Você não sabe muito bem como achar conteúdo na internet? Este post pode ajudar no que se refere a finanças pessoais e empreendedorismo!

Como achar conteúdo?

É normal a gente se sentir perdido e não ter muita ideia de como achar conteúdo em meio a tanta informação espalhada pela internet.

Hoje temos portais de notícias, blogs, redes sociais, milhões de canais no YouTube e um número enorme de informações que acaba ficando difícil de filtrar.

Não é à toa que estamos na era das fake news, onde ninguém sabe mais em que – ou em quem – acreditar.

Então, como achar conteúdo de qualidade nesse enorme oceano?

Primeiramente você precisa ter senso crítico.

De nada adianta você até tentar se informar se fizer isso com os seus neurônios adormecidos, digamos assim.

Você precisa estar atento a tudo o que lê, assiste e ouve, pois grande parte dos conteúdos são desenvolvidos em benefício de quem o produziu.

É fato que hoje em dia você pode ouvir a mesma notícia dada de forma totalmente diferente.

Percebi isso claramente muitos anos atrás quando li duas matérias que traziam a mesma estatística.

Enquanto um veículo queria alarmar as pessoas dando uma conotação negativa, o outro preferiu um tom positivo.

Os números eram os mesmos, mas a forma de transmitir a notícia era totalmente diferente.

Não seria realista da minha parte dizer que você deve buscar um veículo isento e 100% imparcial, pois nos dias de hoje isso é uma tarefa praticamente impossível.

Isso porque, ainda que o veículo tente ser imparcial, muitas vezes as pessoas que nele trabalham não são.

Uma palavrinha bem trabalhada ou um tom irônico já bastam para pender para um ou outro lado.

Portanto, quem deve fazer essa triagem é você mesmo!

Observe os adjetivos, busque a mesma notícia em veículos diferentes e JAMAIS reposte qualquer coisa que seja sem pesquisar.

Não importa se foi o seu melhor amigo que postou ou a sua blogueira favorita.

Eles podem ser ótimos, mas podem ter postado sem verificar a veracidade e isso vai tornar você uma divulgadora de fake news.

Não vamos fazer esse papel, afinal de contas, já tem muita gente fazendo!

 

Finanças pessoais e empreendedorismo

Ao longo de 8 anos tenho produzido conteúdo praticamente todos os dias.

Estamos sempre procurando melhorar a busca aqui no blog, mas é tanto conteúdo que realmente às vezes não é fácil de encontrar!

Por isso, para ficar por dentro dos conteúdos aqui do blog – bem como de outros blogs que você gosta – procure ser assinante.

A maioria dos blogs – como é o caso no nosso – envia um e-mail com a postagem do dia e isso facilita para que você não tenha que ficar procurando por atualizações.

Se você ainda não está entre as milhares de “blindetes” e “blindados” que assinam o nosso blog, é só colocar o seu e-mail abaixo:

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

 

Portal Economize

O Economize é outra forma de como achar conteúdo de finanças e economia.

Tudo é produzido por um super time de jornalistas e outros especialistas.

Salve este endereço entre os seus preferidos: https://noticias.r7.com/economia/economize

 

Empreendedorismo

Para quem tem o seu próprio negócio ou está pensando em abrir um, sugiro sempre os canais oficiais, como:

Portal do empreendedor http://www.portaldoempreendedor.gov.br/

Tome muito cuidado em verificar o endereço, pois o OFICIAL é .gov.br e não .me como um portal privado que é normalmente confundido com o governamental.

Veja também o portal do Sebrae neste link: https://m.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae

 

Artigos de opinião

Sobre este item quero deixar claro que artigos NÃO são imparciais.

Todo artigo emite a opinião de quem o escreve e os veículos de comunicação contratam comentaristas e articulistas com opiniões diversas justamente para incentivar o debate.

Eu mesma tenho uma coluna todas as quartas e domingos no R7 onde faço análises sobre assuntos variados.

Meu objetivo não é de convencer as pessoas a pensarem como eu, mas sim, expor o meu ponto de vista e a maneira como analiso diversos assuntos.

Geralmente recebo feedbacks dos dois lados. Há pessoas que gostam e vão às minhas redes declarar seu apoio e outras que deixam comentários maldoso, xingam e até ameaçam fazer campanha para que eu perca seguidores.

São as pessoas do “se não é para me agradar, tem que se calar”.

Quando você lê um artigo de opinião, ainda que discorde de 100% do que ele diz, você deve agradecer a Deus por viver em um país democrático onde – por enquanto – podemos falar/escrever/publicar o que quisermos.

Somos livres para dar a nossa opinião, qualquer que seja ela e essa liberdade não tem preço.

Tentar calar quem pensa diferente é uma atitude mesquinha e autoritária e nós devemos fugir disso.

Uma frase para guardar para a vida é a da biógrafa de Voltaire, Evelyn Beatrice Hall:

“Discordo do que você diz, mas defenderei até a morte o seu direito de dizê-lo”

 

Curso gratuito – 9 passos para enfrentar a crise

Você está acompanhando o novo curso gratuito transmitido ao vivo pelo meu canal do YouTube?

A próxima aula será neste domingo às 15h e o tema é: “Como você aprende?”

Programe-se para não perder!

E para quem não assistiu as primeiras aulas, basta clicar nos links abaixo:

Aula 1 – Mindset gerenciador

Aula 2 – Habilidades e Matriz SWOT

 

Leia também: O profissional que nunca fica sem trabalho

 

Nos vemos no domingo!

Jornalista, especialista em finanças e autora de 5 best-selleres. Colunista do portal R7 e apresentadora do JR Dinheiro, no Jornal da Record.

  • Tenho recebido seus conteúdos São muitos produtivos e enriquecedor; minha esposa que mim indicou seu blog.
    Infelizmente muitos tem sofrido indevidamente devido à ação de fake News, no mundo em que vivemos a tecnologia avança de uma forma assustadora fazendo com que as pessoas estejam mais ligadas a uma máquina e se distanciando cada vez mais do convívio presencial com o ser humano, fica cada vez mais difícil encontrar nas plataformas digitais um conteúdo sólido e verdadeiro.
    Estamos no século da velocidade, valor se dar por aquilo que é mais rápido. Isso faz com que muitos não análise, veja a verdadeira fonte, avaliem com uma lupa determinados conteúdos que infelizmente prejudica muitos.

  • Eu já sou uma blindete e tenho praticado com resultados as dicas e compartilhado com as amigas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *