Namoro X dinheiro

Hoje, divido com vocês os termos de busca mais usados no meu blog e minha resposta aos namorados e namorados quando o assunto é dinheiro. Confira!

dinheiro

Primeiramente gostaria de dizer que muito me entristece que as pessoas ainda não saibam para que serve o namoro… Infelizmente muita gente confunde as etapas de um relacionamento e acham que, por estarem namorando alguém, já têm direitos sobre essa pessoa. Minha conclusão vem do fato de TODOS OS DIAS verificar os termos de busca do meu blog, que são frases que as pessoas colocam no Google e, por meio delas, chegam até o Bolsa Blindada. Veja algumas:

  • Meu namorado não paga minhas contas
  • Como pedir dinheiro ao namorado
  • Minha namorada não me ajuda a pagar a faculdade
  • Namorada ganha mais e não ajuda, o que faço
  • Como arrancar dinheiro de um homem (sério, isso quase todos os dias!)
  • Namorado não quer me dar celular

Bem, primeiramente quero dizer que este post NÃO é para as mulheres que buscam resposta para a pergunta “como arrancar dinheiro de um homem”. Essas estão tão fora da casinha que não dá nem para comentar. Meu texto vai para aquelas que realmente estão buscando fazer as coisas do jeito certo. Se não é o seu caso, nem continue a leitura, pois você pode se ofender (embora não seja minha intensão).

O namoro é uma fase de conhecimento. É o momento em que você deve analisar a outra pessoa e saber tudo o que seja possível sobre ela. Procure falar com pessoas que o(a) conheçam bem, seus parentes, colegas de trabalho etc. e não se baseie apenas pelo que a pessoa diz sobre si mesma.

Nenhum homem vai chegar em uma mulher que pretende ter um relacionamento e dizer: “eu bebo demais, já roubei para comprar drogas, minha família nem imagina quem eu sou na balada e eu só quero me aproveitar de você!” Bem como nenhuma mulher vai chegar para o pretendente e dizer: “sou compradora compulsiva, nunca tenho um tostão, detesto ajudar em casa, sou péssima no trabalho e estou de olho no seu dinheiro!”

Não sejam ingênuos! Nesta época em que o que mais as pessoas fazem é viver de aparência, não acredite em tudo o que dizem. ANTES de namorar procure saber quem é a pessoa e quais as suas intensões. Está namorando? OK, aproveite para conhecer a pessoa mais a fundo e analise suas atitudes e não seu discurso.

Quanto ao dinheiro, vocês não são donos um do outro para querer que pague as suas contas, sua faculdade, lhe dê dinheiro ou lhe compre um celular. Aproveite para observar como o outro lida com o dinheiro, se é responsável, se ajuda em casa, ou se vive sempre duro(a) e cheio(a) de dívidas. Reclamar depois de casada que ele larga tudo nas suas costas ou que ela não para de comprar não vai adiantar.

Se você não pode ter as coisas, corra trás por seus méritos e não dependa de alguém para lhe dar o que quer, mesmo que ganhe mais do que você. Se você for aquela pessoa que mais parece um peso no pescoço do outro, acha mesmo que será atraente aos olhos de alguém?

Para não perder nada aqui do blog, cadastre-se!

Cadastre o seu e-mail agora!
Cadastre o seu e-mail abaixo e receba todas as nossas novidades!

Nos vemos!

 

Jornalista com atuação no Brasil, Inglaterra, Argentina e Israel. Autora do best seller Bolsa Blindada e palestrante na Universidade de Harvard.

  • Juliana Fonseca diz:

    Perfeito !!

  • Debora Brandão diz:

    Patrícia, esse pensamento é muito triste mesmo.. acho que tudo o que queremos, temos que correr atrás por nossa conta… seus textos são excelentes e você merece todo o sucesso. bjs

  • Francis diz:

    Jesus Amado! É cada uma… Povo confunde presente e gentileza com paternidade, benefício do governo e coisas do tipo. Hoje está tudo misturado. Acho bacana a gentileza de um rapaz em um jantar que ele convidar pagar o mesmo, uma vez que seja, mas isso tem que vir da vontade dele, mas eu primeiro me propor a pagar o que gastei e se ele então se oferecer a pagar, beleza, mas se não eu arco, embora devemos observar que nenhum gesto de gentileza no namoro que já segue por um tempo devemos observar como é a responsabilidade do mesmo em casa com a família, pequenas coisas que podem dizer se o cara é um descansado, mão fechada, avaranto enfim ou não.

  • Jessica Bragança diz:

    Eu ate hoje, mesmo casada não tenho coragem de ficar pedido as coisas para meu esposo, sempre que desejo algo eu corro atrás. Penso que não há problemas nenhum em ganhar as coisas, mas nada melhor que fruto de seu trabalho!

  • Cidalia- Tunisia-Africa do Norte diz:

    Boa noite Paty

    Como vai o mundo de pés para à cabeça não é mesmo?
    Antigamente queriamos um namorado para Amar, hoje querem namorido para aproveitar!!
    Obrigada por esta “injeção” de bom senso, para lembrar que os deveres de namorados não säo os mesmos dos casais.
    Cada coisa no seu devido lugar.

    Beijinho – Cidália

  • Alessandra Motta diz:

    Boa tarde …Leio todos os posts e aprendo sempre com vc. segue abaixo só um aviso, na frase abaixo falta uma letrinha apenas , quase passa desapercebido .. mas achei melhor avisar. bjinhosss uma fã…

    Se você não pode ter as coisas, corra trás por seus méritos

    obs .. nao precisa postar esse comentário, é que nao tenho seu e-mail, por isso achei valido deixar em forma de “comentário “.

    • Patrícia Lages diz:

      Obrigada, eu amoooo quando me corrigem! 😃

      • Isa Maria diz:

        Bem, então, tomo a liberdade de – a partir daqui: “(…)pois você pode se ofender (embora não seja minha intensão). (…) indicar:

        Significado de Intenção (com ç):
        s.f.
        Vontade; aquilo que uma pessoa espera que aconteça:

        https://www.dicio.com.br/intencao/

        Significado de Intensão (com s):
        s.f.
        Aumento da tensão; ato ou resultado de aumentar a tensão.

        E, em vez de “achar”, penso que seja melhor: “crer/acreditar”; apenas algumas sugestões para que seu desempenho seja ainda melhor.
        Abraços,
        Isa Maria

  • Delfina Elisa Tembe diz:

    Bestial
    Realmente na fase de namoro e momento em que duas pessoas devem se conhecer e saber como a outra pessoa reage quando se trata de dinheiro pos nada cai do ceu. Se alguem deseja alguma coisa deve colocar os pes no chao e correr atraz.
    Muitas vezes tenho verificado que muitos namoros as pessoas pensam que os namorados devem assumir as suas despesas virse versa.Chegando o ponto de cometer irregularidade para agradar a outra pessoa.

  • Rosieli dos Santos Lopes Alves diz:

    Olá, Patrícia boa leitura dos vínculos que se estabelecem entre as pessoas.
    E como ambas projetam uma nas outras seus desejos, expectativas e responsabilidades. Belo texto.

    Ps. Verifique se entrou meu depósito do kit arbitrário por favor. Envie o comprovante via e-mail. obrigada.

    • Patrícia Lages diz:

      Entrou sim. verificamos hoje e será postado amanhã. Obrigada!

      • Rosieli dos Santos Lopes Alves diz:

        Obrigada. Estou vendo qual dos livros farei o pedido. Obrigada.

        Até mais.

  • Adriana diz:

    Paty, adoro esse post que você faz com os termos mais buscados aqui no blog. Entra ano, sai ano, os termos praticamente são os mesmos. Ah, comprei um arquivo de pastas suspensas e tô organizando as contas conforme um vídeo antigo seu no Youtube. Nossa, show. Só virar o plástico e ver qual conta está na frente… muuuuuito prático.

    • Patrícia Lages diz:

      Sim, quase sempre são as mesmas questões, por isso sempre estamos trazendo de volta alguns temas. Esse esqueminha da organização de arquivos é ótimo, né? beijos!

  • Bruna diz:

    É triste saber que existem pessoas assim! :/

    Meu marido vem de uma família bem machista, eles são todos do interior da Bahia, e lá era comum a mulher ser sustentada pelo homem e tem que fazer as coisas de casa.
    Quase todos na família são assim, minha sogra é considerada uma rebelde. Os outros da família acham um absurdo que ela trabalhe e ganhe mais do que o marido, o que ninguém sabe é que é ela quem paga todas as contas de casa, coloca comida e ainda tem que fazer tudo para a casa ficar apresentável, porque o marido faz sabe-se lá o que com o dinheiro!

    Dei sorte que meu marido puxou a mãe!

    • Patrícia Lages diz:

      Oi, Bruna. Creio que a questão principal seja o desequilíbrio. Definir que a mulher não possa trabalhar e deva cuidar da casa 100% do tempo é tão radical e desequilibrado quanto a mulher trabalhar e pagar 100% das contas sozinha. Falta mesmo equilíbrio e bom senso. Beijos!

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


Carreira Profissional

Cartão de Crédito

Investimentos

Pagamento de Dívidas

Faça uma busca no site:

Acompanhe também a Bolsa
Blindada nas redes sociais:


Receba todas nossas novidades!

Livros Bolsa Blindada:

Desenvolvido por: