10 erros fatais na hora de empreender

Se você está pensando em empreender, confira 10 erros fatais (e muito comuns) que devem ser evitados para que seu negócio não venha naufragar!

screen-shot-2017-01-02-at-17-23-41Este assunto foi o tema do capítulo 12 do meu mais recente livro Lugar de mulher é onde ela quiser. Nele, explico detalhadamente cada um dos 10 aspectos que podem fazer seu negócio ir por água abaixo. Fique atenta e leia abaixo um resumo:

1. Necessidade acima de tudo – atualmente muitas pessoas estão – infelizmente – sem trabalho e, muitas delas, se veem naquela situação de não ter com que pagar suas contas… Diante disso, começam a empreender apenas para sobreviver ou enquanto não arrumam “coisa melhor”. Fazer as coisas de qualquer jeito e não levar o negócio a sério pode ser fatal para qualquer empreendimento;

 

2. Não fazer um plano de negócio – mesmo que você vá começar a fazer trufa em casa para vender na vizinhança, faça um plano! Quanto você vai precisar para começar? Por quanto vai vender? Onde vai oferecer? Quais serão as formas de pagamento? Quanto você precisa produzir para faturar o mínimo necessário? Responda a essas questões antes de qualquer coisa;

3. Oferecer produtos ou serviços sem diferencial – dependendo da cidade onde você mora será muito difícil começar um negócio inédito. Em cidades como São Paulo, por exemplo, temos de tudo e muito! Com isso, como inovar? Pense que o seu produto ou serviço – ainda que já seja oferecido por centenas de outros negócios ou pessoas – tem que ter um diferencial. Seja na forma de ser executado, no prazo, na entrega, no atendimento ao cliente etc. Use sua imaginação e crie algo que só você tenha;

4. Não diferenciar modismos de oportunidades reais de negócio – não é porque todo mundo está fazendo determinada coisa neste momento que você também tenha que fazer. De tempos em tempos vemos negócios que surgem como “a bola da vez”, mas, depois de uns meses, ninguém mais ouve falar. Fique atenta e saiba a diferença entre coisas passageiras e negócios duradouros;

5. Não saber quem é seu cliente – saiba que você não vai agradar todo mundo, portanto, seu produto ou serviço não é para todos. Se você oferece algo a uma pessoa que começa a querer algo totalmente diferente, não fique mudando o produto ou serviço, mas entenda que aquele não é o seu cliente. Quando alguém compra um livro meu e diz que esperava algo “mais técnico”, não penso em começar a escrever em “economês”, mas entendo que aquela não é minha “cliente”. Meus livros têm uma linguagem simples e acessível e minhas “clientes” são as pessoas que buscam uma leitura assim e não quem quer teoria ou técnica. Não vou mudar para agradar a todos, pois eu escolhi um caminho e não vou me desviar dele. Faça o mesmo;

6. Não ter um bom atendimento pós-venda – vendeu? Saiba que seu trabalho não acabou! Saber se o cliente recebeu, se gostou, se funcionou, se tirou proveito ou se está insatisfeito faz parte da negociação. Não adianta vender ou prestar um serviço e depois desaparecer do mapa. Cuide doo seu cliente e ele será fiel a você;

7. Falta de planejamento financeiro – muitas pessoas têm ótimas ideias de negócios, mas não fazem um bom planejamento,por isso, ou o negócio não sai do papel, ou sai e logo afunda. Você não precisa ser expert em finanças, mas saiba quanto irá precisar para começar, analise custos e despesas e não assuma compromissos sem ter de onde tirar o dinheiro. Dê um passo conforme o tamanho da sua perna;

8. Querer manter o negócio com os lucros futuros – se você não tem nenhum capital e nem sequer sabe se seu negócio dará lucro, é melhor dar um passo atrás e planejar melhor. Começar um negócio do zero, já com despesas a serem pagas com um dinheiro que ainda nem existe (e que você não sabe se virá a existir) é muito arriscado;

9. Misturar o caixa da empresa com as finanças pessoais – esse é um dos campeões! Não é difícil encontrar pessoas que, ao receberem uma conta pessoal, tiram do caixa da empresa para pagar. Ou, vendo que a empresa não está dando lucro, começam a vender coisas pessoais para cobrir o buraco. Cada coisa deve estar no seu lugar e um caixa não deve ser misturado com o outro. Se a empresa não está dando lucro, analise o motivo dentro da empresa (ajuste preços, baixe custos etc.). E se as suas contas pessoais estão bagunçadas, busque coloca-las em ordem dentro daquilo que você realmente pode tirar da empresa como lucro. Não misture as bolas!;

10. Errar na escolha do sócio, não fazer um contrato societário ou mesmo ter um sócio! – creio que você já deve ter visto ou ouvido falar de grandes amigos – e até parentes – que se desentenderam depois de terem trabalhado juntos como sócios em um negócio. Tome muito cuidado ao chamar alguém para compartilhar o seu empreendimento. A pessoa pode até vir com dinheiro e com força de trabalho – o que pode ser muito útil – mas não se esqueça de que a empresa é tão dela quanto sua. Muito cuidado com a escolha!

capa-livroPara mais dicas de como iniciar seu negócio e ter sucesso em sua carreira profissional, peça já o livro Lugar de mulher é onde ela quiser.

Para encomendar o seu e receber em casa autografado, basta clicar aqui.

O livro custa R$ 30 e o frete para qualquer parte do país é fixo: apenas R$ 9! Peça já! 😀

Nos vemos!

 

 

Jornalista com atuação no Brasil, Inglaterra, Argentina e Israel. Autora do best seller Bolsa Blindada e palestrante na Universidade de Harvard.

Categoria: Uncategorized
  • Cristina diz:

    Adorei Paty! Veio na hora certa! Vai ajudar muito 😘 obrigada!

  • Josemar Manuel diz:

    Estava precisando de uma orientação mesmo, estou a pensar em abrir meu próprio negócio. Obrigado!

  • Alessandra Emerick diz:

    Paty,
    Seu livro está me ajudando muito para o start do meu negócio. Maravilhoso como sempre!
    Bjs e obrigada por compartilhar seu conhecimento conosco.

    • Patrícia Lages diz:

      Obrigada, Alê!! Beijos

  • Regiane Aguiar diz:

    Oi Paty, fazia tempos que eu não lia seu blog, gostei deste post e eu mesma já cometi uns três erros desses, e me dei mal, atualmente estou na luta para me recuperar. Mas não desisto, creio que minha hora vai chegar. Obrigada pelas dicas.

    • Patrícia Lages diz:

      Não fuja mais!!! rs…rs…

  • catarina diz:

    Ótimo post! Fiquei curiosa para explorar o livro 🙂 só tem no Brasil mesmo, por enquanto? Que em breve venha para Portugal, Inglaterra, Alemanha…
    Abraço!

    • Patrícia Lages diz:

      Obrigada! Por enquanto só no Brasil, mas dependendo do país que vc estiver, talvez consiga pedir a versão e-book. Dá uma pesquisada na Amazon! Bjs

  • Luciane diz:

    Oi Paty, tudo bem?
    Eu sempre fui funcionária pública, filha de funcionários públicos, de modo que não tenho nenhuma experiência ou exemplos em empreendedorismo, mas a vida não está fácil, e são os caminhos que surgem.
    Eu tenho dois planos de investimento em negócio, ambos na área de transporte, e gostaria de saber se o livro “Lugar de mulher eh onde ela quiser” me ensina “o caminho das pedras” para me preparar adequadamente para entrar nos negócios com todas as informações que preciso, como fazer um plano de negócios, como pesquisar meu público alvo é assim por diante.
    Muito obrigada pela atenção,
    Deus abençoe!!!!

    • Patrícia Lages diz:

      Sim, esse é o objetivo do livro. Bjs!

  • marcinha diz:

    Ameiiii Patty por isso amo seus exemplares

  • Erinéia Silva diz:

    Adorei o post, e tenho seguido a risca muitos de seus conselhos através do Blog, Obrigada, Paty….

    Uma sugestão, poderias orientar mais mães empreendedoras, né!!! Rotinas com filhos, etc….Bjusss

    • Patrícia Lages diz:

      Oi, Erinéia! No livro “Lugar de Mulher é onde ela quiser” tem um capítulo inteiro sobre empreendedorismo materno. Dá uma lida! Bjs

  • Nilsa diz:

    Será uma bênção eu creio , só com o bolsa
    blindada aprendi tanto.obrigada Paty que Deus continue iluminar o seu caminhos.

  • Joselene Lima diz:

    Muito bom!

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


Carreira Profissional

Cartão de Crédito

Investimentos

Pagamento de Dívidas

Faça uma busca no site:

Acompanhe também a Bolsa
Blindada nas redes sociais:


Receba todas nossas novidades!

Livros Bolsa Blindada:

Desenvolvido por: