Quem quer ser Gisele?

Faltam 30 dias para 2014 e temos que acelerar o passo! O post de hoje não tem nada a ver com seguir carreira como modelo, mas tem tudo a ver com você e como fazer do seu 2014 um ano realmente novo. Confira!

 

Gisele_inícioJá presenciei várias pessoas vendo nossa top brasileira estampada na capa de uma revista, dizendo: “Número 1 do mundo? Afff… Ela nem é bonita…” E daí em diante era um tal de enumerar defeitos que dava uma lista imensa. Uma pena que seja mais fácil desdenhar o sucesso dos outros do que correr atrás do seu próprio…

Por outro lado, também já ouvi gente dizendo: “Essa Gisele Bündchen nasceu virada pra lua. Vai ter sorte assim lá longe!”

Pois é, uns 8 outros 80… Mas o que quero convidá-la a refletir esta semana é: Como ser a número 1 na sua carreira.

Para isso, vamos de Gisele! Na foto acima ela está estilo “dona Florinda” do seriado Chaves, bem no comecinho da carreira, quando saiu de Horizontina (uma cidadezinha no interior do Rio Grande do Sul), se preparando para a capa da revista Capricho, em 1994. Uma bebê de 14 aninhos!

Logo depois, foi morar no Japão sem falar japonês nem inglês. Sua maneira de se comunicar com fotógrafos, produtores e bookers (profissionais que fecham trabalhos para as modelos) era seu corpo. A brasileirinha que não falava nada tinha que ser melhor que muitas modelos mais velhas e mais experientes para poder conseguir trabalhos e poder comer o seu sushi… Teve que vencer a idade, o fato de estar longe de casa, da família, dos amigos, da comida da mamãe e de seu idioma. Ela teve que crescer e amadurecer sozinha.

Aos 16 se mudou para Nova York ainda sem saber inglês direito, mesmo assim, não se abateu. Para quem não sabe, Gisele foi muito criticada no início da carreira por não ter o tipo de beleza que se esperava de uma modelo. Mas em vez de choramingar e dizer que a vida é um mar de injustiças, ela se fez de surda e foi em frente.

gisele-bundchen2373n

Se você visse essa mocinha na foto ao lado, sem maquiagem, andando pela rua, talvez nem reparasse nela, não é verdade?

Será que quando as pessoas olham para você também passam adiante e não dão a mínima? E será que, em vez de você seguir em frente na sua fé, você se abate pelo olhar desdenhoso dos outros? É pra se pensar…

 

Os anos se passaram e, com muito trabalho, horas em frente ao espelho criando um vasto e original repertório de poses e malhando muito para manter a forma, ela chegou ao topo. Daí Gisele ficou satisfeita e voltou para Horizontina… Opa! Nada disso! Gisele queria mais! Ela gostou de estar no topo e então, resolveu se manter lá. Talvez manter-se no topo seja ainda mais difícil do que chegar lá. É preciso se empenhar ainda mais.

Mais que superar outras modelos que, ano após ano vão ingressando nesse mercado tão competitivo, Gisele tinha que superar a si mesma. Era preciso bater seus próprios recordes.

Veja que beleza a foto abaixo e analise cada detalhe:

foto copy 2

Para manter a forma e ganhar leveza e mobilidade, Gisele faz Kung Fu. Veja que abertura de pernas incrível e repare na delicadeza do pé esquerdo no chão. Parece que ela faz isso sem o menor esforço. Sem falar na expressão forte do rosto e na composição dos braços. Perfeita! Você acha que isso é para qualquer uma? Meu marido é fotógrafo e eu faço produção executiva de moda, por isso, conheço modelos que não se alimentam direito e fumam tanto que mal sabem fazer um 4 com as pernas… Mas não é só o Kung Fu, tem também yoga, para garantir elasticidade e força.

foto copy 3

 

Observem o detalhe da mão direita, o pescoço alongado, a forma geométrica que ela faz com o braço e perna esquerda. Demais! Todo esse empenho nos treinos lhe deu o domínio de corpo que a foto abaixo exige.

foto copy 4

 

Consegue perceber que ela não está apoiando o pé na cela? A mão que segura as rédeas está relaxada, a expressão do rosto tranquila e ela parece fazer parte do cavalo. Um luxo! Mas olha ela aí embaixo, “ralando” pra cuidar da forma física mesmo grávida! E você achando que vida de modelo era só glamour!!

Gisele runs to the gym

 

O que quero dizer com tudo isso é: meninas, não existe outra forma de chegar ao topo naquilo que você faz sem muito TRABALHO, muito ESFORÇO e muuuuuuito SACRIFÍCIO.

Se você precisa perder horas de sono para fazer uma faculdade, faça. Se precisa ler horas a fio, leia. Se tem que treinar incansavelmente para conseguir se aperfeiçoar em algo, treine. Faça tudo o que estiver ao seu alcance e não espere por ninguém, nem mesmo por Deus, pois Deus só fará por você aquilo que você não pode fazer. Da sua parte é você quem tem que dar conta.

E lembre-se:

O único lugar em que SUCESSO vem antes de TRABALHO é no dicionário.

Nos vemos!

Jornalista com atuação no Brasil, Inglaterra, Argentina e Israel. Autora do best seller Bolsa Blindada e palestrante na Universidade de Harvard.

  • Gisele Neres diz:

    Olá Paty!!
    Tenho aprendido muito com seus textos.
    Quando vejo pessoas como a Gisele, tiro como exemplo o sacrifício, a determinação, e a disciplina. E também, por que não a coragem e audácia de investir no que se acredita.
    Você também é um grande exemplo, pois se não fosse, não existiria o Bolsa Blindada, do qual tem ajudado tantas pessoas.

    • Patrícia Lages diz:

      Pois é… O livro foi uma ideia, que podia estar perdida em meio a outras tantas. Mas a diferença é que fiz acontecer, palavra por palavra, página por página, capítulo por capítulo. E daí…. deu no que deu! Nós é que fazemos o nosso destino! Bjs

  • Vanessa diz:

    Adorei !! Inspirador, é verdade só esta no topo do sucesso quem realmente se sacrifica… Este post me lembrou o do “Espelhos do Michael Jackson que li por acaso e gostei muito!

    Abraço,

    Vanessa

    • Patrícia Lages diz:

      Verdade, esse dos espelhos tb é bacana e nesse mesmo tema! 😀

  • lucia franco diz:

    pATY E VERADE ISSO SERVUI PRA MIE se queremos vencer temos que fazer a nossa parte.lucia

  • bianca diz:

    MARAVILHOSO, ESSE POST SUPEROU, OTIMO

  • Fabiana Nunes diz:

    Perfeito este post!
    Muita das vezes queremos algo mas não fazemos “jus” para merecer…Agora é hora de arregaçar as mangas e ir para a luta!

    • Patrícia Lages diz:

      O espírito é esse! 🙂

  • Joselene Lima diz:

    Muito bom!

  • Aniele hidaka diz:

    Gente, amei esse post, vc tem razão em dizer que o único lugar em que a palavra sucesso vem antes de trabalho é no dicionário. Essa menina merece estar onde está, com toda essa maratona que ela faz, merece esse sucesso. A inveja faz com que muitos critiquem o brilho dela. Eu sinceramente um tempo atrás dizia” não vejo nada de especial nessa Gisele”, mas depois de saber sua história, agora digo que vejo sim. Vejo dedicação, esforço, garra, determinação de uma mulher que sabia o que queria desde menina. Que essa lição sirva pra nós de inspiração pra tbm alcançarmos nosso sonhos.

  • elaine britto diz:

    Muito bom esse post eu realmente precisa disso ..obrigado por existir…Que DEUS te abençoe..

  • Adriana diz:

    Arrebentou!

  • Vânia Maria Gabriel de Souza diz:

    Amei o post, Patrícia!
    Valeu o encorajamento…. e olha só, a organização da casa está acontecendo aos poucos, mas ficando com o jeito que eu gosto!
    Obrigada!

    • Patrícia Lages diz:

      Vc vai chegar lá!

  • Vanessa (Shenzhen/China) diz:

    Obrigada Pati, estou num momento de total reflexão e esse post veio ao encontro de alguns questionamentos interiores… nem mesmo Deus fará por mim aquilo que cabe a mim fazer! Quero ir a luta por alguns sonhos… mas tenho uns desafios pela frente.

    • Patrícia Lages diz:

      Sempre teremos desafios pela frente, mas quando obedecemos a voz de Deus e somos fortes e corajosas, nossa vitória é certa! Bjs

  • Gis diz:

    Esse é um dos meu preferidos,ele está gravado em mim!

    • Patrícia Lages diz:

      É mesmo! Me lembro do seu comentário em abril, quando publiquei no blog da Cris! Bjs

  • Daiana Schemes Rio Grande do Sul diz:

    Bom dia Pati;

    Nossa muito legal e inspirador!!
    Sabe aquele momento em que você fica sem palavras rsrsrs, foi mais ou menos isso que aconteceu.
    Cada vez que olho seu blog, percebo o quanto tenho que mudar, obrigada por cada palavra sua 🙂
    Bjsss Pati.

    Dai.

    • Patrícia Lages diz:

      Sim, esse tipo de história é sempre muito positiva. Levanta até defunto!! rs…rs…

      • Daiana Schemes Rio Grande do Sul diz:

        kkkkkkk bem isso 🙂

  • Camille Lago diz:

    Gostei muito desse post, dessa relação muito verdadeira. Essas fotos são belíssimas, analisei esses pequenos detalhes, o pé, a mão, essa delicadeza, gosto muito dessa coisa de modelo, assisto a programas e realmente esses pequenos detalhes fazem a diferença entre modelos e modelos. Temos que ralar pra chegar lá. =D

  • Luciana diz:

    Olá Paty,
    Sempre leio os seus posts e acho todos proveitosos… mas esse foi genial !!! A gente sempre acha que a grama do vizinho ( nesse caso a Gisele…rs..rsr) é mais verde que a nossa… só esquecemos o quão trabalhoso é manter essa grama verde… E muitas vezes ficamos olhando o verde do gramado alheio seja com criticas ou mesmo elogio e nunca tomamos uma iniciativa a querer mudar nossas atitudes. O que puder entender é que Disciplina e Sacrifício são a chaves para o sucesso.
    Bjins,:)

    • Patrícia Lages diz:

      Vamos regar a nossa grama que ela fica verde também!!! 🙂

  • Luiz diz:

    Olá Patricia,
    Adoreeeeei o post!
    Suas palavras como sempre nos levantam muito!!!
    é como vc disse mesmo: sem muito trabalho, muito esforço e muito sacrifício não existe outra forma de chegar ao topo!
    Admiro muito a Gisele…. adoreei saber dos sacrifícios e determinação que ela teve para chegar onde chegou!
    Mas para me espelhar em alguém para que fazer do meu 2014 um ano realmente novo eu seria
    inspirado em Patricia Lages!
    Poxa… sem você e suas idéias e inspirações que tanto nos ajudam…jamais consegueriamos resultados tão positivos como estamos conseguindo!
    Posso afirmar que depois que passei praticar os desafios os resultados foram aparecendo dia após dia e estou muito feliz em ter encontrado seu blog e fazer parte deste aprendizado maravilhoso!
    Deus a abençoe grandemente!

    • Patrícia Lages diz:

      Muito bacana, Luiz! Obrigada por estar sempre aqui com a gente! 🙂

  • Maria Emilia diz:

    É verdade as não acontecem por acaso. Um dia ouvi um famoso jogador de futebol dando uma entrevista à um repórter que o perguntou o que o estimava a ter tanta destreza com a bola, e como fazia tantos gols? E esse jogador respondeu: “Isso não caiu do céu, levanto bem cedo e treino todos os dias durante quase oito horas quando não tenho jogo” É isso se queremos ter desempenho em qualquer ramo de nossa vida temos que correr na frente! Muito estimulante o artigo, parabéns Patrícia! Bjs

    • Patrícia Lages diz:

      Muito bom ter vc aqui, Maria Emília!! Obrigada pelo comentário! Bjs

  • Tatiane diz:

    Já tinha lido alguns posts seus, mas esse superou todos.
    Não costumo fazer comentários, mas esse merece elogios.
    Infelizmente muitas pessoas cristãs costumam ficar para trás quando a questão
    é a vida financeira, pois ficam esperando Deus fazer a parte delas também. Muito legal
    seus posts para abrir os nossos olhos e não nos deixar esquecer que nada vem sem esforço.
    bjs!!!

    • Patrícia Lages diz:

      Obrigada pelo comentário! Bjs

  • Yasmin Farias da Silva Fernandes diz:

    Oi Paty! Estava eu aqui dando uma olhada nos seus posts mais antigos, querendo ler algo novo e inspirador e eis que surge esse seu post sobre a Gisele. Ameeeeeeiiii!!!
    Estou estudando inglês pois quero prestar processo seletivo para fazer mestrado e precisarei fazer provas e até mesmo tirar certificação (proficiência); porém, meu inglês está sofrível, pois fiz um curso de 5 anos no passado numa escola de baixa qualidade (pois eu não tinha condições de pagar)e depois disso fiquei anos sem estudar nada ou fazer nada (nadinha de nada) em inglês, sem contar no inglês terrível da época da escola (que deixou alguns traumas…hehehe). Agora estou correndo para tirar esse atraso todo e conseguir me aperfeiçoar. Não tem sido fácil, mas estou bem motivada para isso e estou a todo vapor. Não quero mais aprender só para passar na prova, mas quero aprender para me comunicar, viajar e estudar diversos assuntos que só tem em inglês! \o/
    Sei que não é o foco do seu blog, mas se um dia puder, gostaria que fizesse um post contando sobre como foi seu processo de aprendizagem nesse idioma, como foi que percebeu que você estava fluente, quais foram suas maiores dificuldades e etc, dicas de como estudar/investir sem gastar muito. Agradeço muito por tudo e Deus abençoe! Grande abraço! Yasmin

    • Patrícia Lages diz:

      Boa ideia, vou fazer sim!!

      • Yasmin Farias da Silva Fernandes diz:

        Ebaaaaaa!!! Obrigada linda! Bjsss

  • Patricia (Noruega) diz:

    Só li verdades aqui. Muito sensível sua análise da nossa musa Gisele. Mulheres iluminadas. Vc e ela.

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


Carreira Profissional

Cartão de Crédito

Investimentos

Pagamento de Dívidas

Faça uma busca no site:

Acompanhe também a Bolsa
Blindada nas redes sociais:


Receba todas nossas novidades!

Livros Bolsa Blindada:

Desenvolvido por: