Dia da verdade!

Hoje vou publicar um dos primeiros segredos que aprendi para ter uma carreira profissional bem-sucedida. E é a mais pura verdade!

Aprendi o principal segredo para o sucesso profissional por meio de um exemplo bem simples de algo que aconteceu com minha irmã. Acho que ela nem sabe que levo esse segredo comigo até hoje, mas assim são os exemplos: ao contrário das palavras, eles permanecem.

Minha irmã Sandra – que escreve aqui todas as sextas-feiras dando dicas de economia doméstica – trabalhou numa seguradora junto com outras três secretárias, todas na mesma sala. Por ser a mais nova das quatro, todo serviço considerado mais “chato” e trabalhoso, sobrava pra ela. Mas ela estava lá para trabalhar e fazia tudo o que lhe mandavam sempre com mais competência que as demais. Como é comum acontecer, as outras secretárias passaram a invejá-la e, em seguida, a odiá-la.

E as conversinhas de corredor eram: Por que ela faz as coisas tão rápido? Por que ela nunca chega atrasada? E por que ela nunca reclama de nada? Ela se acha melhor que todo mundo? Não passa de uma “puxa-saco”, isso sim!

Um dia, o chefe das quatro chamou minha irmã e disse: “Sandra, ligue para o cliente X e diga isso, isso e isso.” Mas era tudo mentira. Ela lhe disse que não podia mentir para um cliente, simplesmente porque não mentia para ninguém. Claro que ela foi ridicularizada pelo chefe e pelas “colegas”. O chefe até chegou a ameaçá-la de demissão, mas minha irmã não cedeu e disse que não mentiria mesmo sob pena de perder o emprego.

Uma das outras secretárias tomou a frente, ligou e obedeceu o chefe, mentindo para o cliente. As funcionárias “exemplares” foram parabenizadas pelo chefe e minha irmã virou alvo das chacotas por muito tempo. Até que um dia…

… saiu uma briga feia entre as outras secretárias, pois duas delas acusavam a terceira de roubo e o chefe foi chamado para resolver a questão. O chefe não estava convencido, apesar de serem duas contra uma e, para resolver de uma vez, chamou minha irmã:

_ Sandra, você sabe quem foi?

_ Sim, eu sei…

_ Quem foi?

_ Foi ela mesma. As duas estão falando a verdade.

As outras duas ficaram muito contrariadas pelo chefe não ter acreditado nelas e foram tirar satisfações:

_ Por que o senhor não acreditou na gente e foi chamar a Sandra? Nós trabalhamos aqui há mais tempo e ela que chegou agora virou juíza? Por quê? Não estamos entendendo…

Ao que respondeu o chefe:

_ Simples, vocês mentem, ela não!

Ser honesto pode parecer a maior burrice do mundo em certas ocasiões, mas acredite: ser honesto é sempre a melhor decisão. De uma forma ou de outra você vai descobrir isso. Depende de você de que lado vai estar.

 

Gianne_TLS

Meus recadinhos: ainda não tem o livro Bolsa Blindada? Então aproveita e pesquise aqui os melhores preços.

Para ficar por dentro de tudo o que acontece aqui no blog e obter mais conteúdo, curta a nossa página no Facebook clicando aqui!

Você sabia que nós temos uma coluna na revista The Love School? Corra na banca e peça a sua! 🙂

Nos vemos!

 

 

Jornalista com atuação no Brasil, Inglaterra, Argentina e Israel. Autora do best seller Bolsa Blindada e palestrante na Universidade de Harvard.

  • keith diz:

    esse post caiu cmo uam luva para mim pois eu passei por uma situação parecida na semana passada
    Onde minha chefe pediu para eu dizer a uma cliente k ela não estava so pork ele nao keria a tende-la
    da vergonha até em falar isso mas opá tenho k falar eu menti sim, e hj vejo k isso não faz parte do meu trabalho
    è nas pequenas coisas k DEus tem nos provado e eu fui reprovada .
    Puxa de DEus tivesse voltado nakele instante eu estaria frita
    K burrisse opa depois dessa nunca mas, volto a repetir o mesmo erro nunca memo
    Obrigado
    Estava a precisar

    • Patrícia Lages diz:

      Oi, Keith. Vc pode aproveitar essa exoeriência e conversar com sua chefe francamente. Veja um momento que ela está tranquila e fale que vc fez isso, mas que não acha certo e que não fará mais. Deixe claro que numa próxima ocasião você não agirá assim. Ela pode até estranhar, mas vai ver que você é uma pessoa correta. Beijos

  • Josy diz:

    É verdade, ser honesto não tem preço, também passei por situação parecida em um de meus empregos passados. O mais gratificante é ouvir das pessoas “a Josy, nela tu pode confiar de olhos fechados…” Glória a Deus!

    • Patrícia Lages diz:

      Arrebentou!

  • Gisele Neres diz:

    Verdade verdadeira. Falar a verdade sempre é melhor, mesmo no momento parecendo que não, lá na frente sempre vem a recompensa. Fui representante comercial de uma empresa, onde os vendedores tinham o costume de mentir (para todos eles, era uma atitude normal, do dia a dia) Como a empresa não tinha o controle de nossos horários, muitos vendedores mentiam dizendo que estavam em um lugar, mais estando em outro, os próprio gerentes sabiam disso. Um belo dia eu fiquei até mais tarde em casa, o meu supervisor me ligou, e fez a perguntinha ” Onde você está? Respirei fundo, e disse a verdade. disse que estava em casa, (meu coração estava quase saindo pela boca, pois sabia do risco, levaria uma bronca) Mais pelo contrário, ele brincou e ainda disse “Não tem vergonha não, vai trabalhar menina” Passado um tempo, um cliente meu estava devolvendo um pedido que havia feito comigo, alegando que não havia feito e ainda denegrindo a minha imagem, quando questionada, disse ao meu supervisor o meu lado da história, e lá dentro ele me defendeu com unhas e dentes, pois sabia que dentre todos os vendedores que ele ligava para saber onde estava, eu fui a única que tive a coragem de dizer a verdade. Ps: eu ainda não tinha saído para trabalhar pois estava passando e-mai para os clientes viu dona Paty, não estava fazendo corpo mole não, rs rs.

    • Patrícia Lages diz:

      hahahahahaha…. Mesmo que estivesse em casa por outro motivo, o melhor é dizer logo a verdade. Arrasou!

  • Katiane diz:

    A mais pura verdade eu mesma já cometi o erro ate mesmo de encobrir erros de entre aspas amigas de trabalho e na verdade acabei me igualando a elas, e obvio quando precisei ninguém fez o mesmo por mim mais ainda bem q não fizeram pois hoje reconheço q a errada fui eu

    • Patrícia Lages diz:

      É verdade, ótima lição!

  • Ana Augusta diz:

    Achei o máximo quando li esse exemplo no seu livro.

    Também tive a mesma postura e virei motivo de piada. Por pouco tempo.
    Uma semana depois estava pedindo demissão desse emprego para ganhar mais que o dobro em outro.
    Um mês depois, a instituição que eu tinha acabado de entrar, estava contratando essa empresa (que eu tinha trabalhado) pra trabalhar para minha área.
    Pois é, de empregada virei contratante. O que foi mesmo tão engraçado?…

    Prefiro perder por falar a verdade do que ganhar falando a mentira.
    Na verdade, quando a gente está do lado da verdade, mesmo que a gente perca, a gente ganha.
    Pode demorar um tempo, mas a verdade sempre aparece e quem está do lado dela, sempre sai ganhando.

    • Patrícia Lages diz:

      A melhor parte foi: “O que foi mesmo tão engraçado?” hahahahahahahaha…. A melhor pergunta do mundo!!!

      • Ana Augusta diz:

        Verdade…. apesar de nunca ter feito essa pergunta, vi essa resposta muitas vezes naquele sorrisinho amarelo cada vez que encontrava algum ex chefe nos eventos da área. rsrsr…

  • Patrícia Magnavita diz:

    Passei por isso recentemente, voltei de Salvador há 2 meses estou em São Paulo minha cidade natal, estava fazendo diversas entrevistas, sou Analista Contábil com uma boa experiência, mas no meu último emprego trabalhei por 3 anos com empresas de Terceiro Setor e Simples Nacional. Todas as entrevistas que eu estava participando a primeira coisa que me perguntavam era se eu tinha trabalhando recentemente com as empresas de Lucro Real, eu poderia ter falado que sim, só para garantir o trabalho, mas não, fui fiel e verdadeira, não menti em nada, resumindo, ontem pela quarta vez voltei a empresa que estava participando do processo seletivo que comecei antes do carnaval, detalhe eles queriam uma pessoa com inglês e que trabalhasse com as empresas de Lucro Real, mas fui contratada mesmo assim, não tenho inglês e tenho pouca experiência nas empresas de Lucro Real e eles gostaram tanto de mim que só recebi elogios pela minha sinceridade nas entrevistas. Ouvi do gerente que eu sou o perfil da empresa e que eles não poderiam deixar de me contratar. Essa empresa que vou começar na próxima semana é uma multinacional super reconhecida no Brasil e ou outros países na minha área, outsourcing e de auditoria. Vale a pena ser verdadeira sempre!!!

    • Patrícia Lages diz:

      Paty!!!! Tô muito feliz por você!! Sabia o quanto esse emprego era importante e vc conseguiu. Suuuuuuuper parabéns! 🙂 🙂 🙂 🙂

  • Alexandre Romualdo diz:

    as vezes a sensação de perda tenta nos sufocar ou nos pressionar, mas não existe nada melhor que uma consciência limpa e a certeza de resultados positivos.

  • BÁRBARA XAVIER diz:

    Engraçado, Deus sempre nos testa para o inevitado. Mas a verdade é que, a verdade sempre vence ! 😉

  • Sueli diz:

    Vale a pena falar a verdade, mesmo que a princípio pareça que você vai ser prejudicada. Mas eu aprendi uma coisa: Deus está do lado de quem fala a verdade! Jesus disse: “Eu sou o Caminho , a VERDADE e a Vida…” e disse mais, que quem mente é filho do diabo e faz a vontade de seu pai. Quem é que quer ser filho do diabo? Muito forte isto!

  • Fernanda Xavier diz:

    Passei por uma situação parecida também no meu trabalho, e disse a verdade e tomei a bronca, mas valeu a pena, porque hoje o meu chefe me trata assim, pode ser o que for, ele sabe que eu digo a verdade. E confiança é uma coisa que não tem preço! bjinhos

  • Daiana Schemes (Rio Grande do Sul) diz:

    A mentira nunca será a melhor opção, até porque quem mente, acaba ficando mais enrolado que namoro de cobra.

    Um abração guria.

    Att: Daiana.

    • Patrícia Lages diz:

      hahahahaha…. Gostei!! Cada dia prendo uma 🙂

  • Joselene Lima diz:

    Verdade! Muito bom!

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


Carreira Profissional

Cartão de Crédito

Investimentos

Pagamento de Dívidas

Faça uma busca no site:

Acompanhe também a Bolsa
Blindada nas redes sociais:


Receba todas nossas novidades!

Livros Bolsa Blindada:

Desenvolvido por: