Por que dinheiro separa os casais?

15/07/2015

Por que dinheiro separa os casais?

Um dia desses ouvi que raramente os casais brigam por dinheiro. Na hora não entendi, afinal, muitos casais brigam por…

Um dia desses ouvi que raramente os casais brigam por dinheiro. Na hora não entendi, afinal, muitos casais brigam por isso, mas ouvindo a explicação  entendi o real motivo e tive de concordar. Confira o post!

separaEm uma palestra no Templo de Salomão, Renato Cardoso, conselheiro matrimonial e autor do best-seller Casamento Blindado, disse o seguinte:

“Raramente os casais brigam por causa de dinheiro. Eles acham que o motivo é o dinheiro, mas na verdade não é. A raiz do problema é que o dinheiro faz o casal perder algo sem o qual nenhum relacionamento dá certo: a confiança.”

E é a mais pura verdade. A esposa que descobre que o marido tem dívidas  não se aborrece tanto com o valor ou com a dívida em si, mas sim, pelo fato de que ele escondeu a dívida dela. O marido se sente traído quando vê que a esposa esconde as compras no fundo do guarda-roupa e logo pensa: o que mais ela está escondendo de mim?

A questão não é o dinheiro, mas o fato de um estar escondendo coisas do outro. E como voltar a confiar em alguém capaz de esconder coisas? Quando se perde a confiança, o dinheiro passa a ser o menor dos problemas do casal.

Por isso, não pense que é normal fazer uma comprinha aqui e outra ali e depois esconder para seu marido não saber. Não considere natural gastar além da conta e achar que “ele não vai nem perceber”, ou fazer algo que você sabe que seu marido não concorda. O que você acha que vai acontecer quando ele descobrir?

O que está em jogo é muito mais do que dinheiro, é a sua credibilidade. Será que isso vale menos do que um novo par de sapatos? Para perder a confiança, bastam alguns segundinhos, mas recuperá-la pode ser um trabalho de vários meses (quem sabe até anos!).

Por isso, amiga blindete, não vá na onda dos outros. Seja um time com o seu marido e chutem a bola em direção ao mesmo gol.

Se você está escondendo coisas de seu marido, noivo ou namorado, será que não é hora de abrir o jogo e se desculpar?

Pense bem e não deixe a coisa sair do controle. Amanhã a situação pode ser pior.

Reflita, pondere e  tome a melhor atitude.

 

 

 

 

CGA_PedidoNão consegue controlar seus gastos? Use essa ferramenta fofa:

Controle de Gastos Bolsa Blindada. Seu marido vai agradecer! rs…rs…

Aproveite o frete grátis para todo Brasil, clicando aqui.

Nos vemos!

 

14 comentários

    Triste, mesmo, Paty!
    Quando eu era casada me senti muito triste por não saber quando meu marido recebia por mês, ele sempre se esquivava e não dizia.
    A responsabilidade foi minha em não me interessar (antes de casar) pelo assunto.
    Beijos

    Bom dia Paty,
    É a mais pura verdade, não é o dimdim e sim a confiança (ou a falta dela). Mais uma vez arrasou no post. Fiquei feliz com a sua rápida recuperação da cirurgia. Bjs e tudo de bom sempre!

    Sim é a mais pura verdade…Eu e o meu esposo não brigamos mais devido a confiança que temos um no outro, tudo o que eu vou comprar eu falo para ele e vice-versa. Uma das melhores coisas no meu relacionamento é a transparência. Tem dado muito certo.

    Sabe, Paty, eu já fiz de tudo pra o meu marido parar de gastar. Quer dizer, falta uma última tentativa que é usar a minha fé. Leio livros sobre o tema e vou a psicóloga. Eu consigo até ver algumas atitudes que posso melhorar, mas a verdadeira mudança só ocorrerá quando o meu marido for tocado e partir dele o desejo de ser diferente. Você tem toda a razão, eu imaginava que o dinheiro fosse o problema, mas o que de fato acontece é que a falta de confiança esfria muito o casamento.

    Excelente como sempre este post. Deus tem usado e muito a sua vida. Amada uma duvida a respeito do dizimo, devo tirar dizimo do imposto de renda? É que é a primeira vez que restituo e não sei se devo ou não. Beijos e Deus te abençoe a cada dia.

      Olá, Monica. Ótima pergunta! A restituição do IR trata-se da devolução de um valor que vc já pagou (a mais) e está recebendo de volta. Portanto, não é um ganho, mas uma devolução. Como imagino que vc já tenha dado o dízimo do valor que usou para pagar o imposto, não é necessário dar agora. Bjs!

    Patrícia querida,
    vou aproveitar o post para fazer uma pergunta sobre o dízimo.
    Estou muito endividada,li o seu primeiro livro,fiz anotações e me pergunto : como vou devolver o dízimo se não consigo pagar minhas contas e estou sempre no vermelho ?Se separar essa parte deixarei contas sem pagar,isso é certo ?Por favor,preciso de orientação !

      Oi, Girlene. O dízimo é uma questão de fé, porém, existe a forma certa de se fazer. Se você tem fé para ser dizimista, significa que você coloca Deus em primeiro lugar, pois ANTES de usar o dinheiro para qualquer coisa, você separa 10% para Deus. Essas são as “primícias” que a Bíblia menciona. Quando você devolve o dízimo, independentemente da sua situação, Deus se compromete a abençoar os 90% que ficaram com você. Devolver o dízimo quando o dinheiro está sobrando não é fé, mas praticá-lo mesmo no vermelho demonstra que você crê que Deus irá mudar a sua situação. Vc crê! 😀

    Paty te admiro muito, todos os seus posts são maravilhosos, és muito inspirada pelo nosso Deus Beijos

      🙂

    Nossa, estava aqui pesquisando pois tenho compulsão por compras… Estou passando por isso no meu casamento e sei que meu marido está muito bravo. Tenho medo de me separar por isso e não é o que quero… Sou compulsiva e não sei como parar.. Vejo e acabo comprando.. mas já me questionei se as roupas valem mais que a minha vida. e sei que não valem… O problema é que comecei a trabalhar num prédio onde tem loja de roupa e comecei a seguir no instagram várias blogueiras ai ferrou minha vida.. Sem falar que tenho ansiedade e tomo remédio pra isso.. Preciso tanto de ajuda e não quero prejudicar meu casamento com isso…

      Olá, Luciana. Sei que ansiedade é um grande problema do nosso tempo (e não “frescura”como muita gente pensa), mas é possível quebrar esse ciclo quando vc DECIDE fazer isso. Sugiro que vc corte todos os gatilhos que a fazem comprar: pare de seguir as blogueiras, não entre mais na loja do seu prédio e não saia mais com cartão ou talão de cheques. Isso vai te impossibilitar de comprar até que vc vá perdendo o hábito e isso não a controle mais. Aproveite tb para fazer uma limpeza no seu guarda-roupa e separe tudo o que não usa mais. Se estiverem em bom estado, faça um bazar com as amigas ou venda pela internet. Coloque o dinheiro da venda para ajudar nas despesas da casa e tenho certeza de que seu marido vai reconhecer seu esforço! Bjs

    Ola !me Chamo Edna estou com grandes piblemas financeiros ,a questão é que meu marido gasta demais ,nao coloca nada na ponta de lápis .e depois fica brigando ,chigando…ja chamei varias vezes p gente conversar ,mais ele so quer do jeito dele .ganhamos muito dinheiro ,porém é como se nao ganhasse .eu ja pedi a separaçao pq nao aguento mais.eu nao sei como contolar ele.ele é do tipo que faz a divida ,depois não aguenta as pressôes das cobranças ,ai ja viu vira um caus.me ajude por favor

      Olá, Edna! É muito difícil ajudar quem não quer ajuda. Procure entender o que o leva a agir dessa forma e se ele quer a sua ajuda.

Gostou? Comente aqui!

Deixe um comentário




Outras notícias


Produtos




TV Patrícia Lages




Não perca nada. Seu dinheiro agradece!

Digite seu e-mail no campo abaixo para se
inscrever em nossa newsletter.

Shopping cart

0

No products in the cart.