Evite riscos desnecessários – JE#21

17/12/2021

Evite riscos desnecessários – JE#21

Analisando que a maioria dos problemas são causados pelas próprias pessoas, quero destacar um provérbio que poderá evitar que isso…

Analisando que a maioria dos problemas são causados pelas próprias pessoas, quero destacar um provérbio que poderá evitar que isso aconteça.

Não crie problemas para si mesmo

Apesar de que nunca nos livraremos totalmente deles, podemos evitar de criarmos problemas para nós mesmos.

Observando as questões abaixo, quem você acha que criou essas situações?

  • Endividamento e nome sujo por ter emprestado cartão de crédito, CPF ou ter sido fiador de alguém;
  • Desemprego por não ter valorizado o trabalho e não ter desempenhado bem as suas funções;
  • Gastar demais por falta de controle (“eu mereço”, “só se vive uma vez” ou não saber dizer “não” a coisas desnecessárias);
  • Divórcio por ter sido negligente com o relacionamento;
  • Perda do ano letivo por falta de empenho nos estudos.

Estas são apenas algumas condições que, claramente, foram causadas pelas próprias pessoas e que, com cautela e prudência, não teriam acontecido.

Veja o que diz Provérbios 22-3:

O prudente prevê o mal, e esconde-se; mas os simples passam e acabam pagando.

Veja que a passagem diz: “o prudente prevê o mal”, ou seja, ele é atento, prevenido, ponderado, cauteloso.

Além disso, precisamos considerar o seguinte:

Para prever o mal é preciso pensar nele.

Aquelas pessoas que acham que “tudo vai dar certo no final e que se não deu certo é porque o final ainda não chegou”, podem ter um desfecho amargo.

Isso porque, quando a pessoa é negligente ou até mesmo otimista demais, acaba se tornando imprudente, desprevenido, inconsequente.

Ela espera que “algo do além” aconteça sem que ela tenha feito a sua parte, mas as coisas não funcionam assim.

Cair no precipício não é tarefa fácil

Observe o título acima. Parece meio maluco, não é?

Porém, se você parar para pensar, cair em um precipício não é nada fácil.

Primeiro porque não se trata de um buraco camuflado em um caminho reto.

Precipícios são grandes, vistos de longe e todo mundo sabe que eles estão ali.

Muita gente alerta de que não se deve chegar na beirada, nem andar desatento ao redor dele e que, à noite, não se deve ir lá perto de forma alguma.

Mas o que o imprudente – que se julga corajoso e “diferente de todo mundo” – faz? Ele se arrisca.

Ele sobe até lá, anda bem na beirada, vê o quanto é alto e perigoso, mas não acha que vai cair.

Embora saiba que não deveria fazer aquilo, o inconsequente faz achando que com ele será diferente.

Se você ouviu desde criança que é um ser especial, iluminado e que nasceu virado para a lua, vou alertá-lo sobre uma verdade: você não é nada disso! Ninguém é!

Não há sentido algum em ficar falando que “todo mundo é especial”, afinal, isso por si só já tira o sentido da palavra.

Muita gente me escreve todo santo dia dizendo o quanto sou iluminada, ultra-inteligente, especial etc. etc. etc.

Se eu fosse uma inconsequente, acreditaria nisso e agiria como quem tem o rei na barriga, ou seja, como quem é superior aos demais.

E sabe o que aconteceria? Isso seria a minha total ruína.

Simples elogios podem ser um laço enorme, por isso, eu me abstenho deles.

Eu me desvio desse precipício e não fico achando que esse tipo de coisa jamais subirá à minha cabeça.

Eu não sou especial, iluminada, ultra-inteligente e preciso lembrar disso todos os dias, isto é, preciso pensar nesse mal todos os dias.

Portanto, pense: quais são as atitudes que você tem tomado e que estão prejudicando (ou já prejudicaram) a sua vida.

Pense sobre elas todos os dias para não tornar a fazê-las.

Além disso, sempre que for tomar uma decisão, analise, pondere, avalie prós e contras e não ache que é um ser acima dos outros com quem nunca acontecerá nada de ruim.

Se atropelamentos acontecem todos os dias, por que você atravessaria a rua sem olhar?

Se acidentes de trânsito acontecem todos os dias, por que você dirigiria feito louco?

Seja prudente, preveja o mal e esconda-se dele.

Nos vemos!

11 comentários

    Bom dia! Verdade! as pessoas são muito imprudentes e acham normal, até chamam-te de medrosa, pois eles que são “corajosos”, e usam muito a frase “Deus proverá “, só que fazem asneiras e depois estão enrolados. 🥰😍

    Post muito forte é isso mesmo que as pessoas pensam
    Querem elogios e gostam de fazer tudo diferente das demais pessoas porque querem se destacar, mas nós como pessoa devemos ser humilde e não pensar ser melhor do que ninguém.
    Abraço ❤️

    Totalmente se acuerdo gracias por estas palabras Patricia…

    Boa tarde, Patrícia!
    Que outros façam elogios a você, não a sua própria boca; outras pessoas, não os seus próprios lábios. (Provérbios 27:2)

    Não há nada de errado em elogiarmos você, já que você ensina diariamente o beabá das finanças e orienta de tantas formas, sem cobrar nada por isso. Ver a sua prosperidade, fruto do seu esforço (e “sacrifício” no seu vídeo que assisti hoje cedo), é a resposta que todos os seus leitores blindíticos desejam para si!

    Até mesmo nessa sua “bronca” tem ensinamento, minha Amiga!

    Beijos e muito obrigada, mais uma vez!

      “Blindíticos” rs…rs….rs…..

    Eu sou essa pessoa que precisa mudar ..
    Sou imprudente ..todo dia durmo pensando vou mudar e no fim estou caindo no precipício pois eu mesma não aprendi a falar não .. o ano não acabou e com ele .. ainda dá tempo de mudar ..
    Obrigada por essa mensagem .

    Obrigada!

    Todos os dias melhorando.

    Muito obrigada por tudo.

    Esse post lembra um fato que ocorreu há poucos dias, de um coach com mais de 2 milhões de seguidores que arriscou a vida de 60 pessoas para subir o quarto maior pico do estado de São Paulo, o Pico do Marins. O grande problema foi que as pessoas que aceitaram participar desse “desafio” não raciocinaram o risco de vida que corriam em prol de vencer seus limites, sendo que uma coisa nada tem a ver com a outra.
    Nada melhor do que vencer seus limites vencendo a si mesmo, vencendo os males que tem praticado contra si.

    Ótimo post! Sucesso, Patrícia!

Gostou? Comente aqui!

Deixe um comentário




Outras notícias


Produtos




TV Patrícia Lages

Não foi fornecido um URL válido.


Não perca nada. Seu dinheiro agradece!

Digite seu e-mail no campo abaixo para se
inscrever em nossa newsletter.

Shopping cart

0

No products in the cart.