Se por um lado vivemos em épocas onde se exaltam os excessos, vivemos também em uma sociedade que cobra equilíbrio o tempo todo. Como essa conta fecha? 

Continue lendo