Que futuro nos espera?

A proposta do Bolsa Blindada é levar informação sobre economia pessoal. Porém, o post de hoje traz um assunto que, embora não seja sobre economia, pode fazer você economizar dores de cabeça amanhã.

Enquanto o brasileiro achar que “cair na folia” é algo que acontece somente durante a semana de carnaval, nosso país continuará sendo a baderna que sempre foi. Os políticos estão na farra do mensalão, da impunidade e da corrupção profissionalizada o ano inteiro, enquanto o brasileiro quer mais é se divertir.

Enquanto o brasileiro prefere futebol, novela e carnaval, o estudo, o trabalho e a construção de um país melhor ficam para um futuro que nunca chega.

Enquanto o brasileiro gastar o salário de um mês em alguns dias de folia, os bancos vão continuar ganhando bilhões emprestando dinheiro caro para tapar os buracos do orçamento e o governo calará a boca do povo com bolsa família e afins, como um prêmio por nossa conivência com essa política de pão e circo.

Enquanto o brasileiro vestir seus filhos, desde bebês, com fantasias inofensivas de carnaval e ensinar a eles que temos quatro dias para esquecer de todos os nossos problemas, continuaremos o ciclo vicioso de ver essas crianças amanhã levando a folia a sério.

Afinal, é mais importante que o sambódromo esteja impecável do que um corredor de hospital. No asfalto do sambódromo desfilarão beldades sorridentes, vendendo a imagem de um Brasil que não existe e nos corredores dos hospitais só há mais doentes do que leitos. É realidade demais, melhor ignorar.

Os pais que hoje fantasiam suas filhas com biquinis, tops e saias curtíssimas e as ensinam coreografias sensuais, amanhã vão arcar com suas bebezinhas tendo outras bebezinhas, provavelmente sem pai, e que tirarão da sua querida bebezinha oportunidades imprescindíveis como o estudo e um futuro melhor.

Mas é carnaval, né gente? Época de “lavar a alma”, banhar-se no rio de alegria, ainda que esse rio seja o Tietê. Nasce purinho lá no interior, mas quando chega aqui na capital só causa mal cheiro e vergonha.

Nos vemos!

Jornalista com atuação no Brasil, Inglaterra, Argentina e Israel. Autora do best seller Bolsa Blindada e palestrante na Universidade de Harvard.

Categoria: Ética
  • Rodrigo Volponi diz:

    Que texto incrível Paty, concordo com vc em gênero número e grau.

    • Patrícia Lages diz:

      Obrigada, amigo. Rumo à Terra Santa logo mais, hein!!

  • Bianca diz:

    Verdade Paty, as atitudes dos pais com as crianças pequenas trarão sérias consequencias em um futuro não tão distante… É preciso avaliar se estamos priorizando a educação e ensinando o que é certo à nossas crianças ou incentivando-os a uma prática errada e que causa destruição em tantas famílias.

  • gilmara diz:

    Baaahh,a pura realidade desse mundo sem Jesus….:/

  • Franci teles diz:

    Estamos vivendo um caos. A cada dia ficamos abismados com as coisas que acontecem.

  • jaQUELINE BAARS diz:

    texto perfeito e claro!sabe de uma coisa o Brasil precisa acorda mesmo,voltar pra realidade!

  • Taiane de Sousa diz:

    È incrível D. Paty, como a maioria das pessoas tendem a se iludir com isso ! Tudo o que a senhora disse, eu concordo em gênero, número e grau, penso da mesma forma que a senhora.

    • Patrícia Lages diz:

      Senhora nããããããããooooo…. hahahaha…

  • Nayana diz:

    ESSE TEXTO MERECE UM VÍDEO DE DIVULGAÇÃO NO YOU TUBE! Concordo com todo o conteúdo!

    • Ana Augusta diz:

      Verdade!!!

      • Nayana diz:

        Boa Ana Augusta!!! Aí ó, achei uma colega blindete para pedir um VLOG Patrícia!!! Queremos VLOG, queremos VLOG! kkkkkkkkkk

        • Patrícia Lages diz:

          Deixa eu me organizar melhor e aí começo com os vídeos! Bjs

  • Eliana Alcantara diz:

    Boa tarde! texto incrível, e aproveito para tirar uma dúvida.
    Como fazer para tirar nossos filhos dessa ideia que infiltram nas escolas, porque minha filha e meus sobrinhos estudam em escola pública e la eles ensinam que carnaval é uma cultura que deve ser praticada, no dia de hj todas as crianças terão festa a fantasia que será um baile de carnaval. Na EBI ela aprendeu sobre o que é carnaval, eu tenho pouco tempo de fé, não sei como passar pra ela que não se deve praticar o carnaval. As pessoas hj acham que é uma coisa normal, e tem muitos que se dizem cristãos estão envolvidos nisso. Teria uma dica pra mim, não sei o que fazer em relação a isso e a tantos outros assuntos que abordam nas escolas, como o saci perere que usa cachimbo e as crianças fazem trabalhos sobre ele, tbm a festa junina e tantas outras, o que eu faço? obrigada!

    • Patrícia Lages diz:

      Oi, Eliana. Realmente criar filhos não é uma tarefa fácil. O que eu diria pra vc é para conversar com uma educadora da EBI, pois elas estão capacitadas para dar esse tipo de dica. Tanto sobre o carnaval quanto outros temas também, como festas religiosas, Halloween etc. Tenho certeza de que ela vai te ajudar. Bjs!

  • Anna diz:

    Patrícia, sou grande fã do seu trabalho! Seu livro tem me ajudado muito! Não me admira que tenha escrito um texto tão incrível e tão oportuno! Concordo absolutamente em tudo com vc! Uma pena que sejamos uma minoria…

  • Alessandra Mess diz:

    É bem isso: o brasileiro gasta o salário de um mês em alguns dias de folia, como se todos os problemas acabassem e na realidade é fruto para mais outros!
    Ótima reflexão!
    Bom descanso.
    Beijos,

    Mess.
    http://workingmachine.nu

  • vanessa diz:

    tal cual !!!! bs grande desde uruguay

  • MICHELLE FERREIRA DA SILVA MALTA diz:

    Hoje na escola da minha filha é o baile de carnaval das crianças,uma pessoa falou comigo assim q não tinha problema eu deixar ela ir porque elas vão somente brincar,fazer coisas de crianças,pula-pula,músicas e outras coisas.É incrível como o diabo cega as pessoas querendo fazer nós que somos da fé errados,não mandei ela pra escola e enquanto ela estiver sobre o meu domínio vou ensinar o caminho certo,mesmo que ela tenha somente 3 anos já estou ensinando o que vale realmente a pena,chega de ilusões deste mundo,só porque as outras mães não vêem maldade não quer dizer q eu tenha q pensar como elas.Penso assim e sei q não sou careta como elas pensam kkkkkkk,eu sei muito bem me divertir com a minha família sem ir na onda dos outros,um abraço.

  • Aline Maia diz:

    Excelente colocação, Paty!

  • Aline Maia diz:

    Tinha que ter uma opção, de “CURTIR” ou “COMPARTILHAR” aqui..kkkkkk

  • TATIANA VIARD diz:

    Faloou tudo o quegostaríamos de dizer. Texto brilhante.

  • Gis-SP diz:

    Isso é verdade!!! Quem uma vez já viveu nesse engano ,e quando abri os olhos realmente entende ,que tudo era para disfarçar a mascara que vivia.Eu decidi viver sem essa mascara ,quando percebi que muitos dos meus amigos,se perdiam ,e sofriam ,disfarçando com as fantasias de Carnaval!

  • Rosemarie diz:

    Muito bom teu texto! Sempre pensei nisso, que se deixasse meus filhos pequenos irem a bailes de carnaval, fantasiados antes de largar as fraldas, eles iriam gostar disso. E eu nunca gostei de carnaval, portanto não iria ensinar isso aos meus filhos, e deu certo, hoje os dois são adultos e só pensam em fugir dessa festa mundana! Assim como eu, eles não veem a hora do carnaval passar e a vida voltar ao normal para todos,sim, porque no Brasil tudo só começa depois do carnaval.
    Abraços. Rose.

  • Ana Augusta diz:

    Verdade, Patrícia.
    Pão e circo mesmo. O pior é que a palhaçada desse circo é composta por toda população que cai nesse engano.
    Revolta.

  • Priscila Couto diz:

    Disse tudo Paty!!!
    Até compartilhei rsrsrs;
    Bjs

  • Adriana Gomes diz:

    Paty, que texto maravilhoso! Estamos mesmo na nova geração da Internet. Saem os looks do dia e entram a reflexão, o pensar, o agir. Vou compartilhar no Facebook (mesmo que quem precise ler, termine não lendo). Bj. Adriana Gomes.

  • lia diz:

    Este post vem bem calhar com o que eu presenciei hoje mães dando meia volta de um grande hospital aqui em São Paulo pois não tinha nenhum medico pediatra e tinha so uma medica que já fazia dois dias que estava lá só atendendo emergência acho que acho que este é o carnaval????? Há Hospital Cidade Tiradentes administrado pelo Santa Marcelinna

  • Lenir diz:

    Esta é a mais pura e triste realidade… um país que tem tudo para ser o melhor do mundo. Sinto muito em ver meu país nesta situação!!

  • Sueli diz:

    Perfeito!!! Você descreveu exatamente o que acontece. E concordo em gênero, número e grau. Por isto a cada dia que passa sou mais sua fã, rs. 🙂 Já compartilhei no meu Face. Bjs,

  • Fernanda diz:

    Fortíssimo!

  • Maria Fátima diz:

    Num país onde lepo lepo é a música que torra a nossa paciência, o que pode-se esperar?

    • Patrícia Lages diz:

      Olha, amiga… sinceramente eu não sei… Enquanto essa palhaçada tiver audiência a gente nunca vai sair desse buraco!

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


Carreira Profissional

Cartão de Crédito

Investimentos

Pagamento de Dívidas

Faça uma busca no site:

Acompanhe também a Bolsa
Blindada nas redes sociais:


Receba todas nossas novidades!

Livros Bolsa Blindada:

Desenvolvido por: