Detox 9 – O maravilhoso mundo do Facebook #sqn

A vida do outro sempre parece mais fácil do que a nossa, ainda mais depois do advento do Facebook, onde todo mundo é “feliz” o tempo todo. Será que a sua vida é tão horrível quanto parece?

SharkViagens, festas, encontro com os amigos, trabalho bacana, selfies com muitos sorrisos e sempre boa comida no prato. No mundo do Facebook tudo é sempre maravilhoso! #sqn

no-1-ladies-detective-agency-series1-copyNeste final de semana fui ao shopping sozinha. Meu marido saiu com os amigos, então resolvi comer alguma coisa diferente e aproveitar para sentar e ler uma das minhas séries preferidas: “The Nº 1 Ladies’ Detective Agency”. Aliás, teremos uma surpresa essa semana aqui no blog, veja no final do post! Mas voltando ao shopping…

Em um lugar cheio de gente de verdade pude ver o quanto é possível criar (e publicar) um mundo de mentira. Veja alguns exemplos.

Sheer-Bliss-18-433x650Estava eu numa loja procurando uma saia midi evasê e eis que vejo vários grupinhos de amigas fazendo selfies com as mãos lotadas de roupas. Não sei o que publicaram, mas se você vê uma foto de um grupo de mulheres sorrindo em uma loja com as mãos repletas de roupas não precisa ter muita imaginação para crer que elas estão se esbaldando! Porém, antes de irem embora, várias largaram as pilhas de roupas sobre os balcões e saíram de mãos abanando…

Enquanto isso, lá está você chateada em casa, em pleno fim de semana, sem grana, precisando de roupas e vê uma postagem como essa das amigas sorridentes na loja. O que você pensa? Provavelmente algo como: “Ah! Como eu queria estar lá comprando também! Como eu estaria feliz!” Mentirinha, boba! Elas só fizeram que compraram, estavam “sem verba” e nem uma camiseta levaram…

Achei a saia, mas não tinha meu tamanho, isso sempre acontece comigo! Busquei em mais duas ou três lojas e nada… Todas muito curtas, muito grandes, muito feias ou muito caras. Resolvi ir para a praça de alimentação e escolher meu prato do dia, afinal, saia nenhuma iria matar a minha fome!

foodphotographerObservando as pessoas, quase todo mundo faz uma foto do prato antes de comer e posta nas redes. Até aí, normal… Mas o que me chama a atenção é que, depois de postada a foto (geralmente com uma frase “que delícia”, “adoro esse prato”, “melhor massa que existe” etc.) a pessoa começa a reclamar – no mundo real – da comida que acabou de postar como sendo maravilhosa – no mundo virtual. E come de cara feia a comida que fotografou sorrindo!

Sem falar de uma moça que estava sozinha perto de mim, parecendo bem triste. Ela dava uma mordida no sanduíche e suspirava, como se estivesse com preguiça até de comer. Fiquei com pena e até pensei se não seria o caso de puxar conversa. Daí ela tira o celular do bolso, faz uma selfie com um sorrisão que não sei de onde saiu e posta, como se estivesse se divertindo super!

Enquanto isso, lá está você em casa, em pleno fim de semana, vendo a tal foto do “sanduíche da alegria”, pensando: “Ah, como eu estaria feliz com um sandubão desse!” Mentirinha, boba! Ela nem acabou de comer e o sorriso durou só o tempo da foto. A moça saiu tão emburrada quanto chegou…

Por isso, amiga, detox nessa de achar que a grama do vizinho é sempre mais verde. Não pense que as celebridades da TV ficam em casa assim:

woman-laying-on-green-fainting-couch-images

Pois provavelmente elas ficam como todas nós… hahahahahahaha!

stock-footage-sick-girl-laying-on-couch-blows-nose

Descabeladas e escondidas debaixo dos cobertores. De vez em quando não tem nada melhor! 😀

Pare de pensar que a sua vida é difícil e que a dos outros é super fácil. Nós não sabemos o duro que cada um dá para ser quem é. Por outro lado, não sabemos se o que parece ser verdade é, de fato, verdade. Viva a sua vida e não deixe que o mundo maravilhoso do Facebook faça parecer que você é sem graça e não tem nada de interessante.

Aproveito para deixar esse vídeo que expressa exatamente o que estou querendo dizer…

E a novidade no blog é que esta será a “Semana do Livro”! Fique ligada, pois teremos posts muito bacanas e dicas sobre como gostar de ler, de livros legais e de como escolher seus livros. Para não perder nada…

Cadastre o seu e-mail agora!
Cadastre o seu e-mail abaixo e receba todas as nossas novidades!

Nos vemos!

Jornalista com atuação no Brasil, Inglaterra, Argentina e Israel. Autora do best seller Bolsa Blindada e palestrante na Universidade de Harvard.

Categoria: Desafio, Destaque, Ética
  • Vânia Maria Gabriel de Souza diz:

    Puxa, Patricia, você se supera a cada dia!
    Tudo verdade, tudo verdade!
    Beijos

    • Victor diz:

      De acordo! Ela se supera a cada dia. Sou homem, mas todos os dias estou aqui, e sempre aprendo algo novo 🙂

      • Patrícia Lages diz:

        Cada vez temos mais blindados aqui no blog! 🙂

  • Déia diz:

    Bom dia Paty!
    Oh, e como isso é verdade, eu mesmo já fiz várias vezes, bem no começo, quando abri minha conta no facebook, ui que vergonha kkkkk (como pude ser tão tola)!
    Hoje em dia não curto tudo que vejo, analiso bem e faço as perguntinhas que você postou em um post passado.

  • Sula Laiane diz:

    Muito bacana, mesmo! Humm, semana do livro, eu não desgrudo daqui, vai que sorteiam o Bolsa Blindada 2?!Rs

  • MARCELA diz:

    A necessidade de postar na rede social…mostra que a pessoa esta carente de atenção e afirmação…. oque os (likes) vão acrescentar em sua vida?….Viva sua vida sem ter que mostrar a ninguem como vc vive…..a Verdadeira Alegria só depende de vc e não de meros (likes)….

  • sueli diz:

    Pura verdade. Não existe vida perfeita!

  • Keila Luzia Claro diz:

    Patricia quero agradecer pelas dicas que você tem publicado sobre esta rede social que muito tem nos influenciado.Como sugestão quero pedir que você publique mais a respeito de como devemos utilizar este meio de comunicação na nossa vida pessoal, na carreira profissianal, nos negócios, pois infelizmente está rede tem o poder de influenciar tando para o bem , quanto para o mal.Obrigada.

  • Danni Lisboa diz:

    Isso é tão verdade, e o pior que se não tomarmos cuidado, esse mundo de faz de conta que as pessoas passam na internet acabam nos destruindo, sem que a gente perceba, quase que inconscientemente. Se não tivermos uma vida equilibrada, fatalmente isso acontece. Um dos maiores males do século, a depressão, começa justamente por isso, não conseguimos enxergar o quanto temos de bom, o quanto nossa vida pode ser boa, e ficamos apenas focados no que não temos, no que queremos. A mente é um campo de batalha. Ser agradecido pelo que tem e é hoje, e lutar contra os pensamentos de eu preciso mais, tenho que ter mais se não, não vou ser feliz, é um desafio diário.

  • Maria Gorete diz:

    Esse texto precisa ser lido por mais pessoas… tem gente que vive na ilusão… e achando que a vida dos outros é melhor que a própria, ao invés de tornar a própria vida melhor…..

    • Patrícia Lages diz:

      Vamos compartilhar com nossas redes!

  • Natalia (Chile) diz:

    Yo tenía Facebook y no solamente vivía un mundo virtual mentiroso sino también perdía tiempo en mi mundo real… Hoy solo lo uso como una forma de evangelizar, si veo un video que hable de Dios o alguna imagen que sirva para mejorar, sin entrar lo comparto… Ahora me sobra tiempo

  • Brenda diz:

    Paty, como é admirável sua visão! Estou chegando aos 30 anos e fazendo um parelelo de pouco menos de 10 anos atrás a adolencia já possui seus vicios,mas percebo que essa realidade é cruel, independente se são adolescentes ou não, muitos tem se entregado a essas mentirinhas que só levam a mais frustação. Vejo [email protected] que não vivem rodeado de tanto luxo,mas as redes sociais deles sempre estam se deliciando em uma piscina,em grandes festas, postam como se vivem em plena ostentação, inclusive a maioria conheço de perto e vejo que nao levam a vida assim como parece nas redes, lamento dentro de mim como as pessoas tem o prazer de ficar se mostrando só para ganhar uma curtição+++ e comentários que enchem seus egos de mais orgulho. Vamos mudar nossa visao e viver o mundo real, pessoas choram,lutam,vencem,sorriem,mas acima de tudo vivem cada dia um novo desafio e que é real e não simplemente como nos jogos em 3D. #EXCELENTE observação! Continuo aqui te acompanhando sempre. #PARABÉNS pelo trabalho maravilhoso que vc realiza, vem me ajudando e muito a melhorar, bjs.

  • Charlene diz:

    Olá Paty, como sempre muito bacana…

  • Silvana Miquelin diz:

    Muito bom o post. Eu geralmente não saio de casa e quando vejo certas coisas no Facebook me desanima. É muita festa, badalação… Tenho até evitado quando não estou muito bem.
    Aguardando o post sobre leituras. Adoro.
    Bjs,

  • Regiane diz:

    Excelente!!! Eu acho muito triste as pessoas que vivem uma segunda vida na internet, postam coisas que não possuem, lugares que não foram, comidas que não comeram..enfim uma alegria falsa, e o pior que muitos acabam por fazer isso, pois ninguém quer ficar para trás. Conheço muitas pessoas infelizes no mundo real, mas que pelo face possuem a vida perfeita, mas não dão o braço a torcer e não aceitam ajuda, infelizmente este orgulho todo do ser humano é que tem feito com que as pessoas se distanciem mais e mais. Um dia desses no cinema tinham vários casais sentados perto de mim e meu esposo, cada um tinha um celular na mão, cada um estava no seu mundo particular sem sequer olhar para o parceiro, daí comentei com meu esposo que provavelmente muitos tirariam uma selfie e postariam cineminha com meu amor…mas onde está o amor? Triste. Parabéns pelo post.

  • Nayana Eduarda diz:

    Como eu sempre digo e direi no comentário desse post: “Tipo isso…” rsrs Traduzindo: É bem isso mesmo que acontece! Faz tempo que eu desisti do facebook, é uma rede social perigosa quando não se sabe usar e infelizmente eu fiquei viciada um tempo em “checar” a vida alheia, vi que estava sendo ridícula e injusta comigo mesma, então, parei e cancelei há uns 2 anos o meu perfil. Foi uma das melhores decisões que já tomei na vida. Tem gente que consegue manter o perfil com equilíbrio mental, mas, como não é o meu caso, resolvi fazer um DETOX RADICAL 😀
    Beijos Paty!!!

    • Patrícia Lages diz:

      Nay, vc tomou uma decisão muito corajosa, não por ter excluído o perfil, mas por ter reconhecido que, se não sabe lidar com algo, deve afastar-se desse algo. Esse mesmo raciocínio deveria ser aplicado com o cartão de crédito (não sabe usar, melhor não usar), com amizades tóxicas (não sabe impor limites, distancie-se) e por aí afora. Por isso: PARABÉNS!!! Bjs

    • Nayana Eduarda diz:

      Verdade Paty, obrigada pelas palavras, fiquei muito feliz em ler! 😀 Tenho uma tendência horrível a ser extremista e impulsiva nas coisas, reconheço isso. A cada dia (com Deus) venço mais um pouco desse grande defeito. Eu aprendi a tomar essas “atitudes radicais” com as coisas que me fazem mal, é meio “A arte da guerra” kkk – Penso assim também: se você conhece sua fraqueza, é melhor fugir de situações que te deixam vulneráveis, pois a principal estratégia de guerra (digo espiritual e física) é você conhecer muito bem a si mesma e seus inimigos. Eu vejo a Bíblia como um manual de sucesso para a vida e em diversas passagens há essa sabedoria: 1ª Tessalonicenses 5:22 (fugir da aparência do mal) e em Provérbios há varias passagens também que recomendam que fujamos de certas “ciladas”. Enfim, aprendi que não é em toda guerra que nos convidam que devemos entrar, ou seja, se uma tentação te cerca, melhor fugir dela e não ficar parada “que nem boboca” e nem enfrentá-la confiando nas próprias forças braçais, mas, se possível, fugir o quanto antes! As demais guerras Deus vai à frente pra dar vitória!:D 😀 😀
      Bjs

  • Daiana Schemes (Rio Grande do Sul) diz:

    Boenas Pati!

    Como sempre, é um prazer imenso acessar um blog de qualidade como esse, e cada vez que acesso, saio com uma visão diferente. A cada dia podemos aprender mais,
    excelente esse post de hoje, infelizmente o mundo está cheio de pessoas vazias, e a dependência das redes sociais está pior que a dependência química!!

    Forte abraço guria, do tamanho do Rio Grande tchê 😉

    • Patrícia Lages diz:

      Para esses viventes de mentirinha, só uma palavra bem gaudéria: SA-CRA-MEN-TO!!! rs…rs…!

  • Juliana diz:

    Verdade,muita gente vivendo de ilusão,mostrando aquilo que gostariam de viver,mas a realidade é outra bem diferente. Penso nos adolescentes de hoje,que são os que mais se iludem com essas fotos,porque eles vão querer viver o que os colegas vivem,mas na realidade a vida é outra.

  • Dani diz:

    Vc poderia sortear livros de sua autoria para as suas blindetes, em homenagem a semana do livro.

    • Patrícia Lages diz:

      Oi, Dani. Não há maior homenagem que possa ser feita na Semana do Livro do que os leitores homenagearem seus autores preferidos adquirindo suas obras 😀

  • Rosângela Nascimento diz:

    Verdade!!!

  • Erika diz:

    Nossa….post super interessante….realmente a mais pura realidade do mundo virtual….muita foto para pouco acontecimento….e o que mais gera são curtidas de uma frustração sem fim!!!!

  • Carla Luz diz:

    Hahaha, essa parte de “ocultar” é a minha cara!!! Ótimo texto e vídeo. Choque de realidade.

  • Regina Miranda diz:

    E eu que não consegui abrir uma conta até hoje….vivo alienada desse mundo de redes sociais.
    Muitos me dizem que tal pessoa está solteira, grávida, casada, separada, porque viram no facebook, e eu sou a última a saber, mas confesso que não sinto nenhuma falta de estar antenada a vida dos outros.
    Então hoje não é só a televisão que transforma as pessoas em zumbis, o facebook faz isso com maestria, pelo que percebi no vídeo.
    Sei que poderia divulgar muito mais minha empresa se tivesse uma conta, e estou trabalhando minha mente para isso.

    • Patrícia Lages diz:

      Boa, Regina. Prepare-se e use a internet para o bem! 😀

  • Dani diz:

    Pq meu comentário não foi publicado?!

    • Patrícia Lages diz:

      Foi publicado e respondido, como todos os demais. Só é preciso um pouquinho de paciência porque não conseguimos fazê-los subir imediatamente.

  • Aline Nogueira diz:

    Perfeito!

    Eu estava comentando com minha exatamente sobre isso: O mundo encantado do facebook. Nesse mundo tudo é perfeito, tudo é lindo, todos são felizes… Uma hipocrisia sem tamanho.

  • Debora Anjos diz:

    “Estava eu numa loja procurando uma saia midi evasê e eis que vejo vários grupinhos de amigas fazendo selfies com as mãos lotadas de roupas. Não sei o que publicaram, mas se você vê uma foto de um grupo de mulheres sorrindo em uma loja com as mãos repletas de roupas não precisa ter muita imaginação para crer que elas estão se esbaldando! Porém, antes de irem embora, várias largaram as pilhas de roupas sobre os balcões e saíram de mãos abanando…”

    E a do sanduíche então! Que coisa horrível, seria bom mesmo que não fosse verdade!

    Espero que as meninas da loja tenham postado que experimentaram um milhao de roupas, mas nada couberam… isso seria melhor… mas realmente, se elas deram um sorrisão na foto, elas mentiram talvez!

    Paty, estou me achando meio ET, mas entendo isso que vc falou. é muito verdade!!! E quem não está bem sofre ainda mais, pq provavelemnte tende a ficar mais em casa fuçando a internet, e sendo bombardeado com pensamentos de como ela é infeliz e como os outros estão melhores que ela…

    Tá AMARRADO ISSO!!!!

    Obrigada por postar. Me fez refletir 😀

    • Debora Anjos diz:

      Disse meio ET, porque não fazia idéia que isso acontecia! Que coisa bizarra!

      • Patrícia Lages diz:

        Pior é que acontece!! rs…rs… Mas somos ETs felizes!! 😀

  • Érika Sousa diz:

    Oi Pati!
    Que texto maravilhoso! É bem isso mesmo né ? Kkkkkkkk!
    Olha esses dias eu estava no shopping com meu marido e reparei o número assustador de pessoas que não conversam mais quando saem para ficar no face, WhatsApp , com a família na mesa. Eu penso que estão perdendo o prazer pelas simples coisas da vida, que são ta prazerosas.
    Mas essas das meninas foi engraçada hein! Isso é o cúmulo da vidinha de aparência kkkk! É o mundo perfeito do facebook #sqn hahahahahaha!
    Amo seu jeito de escrever !
    Beijos

  • maria diz:

    Oi Paty, é bem isso mesmo! Eu no início cometi alguns erros desse tipo e recebi auguns convites de pessõas que conhesci na infancia q sei q so querem como amiga p q moro fora do BR, mas hoje em dia reflito bem antes de publicar algo de preferencia algo mi ajuda como suas dicas, palavras de fé e nada muito pessoal. 🙂

  • Elisangela diz:

    Pura Verdade!!!

  • Geisilaine diz:

    Que maravilhoso post!! Muito obrigada.
    Você não sabe, mas é minha amiga. Todos os dias te faço uma visitinha, aqui no blog. E sempre saio muito satisfeita com o que leio.
    Não tenho palavras para descrever o que sinto.
    Deus colocou você no meu caminho.

    • Patrícia Lages diz:

      Ownnnnnnn…. 🙂

  • Ju diz:

    Amei isso! De repente , vai servir pra muita gente!

  • Joselene Lima diz:

    Adorei a sua percepção no shopping 🙂

  • Katiane Oliveira diz:

    Triste realidade!

  • Jaqueline diz:

    Vou refleti mais e mais nesse post!

  • Vanessa (China) diz:

    Infelizmente uma realidade e que triste realidade! Só vc mesmo para expor de uma maneira tão ilustrativa …fiquei imaginando cada cena kkk. Nada contra o compartilhar fotos porque eu tb gosto, mas ao ponto extremo de viver uma vida de mentira, é coisa sem noção rs… Infelizmente o mundo virtual está contaminado cada vez mais com essas “mentirinhas bobas”. Quero fugir disso…Detox já!

  • Cássia Djanira diz:

    Pura verdade!O facebook é o mundo da fantasia num flash !
    Detox em tudo

  • Thamiris Araujo diz:

    Nossa, parece que o post foi mtmtmtmt para mim, há aproximadament alguns meses atrás resolvi apagar meu face, situação muito parecida com a colega acima ( não conseguia usar bem a rede social), e lendo o post e principalmente assistindo o vídeo, percebi que fiz a meeeelhor escolha. Um beijo!!

  • Marta diz:

    Patty sempre vem com uma visão bacana 🙂

  • Otelia Bernardo diz:

    Eu me sinto quase sempre assim toda vez que entro no facebook e mesmo tendo uma direção como a sua hoje,insisto sempre em me sentir inferior a todo mundo que está sempre publicando maravilhas atras de maravilhas nas redes sócias.

    • Patrícia Lages diz:

      Enquanto vc optar por se sentir inferior, vc será inferior. É a sua escolha…

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


Carreira Profissional

Cartão de Crédito

Investimentos

Pagamento de Dívidas

Faça uma busca no site:

Acompanhe também a Bolsa
Blindada nas redes sociais:


Receba todas nossas novidades!

Livros Bolsa Blindada:

Desenvolvido por: