Blindando até o INSS!

Um dia uma leitora deixou uma mensagem aqui no blog, dizendo que estava de licença médica, recebendo apenas um benefício do INSS e sem saber o que fazer. Hoje, ela faz tantas coisas que só ela mesma pra contar!

Vânia Maria e dua bolsinha blindada!

Vânia Maria e sua bolsinha blindada!

“Aqui estou eu para contar um pouco da minha história. Estou há quase dois anos afastada das minhas atividades profissionais por questões de saúde. Sou sozinha e dependo unicamente de mim. Para o meu sustento, restou apenas um benefício do INSS. O que fazer? Eu não sabia. Então, sozinha, elevei meu pensamento e disse: “Jesus, o que vamos fazer agora?” E sabe o que aconteceu? Eu já não estava mais sozinha!

Conheci o blog da Cristiane Cardoso e depois o Bolsa Blindada. Comecei a me preparar e fui fazer cursos numa loja e a tirar os novelos de lã do armário. Eu tinha que fazer alguma coisa, então comecei a tecer cachecóis para vender. Mas não foi só isso! Também coloquei meus dotes de cozinheira para funcionar e comecei a fazer empadinhas, o carro-chefe dos meus quitutes, e tortas salgadas.

E se você pensa que eu tinha todos os ingredientes, se enganou! Muitas vezes preparei minhas receitas com produtos doados por uma ou outra amiga. Até hoje ainda recebo a provisão de um ou dois quilos de farinha que chegam de última hora.

Nunca preparei nenhum prato ou teci alguma peça com os olhos voltados para o lucro apenas, mas pedindo a Deus que a alegria que eu sinto em fazê-los, seja sentida também pelos meus clientes.

Minha situação não está resolvida, pois meu benefício do INSS foi cortado e não sei o que será do amanhã. Mas tem uma última coisa que preciso dividir com vocês: é possível, sim, viver com 80% do rendimento mensal: 10% é o meu dízimo e 10% vai pra poupança. Aliás, com o corte do benefício, estou me mantendo justamente com minha poupança. Já pensou se eu não tivesse?

Beijos e muito obrigada, Patrícia, pela oportunidade de participar do seu blog!”

Vânia Maria

Cozinheira & Artesã

A Vânia esteve no lançamento do livro Bolsa Blindada em São Paulo (foto) e me levou um presente delicioso: um pão enorme que eu não via a hora de chegar em casa para devorá-lo! Obrigada pela sua amizade 😀

Nos vemos!

Jornalista com atuação no Brasil, Inglaterra, Argentina e Israel. Autora do best seller Bolsa Blindada e palestrante na Universidade de Harvard.

Categoria: Livros
  • Daiany Bitencourt diz:

    Lindo relato

  • Skarlet Lima diz:

    Amem, há um tempo eu estava assim tambem, sem saber o que fazer, e hoje eu faço artesanatos lindos, ganho lucro e ainda preencho meu tempo..

  • Karla diz:

    Bom dia! Patrícia escreve um livro pros homens “Carteira blindada” kkkkkkkkkkk’

  • Vanesssa diz:

    Oh que lindo esta história, amei… Que Deus abençõe muito!!! Beijos

  • Daiana Schemes Rio Grande do Sul diz:

    Muito bacana 🙂
    Que força tem essa mulher.

    Abraços Pati.

    Dai.

  • gilmara diz:

    Nooosaaa,se não fosse a fé que temos em Cristo Jesus,o que seria de nós!!!!??parabens!!!*-*

  • Gis-SP diz:

    Amiga divando! Parabéns Vania!

  • Angélica Fagundes - GO diz:

    Muito bom esse relato! Quantas pessoas ficam esperando as coisas caírem do céu e até desanimam da fé por não ver nada acontecer como um passe de mágica. Seus post’s ajudam muito!

  • Ana Claudia Dias diz:

    Muito legal, esse relato nos mostra que sempre há solução se procuramos por ela!

  • Camille Lago diz:

    Muito bacana!

  • Priscila Vieira dos Santos diz:

    Muito bacana e inspiradora a história da Vânia.
    Eu também estou afastada a seis meses e com a ajuda do livro bolsa blindada fiz mais do que se estivesse trabalhando.

    Inclusive estou colocando em pratica o capitulo do “desapega”

    Obrigada Patricia por ser essa benção.

    • Patrícia Lages diz:

      Arrebentou!!

  • erika diz:

    me sinto assim como ela no incio ,fiz um curso de cabeleireira porque quero uma profissão que eu possa ajudar meu esposo e possa cuidar dos meus filhos e da minha casa ,mas o meu salão não ta dando certo , eu desenvolvi uma síndrome do pânico ,e ai quando pego em uma tesoura não consigo corta e acabo mandando as clientes para outras colegas de trabalho e fico so de escovas , mas não foi pra isso que fiz o curso .eu quero perde esse medo que tanto me atrapalha e deixar minhas clientes lindas e muito feliz ,

    • Patrícia Lages diz:

      Oi, Erika. Vc precisa enfrentar isso. Se você sabe cortar, as clientes gostam e vão até você, vença esse medo e parta para cima! Você pode!! Bjs

  • Herika Soares diz:

    Ola< Patricia!
    Você já veio a Belo Horizonte lançar o seu livro?
    Um beijinho e muitíssimo obrigada pelas tuas msgs 🙂

    • Patrícia Lages diz:

      Ainda não!

  • Vanessa (Shenzhen,China) diz:

    Eu me lembro de alguns comentários da Vania por aqui…ela passa uma força, uma vontade imensa de seguir em frente. Muito bacana Vania sua atitude positiva em meio a adversidade. E que alegria né Patricía, em contribuiu para esse sorriso da Vania! bjs

  • kelly corecha diz:

    Parabéns querida e continue nessa fé…

  • Christina Moura diz:

    Oi Patricia !!!
    Como Deus é Maravilhoso !!!
    Acabei de saber que posso perder o emprego, tenho 47 anos e me deu um gelo na barriga. Porém, quando lí o relato dessa jovem, foi como se as forças se renovassem, como se horizontes se abrissem. Ela é um exemplo e está passando um momento realmente difícil, mas na foto está linda e sorridente. Com certeza Deus a honrará. Gostaria muito, se for possível, entrar em contato com ela.
    Obrigada mais uma vez.
    Abraço carinhoso.
    Chris/Acre

    • Patrícia Lages diz:

      Oi, Chris. Há mudanças que vêm para o nosso crescimento e essa será uma delas, vc crê? Vou passar seu e-mail para a Vania! bjs

  • Grazielle diz:

    Um exemplo e muito inspirador o relato da Vânia Maria, um grande abraço e muito obrigada por compartilhar conosco essa experiência que serve muito de incentivo para muitas de nós que as vezes acha que não tem mais jeito,

  • joimara maximo diz:

    Muito forte!

  • Nayara diz:

    Admirável senti muita alegria em ler este post!! Desejo que continue forte nas vendas.
    O que quer que faça, faça com o coração, com todo amor e carinho do mundo! O resto é consequencia. 🙂

    Beijos meninas!

  • ricardo augusto diz:

    administrar a vida nos pequenos detalhes pode parecer chato, ,as no intimo sabemos que o beneficiado somos nos mesmos, difícil é vencer os maus costumes….eu chego lá.

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


Carreira Profissional

Cartão de Crédito

Investimentos

Pagamento de Dívidas

Faça uma busca no site:

Acompanhe também a Bolsa
Blindada nas redes sociais:


Receba todas nossas novidades!

Livros Bolsa Blindada:

Desenvolvido por: