Vencer os preconceitos: receita para um ano realmente novo!

Tentando lembrar de coisas positivas em 2016, vi que a tarefa era difícil! Mas houve uma vitória que marcou muito este ano e que demonstrou que nós podemos ser melhores e vencermos os preconceitos. Confira o último post do ano!

O texto de hoje é sobre a vitória contra o preconceito, usando como exemplo a trajetória de campanha de Marcelo Crivella para a Prefeitura do Rio de Janeiro. Como o poeta e escritor Darla Andrade escreveu maravilhosamente bem sobre isso (Jornal O Dia de ontem), vou transcrever aqui o texto dele, pois eu não saberia fazê-lo melhor!

screen-shot-2016-12-30-at-14-23-32

“Todo preconceito, seja de raça, classe social ou credo religioso, é um atraso evolutivo em pleno século 21. No ano de 2016, durante a campanha do então senador Marcelo Crivella para a Prefeitura do Rio de Janeiro, foi revelada de forma bastante evidente a outra face do preconceito religioso: ser evangélico soou quase tão criminoso quanto estar envolvido em desvio de dinheiro público.

O fato de pertencer à Igreja Universal e almejar ser prefeito parecia, para algumas pessoas, uma fórmula perigosamente explosiva. Sem uma análise sobre a capacidade de administração pública do senador, ouviam-se por toda a cidade discursos de intolerância religiosa. Diziam que o município passaria a ser administrado pela Igreja Evangélica, que outras religiões seriam banidas, e o Carnaval, extinto, entre tantas outras acusações. Esse tipo de argumento assustou parte da população, que, temendo por suas religiões e festividades, passou a atacar com ferocidade e preconceito o candidato que assumia sua fé.

Ficou claro durante o processo que não são apenas as religiões de origem africana que sofrem o dissabor da intolerância religiosa no país. Crivella foi duramente julgado como fosse uma inquisição político-religiosa durante o primeiro turno.

Mas foi no subúrbio, onde os terreiros e as igrejas dividem frequência, que no segundo turno, pela primeira vez, se viu uma grande mobilização contra o preconceito, quando o povo pode ser visto nas urnas dançando ao som do samba da esperança e da tolerância. Mais que uma metáfora, o uso da palavra samba vem como referência ao nome de Nilcemar Nogueira para a Secretaria Municipal de Cultura, neta do saudoso Cartola: ela é a prova da luta do prefeito contra preconceito religioso para com a arte popular.

Sabemos que ainda há muito a fazer pelo respeito à fé sagrada de cada um, seja o candomblé, católico, budista, espírita ou evangélico, mas a eleição de Crivella já foi um primeiro passo dado para aprendermos a conviver com as diferenças.

Basta entender que a fé é a orientação divina capaz de nos tornar melhores ensinando a amar e respeitar o próximo com suas escolhas, sem quaisquer preconceitos.”  – Darla Andrade é poeta e escritor

 

Crivella já está demonstrando – antes mesmo de assumir seu novo cargo – que é um grande administrador e que a prática do respeito e da coexistência marcará seu governo.

img_1380

Tive o prazer de conhecer a Nilcemar Nogueira no mês passado (foto acima), quando participamos do programa Sem Censura, da Leda Nagle. Uma mulher inteligente, que tem cultura e samba nas veias – não só por ser neta do Cartola, mas por dedicar a vida ao seu trabalho. Quem mais poderia representar a cultura carioca?

É com esse texto que celebra a diversidade, o respeito e a recusa ao preconceito, que desejo a todas as minhas leitoras (e leitores) um 2017 com mais tolerância, mais amor e mais respeito.

Nos vemos!

Jornalista com atuação no Brasil, Inglaterra, Argentina e Israel. Autora do best seller Bolsa Blindada e palestrante na Universidade de Harvard.

Categoria: Espiritual, Política
  • Kaysa Nunes diz:

    Fico tão quando vejo o símbolo do e-mail do Google aparece nas notificações do meu celular, pois, na maioria das vezes significa que a Patrícia publicou um novo post.
    2016 foi um ano muito difícil, mas, cheio de mudanças na minha vida, principalmente de hábitos, meu mais novo e querido hábito é o da leitura de livros, pude em 2016 ler os seus 3 primeiros livros, cada um de forma eficaz, me fez melhorar em diversas áreas da minha vida, principalmente a ser mais organizada com minhas finanças.
    Apesar da situação difícil que ainda estou passando nos negócios, ironicamente igual a você, passei de estabilizada a endividada dentro de exatos nove meses, por causa de escolhas feitas sem planejamento e do ano difícil que foi 2016 para a maioria dos comerciantes. Estive a beira da falência e de uma depressão por ver minha vida desandar, quem é honesto e gosta das coisas certinhas não aguenta dever a ninguém. Graças a Deus, a minha fé que nunca foi pequena e a seus livros estou conseguindo sair desse mal. Minha meta para 2017 é quitar as dívidas, limpar meu nome e estudar.
    Admiro-te muito Patrícia, me identifico cada vez mais com o seu trabalho e me espelho bastante em você. Também darei a volta por cima. Muito obrigada pela dedicação em produzir conteúdos com qualidades e assim promover mudanças na vida das pessoas, igual aconteceu comigo. Que Deus continue te capacitando e te abençoando. Que 2017 seja um ano farto nas colheitas das coisas boas que você vem semeando, te desejo muita saúde, paz e sabedoria. Abraços!!

    • Patrícia Lages diz:

      Muito obrigada, Kaysa! Tb fico muito feliz quando vejo a notificação de um comentário novo aqui no blog, ainda mais quando é um relato tão bacana quanto o seu. Beijos e um super 2017!

  • Paula Nunes diz:

    Nossa que post, me fez abrir meus olhos e ver o quanto o Crivella lutou para conseguir seus objetivos.
    Me deparo tb na atual situação difícil que infelizmente este ano de 2016 proporcionou a muitos, estive um pouco por fora de seus comentários( tive uma linda menininha q agora já está com 6 meses), consegui acompanhar muitos dos post mas não todos, porém agora na reta de final de ano consegui colocar nossos assuntos em dia. E não poderia deixar de citar que tive um grande problema com cartão de crédito, e pude me lembrar de suas dicas valiosas sobre este assunto sobre os juros e pude por em pratica e obtive esclarecimentos que estão me fazendo sair dessas “situações”. Não esta sendo nada fácil mas tenho certeza que este ano de 2017 será um ano de grandes mudanças e renovações!!!
    Obrigada pelas dicas de sempre e estarei presente nos próximos comentários!

    • Patrícia Lages diz:

      Parabéns pela menininha! Espero vc aqui mais vezes! Bjs

      • Paula Nunes diz:

        Obrigada, estaremos sempre aqui!!!
        Bjs.

  • Charlene diz:

    Feliz Ano novo Paty… Que Deus continue nos abençoando e nos dando sabedoria! sempre coladinha nos seus posts. Bjs.

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


Carreira Profissional

Cartão de Crédito

Investimentos

Pagamento de Dívidas

Faça uma busca no site:

Acompanhe também a Bolsa
Blindada nas redes sociais:


Receba todas nossas novidades!

Livros Bolsa Blindada:

Desenvolvido por: