Se você está na contramão de movimentos que exploram a imagem da mulher e que as usam para difundir mais ódio que tolerância, este desafio é para você!

Continue lendo