” como muita gente pesa. Isso é ótimo!

A gente tem aquele gás para fazer muita coisa o dia todo e simplesmente não percebe que, às vezes, estamos sobrecarregando a nós mesmos.

Por isso, ainda que você faça o que ama, ainda que o seu trabalho seja prazeroso (e nem pareça trabalho), é preciso ter equilíbrio.

Então, aproveite o seu feriado (mesmo que ele não seja hoje!).

Nos vemos!

17 comentários

    Oi Paty Boa tarde
    Realmente, somos pessoas limitadas e temos que ter equilíbrio em tudo na vida.
    O meu feriado foi assim: pela manhã cuidei das minhas tarefas normais da casa e agora a tarde , estou l relendo o Bolsa Blindada 1 e anotando os tópicos que mais me chama a atenção.
    Tenho os 5 livros do seu blog e todos tem leitura prática e criativa com linguagem bem humorada.
    Que Deus te abençoe sempre🙏💕❣️

      Obrigada, querida! Ótimo feriado!

    Patrícia como funciona para fazer parte do clube de assinatura? Pois tenho interesse, adoro seus conteúdos!

      Começaremos a vender as assinaturas em janeiro. Por enquanto, estamos produzindo o conteúdo. beijos!

    É verdade! Percebi no vídeo que você estava rouca rs, as vezes não tiro o feriado todo para descansar mas para dormir até um pouco mais tarde, ou para fazer coisas que me dão prazer, um hobby sei lá rs

    POIS EU VOU ASSINAR PATY AMOOOOO SEUS CONTEÚDOS E APRENDO MUITO COM ELES .
    VC É MUITO 1000.

    …. O cansaço físico é ruim, mas o psicológico é pior ainda.
    Há alguns meses estava me sentindo sobrecarregado a ponto de não conseguir raciocinar direito, isso foi consequência do excesso de trabalho pois, estava fazendo hora extras direto no trabalho aí depois tinha coisas da faculdade para resolver , nem sei como eu não dei um “treco ” não fui ao médico mas acho que era semelhante a “sindrome de burnout” mas agora tive que pisar no freio pra minha saúde não ir pro saco. Agora pretendo retornar minha rotina com uma forma mais inteligente de trabalhar e planejar pra que eu não fique muito fadigado. Valeu Patrícia , mais um texto direto pra mim. Muito sucesso pra Vc.

    Olá Patricia tudo bem
    Bom eu sei bem isto que você está falando . Um dia a conta chega e como chega ….ah 2 anos atrás eu tive um problema que acha que não era tão importante tive um problema de tirioide (hipertireoidismo) e junto veio um distúrbio emocional e perdir quase todo o meu cabelo…
    Tudo porque sempre vivia acelerada querendo dar conta de tudo…

    Feriado para alguns é trabalho tranquilo para outros.
    Sinto o mesmo. Meu WhatsApp nao toca e eu fico feliz, pois consigo executar tarefas sem ser interrompida.
    A parte boa de ser empreendedor: vou ao shopping terça à tarde. Vazio. Feriado em um dia que a maioria está trabalhando.
    Beijos, querida!

      Sim, fazer a nossa agenda não tem preço. Mercado na quarta à tarde: vazio. Shopping segunda de manhã: vazio! hehehehe

    Nesse feriado fiz o almoço para a família, os afazeres domésticos e foi bem corrido o meu dia, mas quase no final do dia percebi que poderia ter sido um pouco diferente pois meu marido e meus filhos reclamaram que queriam mais atenção e eu preocupada em fazer o serviço… apesar de que tudo que fiz era para o bem estar de todos.
    Mas às vezes a gente erra em querer fazer tudo, pois na visão do outro acaba não tendo valor.
    E nisso vemos que o pouco teria mais valor que o muito….

    Quando começo ver meus negócios até passo da hora de das outras coisas fico tão focada que esqueço até de mim.
    Aí o corpo e a mente pede descanso.
    Abraço.

    Boa noite!
    Ontem eu descansei a cabeça e aproveitei para organizar algumas coisas aqui em casa!
    Hoje cedo assisti à sua live de domingo a respeito do livro do William Ribeiro “Você não nasceu para ser pobre” e você comentou da perda da voz!
    Tem que descansar, sim! Se a gente não parar, o corpo da gente nos para.

    Bom dia Patricia! Verdade, meu feriado foi estudando ,lendo, sobretudo seus livros ( já tenho 3) , organizando a semana que passou e a próxima. Não paro, tb, pq amo o que faço, mas agora tenho um intervalo na semana que monto a cavalo, onde esqueço tudo e recupero minhas energias! Saúde e Boa semana!!!! Bjs!!!!

    Olá! Tendo a “discordar”… não somos “limitados”, somos “infinitos!!!”, tem até um personagem de desenho animado que diz algo do tipo vamos ao “infinito e além” (rs…rs…). Então, é exatamente assim, na grande maioria das vezes, podemos até pensar e sentir que somos infalíveis, querendo fazer mil e uma coisa ao mesmo tempo, porém temos 24 horas para dar conta de tudo e principalmente de nós mesmos, nosso bem-estar físico e mental. Descansar é preciso e o mais legal é saboreando uma boa xícara de chá. Aliás, estou na expectativa do “momento do chá com a Patrícia”, com desejo de melhoras com ou sem o chá de casca de romã! Abraços

    Quando eu trabalhava para os outros já era acelerada, imagina sendo autônoma? Fiquei 6 anos sem férias de 30 dias, tirava apenas 10 ou 15 dias, depois dessa pandemia, quem mais viaja sou eu rsrsr….aprendi a desacelerar e estou terminando o ano com minha agenda cheia, porém sem correria, pois quem corre ñ aproveita o caminho . 🤗🤩😘

    Desacelerar faz parte ! Saúde em primeiro lugar e equilíbrio em todas as coisas! Obrigada pela reflexão. 😉👍🏼❤

Gostou? Comente aqui!

Deixe um comentário




Outras notícias


Produtos




TV Patrícia Lages




Não perca nada. Seu dinheiro agradece!

Digite seu e-mail no campo abaixo para se
inscrever em nossa newsletter.

Shopping cart

0

No products in the cart.