A frase “Não sei por onde começar” é uma das que mais ouço (e leio) de quem deseja se organizar financeiramente. Este post traz algumas dicas!

“Não sei por onde começar!”

Inegavelmente a parte mais difícil de um projeto é o começo.

Desde as questões mais simples como uma dieta ou as mais elaboradas como abrir um negócio, o começo não é fácil.

Porém, pior do que começar na prática é não saber o que fazer para começar.

Por isso, o post de hoje vem dar algumas “luzes”!

Mas isso não significa que você vai encontrar aqui um passo a passo para o SEU projeto de vida.

Afinal de contas, não se trata de uma assessoria particular.

Mesmo assim, este post será útil para que você entenda quais são os seus principais inimigos e os vença.

O primeiro grande inimigo de qualquer novo projeto ou mudança de vida é a ANSIEDADE.

Esse é o primeiro obstáculo que você tem de vencer e ninguém poderá fazer isso por você.

Pense: se você não tem autocontrole, como vai controlar o que acontece ao seu redor?

Aqui vão algumas dicas:

  • Silêncio – você precisa de momentos em silêncio, onde possa pensar e colocar as sua cabeça em ordem. Você deve sentar (não deitar e nem ficar em pé) e não fazer absolutamente nada senão pensar.
  • Escrita à mão – uma boa maneira de fazer a sua cabeça acompanhar os seus movimentos motores (e não se perder em centenas de pensamentos) é escrever. Faça isso mesmo que ache irrelevante, pois não é.
  • Pare e recomece – começou algo errado, desorganizado ou atropelado? Pare e recomece!

O segundo inimigo é a desorganização, quer seja física ou mental.

A mental você já tem uma boa noção de reorganizar com as dicas anteriores.

Mas a organização física também faz parte do processo.

E, para fechar, a pior inimiga da organização é a desculpa.

Isso mesmo!

Não use coisas e pessoas como desculpas, ainda que pareçam ser justificativas aceitáveis.

Ouço muito as pessoas dizerem que a casa é uma bagunça porque os filhos são bagunceiros ou o marido não ajuda.

É preciso quebrar o ciclo o “baixar o decreto” da ordem.

Outros dizem que os filhos pequenos tiram todo o tempo que têm.

Bom, se os seus filhos viverem na bagunça desde pequenos, garanto que não serão organizados quando crescerem.

É um ciclo, então, não deixe que se forme, pois tem muita gente reclamando hoje por ter permitido a desorganização ontem.

 

Gerenciando a si mesmo – Curso on-line

 

Se você quer ter um 2020 realmente diferente, faça diferente!

Conheça o meu novo curso on-line super completo com 48 aulas práticas.

É muito conteúdo em um formato super didático e com exercícios práticos.

Cada aula tem uma apostila para baixar e você ainda recebe um box com todos os meus livros e uma caneca exclusiva.

Confira o vídeo!

Para saber mais sobre o curso, clique aqui.

 

Para ver os desafios anteriores, clique nos títulos abaixo:

#1 – A importância do controle financeiro

#2 – O que lhe impede de mudar de vida?

 

Nos vemos no desafio 4!

 

 

Jornalista, especialista em finanças e autora de 5 best-selleres. Colunista do portal R7 e apresentadora do JR Dinheiro, no Jornal da Record.

  • “É um ciclo, então, não deixe que se forme, pois tem muita gente reclamando hoje por ter permitido a desorganização ontem.”

    Nossa, a carapuça me serviu perfeitamente! Como é ruim deixar as coisas acumularem! Agora tô pagando o preço.

    Vou lá arregaçar as mangas e já volto.

    Abraço!

  • Bom dia!
    Muito importante esse desafio.
    Até que sou organizada, mas sei que posso fazer muito mais.
    Sobre a escrita à mão (eu fazia planos, anotava informações, coisas a fazer). Tinha esse hábito mas com o tempo fui deixando de lado.
    Ficar em silencio, pôr a mente para funcionar é tão importante, tão prazeroso e muitas vezes encontramos respostas e saídas pra várias situações.
    Comportamos substituídos pelas informações e baboseiras que as redes sociais nos proporcionam (falo por mim).

  • Beijos Patricia,

    obrigada por me ajudar a PENSAR! Porque tá difícil …; kkkkk
    Há anos que sigo vários blogs de organização … o seu (desde 2015), organização sem frescura, vida organizada, flyLady,cristiane ribeiro… e um monte, adoro as dicas, leio os blogs, meto em prática algumas coisas, mas o essencial não fiz : não mudei os meus hábitos de fracasso e dei muitas desculpas… Esse ano quiz fazer realmente tomando atitudes (pequenas) mas que guardo e em pouco tempo ( comecei 40 dias antes do fim do ano) até a alimentação consigo mudar ( já consigo comer uma refeição sem carne e ter consciencia que tem proteina e que não falta nada kkkk) em tão pouco tempo. Quer dizer, muita teoria e pouco de prática, muita informação mas nenhuma ação! Mas está nas minhas mãos.. eu chego lá!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *