No post de hoje vamos falar sobre o comodismo e o quanto ele pode ser prejudicial na sua vida como um todo. Então, xô preguiça e bora ler!

Comodismo = fracasso!

(Post 13 de 30 do Desafio 30 dias para crescer)

O desafio de hoje surgiu do comentário da nossa querida leitora Sonia Viana:

Esse post me fez pensar sobre colegas que pedem, semana sim e outra também, a mesma explicação/informação/orientação.

Ou quando uma conhecida/prima/irmã pede a mesma receita outra e outra vez…

Se é mais fácil perguntar do que se organizar, isso é comodismo, hábito de fracasso.

Certamente o comodismo é um hábito.

E, sem a menor sombra de dúvida, trata-se de um hábito que leva ao fracasso!

Porém, ao mesmo tempo que a maioria das pessoas sabe disso, apenas uma minoria está disposta a sair do comodismo.

Primeiramente, vamos raciocinar sobre o que é o comodismo:

Conveniência, comodidade, facilidade, conforto. Atitude de evitar dificuldades e responsabilidades

Preguiça, prostração, inércia, inatividade, aceitação, acomodação, conformismo, desambição. 

E, uma vez que nós queremos sair do comodismo, precisamos agira de forma diferente e fazer o que é:

  • Inconveniente e incômodo à nossa vontade
  • O que é mais difícil, ainda que tire o nosso conforto
  • Embora não gostemos, devemos assumir responsabilidades e enfrentar as dificuldades
  • Enfim: xô preguiça, adeus prostração, fora a acomodação!

 

Como fazer isso na prática?

O seu desafio deve ser conforme a sua necessidade.

Por exemplo: se você vem adiando algo que já sabe que precisa ser feito, faça hoje ou, não sendo possível, comprometa-se a estabelecer uma data para fazer de uma vez.

Se vive fugindo das responsabilidades, mude hoje mesmo e assuma o que vem evitando.

Portanto, cabe a cada um de nós analisar os nossos pontos negativos e mudá-los o quanto antes.

Isso sim é um hábito de sucesso!

 

Para ler os desafios anteriores, clique nos títulos abaixo:

 

1 – Regras: uma relação de amor e ódio

2 – Por que não consigo mudar?

3 – Vivo sem dinheiro, o que faço?

4 – 10 segredos dos campeões quenianos

5 – Boa comunicação faz diferença

6 – O desafio de tomar água

7 – Sextou! Como aproveitar bem o fim de semana

8 – Boa convivência na internet

9 – Seu mês de janeiro teve 100 dias?

10 – Viver de crédito é a escravidão moderna

11 – Hábitos de fracasso levam ao fracasso

12 – Como fugir das fake news

 

Nos vemos!

Jornalista, especialista em finanças e autora de 5 best-selleres. Colunista do portal R7 e apresentadora do JR Dinheiro, no Jornal da Record.

  • É verdade eu tenho esse hábito: quero tudo fácil e sem burocracia, gosto muito da praticidade.

  • Oi, Patrícia, me senti muito honrada por um simples comentário/desabafo ter sido inspiração pra um desafio.
    Penso que em todas as atividades precisamos estar, não só com o corpo mas com a mente presente. Dedicação, mesmo quando a atividade ou o trabalho é chato, vai trazer recompensas… no mínimo seremos mais rápidos na próxima vez que formos fazê-lo!
    Xô preguiça…

  • Que desafio bombástico! (rs)

    Agora ‘só’ focar em colocar em ação por aqui 🙂

    bjsss

  • Fazer o que tem que ser feito sentindo vontade ou não… Mudar os hábitos e deixar a preguiça de lado… Show…

  • Já está na agenda: amanhã, assistir um filme que estou adiando (daqui a pouco, sai de cartaz) e comprar uns utensílios pra minha cozinha que estou adiando há tanto tempo que hoje a colher de pau que uso pra fazer arroz partiu no meio, kkk.

  • Muito bom! Fiz um propósito uma vez de fazer divulgação porta a porta todos os dias durante um período, foi muito difícil mas deu resultado, tive vendas de no mínimo 1200 reais! E eu não fazia algo impossível, determinei que entregaria 30 cartões de visita todos os dias! Foi uma experiência muito boa!

  • Preciso desesperadamente ter vergonha na cara e me livrar de vez do meu comodismo!

  • Patricia estou aqui pra pedir sua ajuda,sei que não tem nada haver com o post de hoje mas preciso saber como realizar o cancelamento das passagens áreas pois agora que sentei pra fazer as contas e estou enrolada pra pagar ainda não venceu as parcelas qual meu direito de desistência pra não sujar mas meu nome.

    Eu queria muito viajar conhecer o Rio fui na onda da minha pastora dizendo que era tudo bem baratinho.
    Estou pra ficar doida.

    Me ajude!!!!

    • Vc precisa entrar em contato com a empresa que lhe vendeu a passagem e ver se trata-se de um bilhete reembolsável ou não ou se vc pode transferir para alguém.

  • Investir, sem medo, mas pequenas reformas aqui em casa. A cortina nova já foi instalada.

  • Oi Patricia adorei este desafio e vou compartilhar com pelo menos metade das pessoas que conheço hahaha!
    Hoje mesmo depois de reenviar pela milésima vez um material de estudo para uma pessoa pensei: Maaas rapaz que falta de organização é esta, e que preguiça medonha que não permite ler um texto e raciocinar para compreender o que foi falado em grupo?
    Mas bem estou buscando resposta para esta minha pergunta, lendo um livro maravilhoso chamado O Poder do Hábito – Charles Duhigg.
    Os hábitos, dizem os cientistas, surgem porque o cérebro está o tempo todo procurando maneiras de poupar esforço. Cá entre nós! Estamos longe de nos livrar de pertubações assim, pois tudo o que a maioria mais quer da vida é obter as coisas sem esforço algum. 🤦🏻‍♀️

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *