Quando não aderimos às “modinhas” que invadem as redes sociais, somos classificadas como desinformadas, desinteressadas e alienadas. Mas será que realmente precisamos aceitar e concordar com tudo? Quem nós queremos ser?

Continue lendo