Desafio Detox 11 – Más influências, como evitar?

Creio que você já teve ter sido má influenciada por alguém ou alguma circunstância – ainda que não tenha percebido na hora. Mas você já parou para pensar que pode estar influenciando alguém negativamente? Confira o post de hoje e tire a prova.

atoa

Somos seres humanos, logo influenciamos e somos altamente influenciados. Nesse caso, precisamos tomar cuidado com as duas coisas… Às vezes, numa daquelas conversas onde “só falamos por falar”, más influências podem ser criadas. Testemunhei isso esta semana mesmo.

Uma jovem entrou na sala onde estávamos eu e uma senhora e nos cumprimentou normalmente, porém, dirigindo-se à senhora, acrescentou “Fulana, você está bem? Estou te achando meio esquisitinha hoje!” De cara, a senhora respondeu: “Esquisitinha? Eu estava me sentindo tão bem, mas agora que você disse isso…” 

A jovem nem sequer respondeu, pois foi uma daquelas coisas que simplesmente “se fala por falar”, só para puxar papo. O problema é que esse comentário “inocente” foi uma influência negativa para aquela senhora, que passou a se achar esquisitinha sem nem mesmo saber porquê. Ou seja, sem perceber, a jovem fez nascer uma nuvem sobre a cabeça da senhora que, por sua vez, deixou essa nuvem crescer e começou a olhar torto para a jovem. Conclusão: pode se formar uma grande tempestade a troco de nada…

Devemos vigiar aquilo que falamos, tanto quanto aquilo que ouvimos. Quantas vezes você já presenciou ou foi vítima de uma briga que começou sem mais nem menos? Perdi as contas de quantas vezes ouvi pessoas conversando a toa e, de repente, começarem a se ofender até perderem totalmente o respeito e acabarem com a amizade. Veja que bacana o Provérbio do dia:

“As palavras do tolo provocam briga, e a sua conversa atrai açoites. A conversa do tolo é a sua desgraça, e seus lábios são uma armadilha para a sua alma.” – Provérbios 18:6-7

É por essas e outras que a leitura da Bíblia faz parte da minha rotina! Como pode um livro tão antigo ser tão atual? Afinal de contas, o que mais se ouve por aí são conversas tolas, discussões que doem mais que açoites e depois causam sofrimento e tristeza. Está tudo na Bíblia!

Desafio da atitude

Vamos evitar a todo custo as conversas que não têm proveito algum. Para que ficarmos perdendo nosso precioso tempo (que passa e nunca mais volta) com coisas que não nos acrescentam nada?  Eu fujo desse tipo de conversa como o capeta foge da cruz! Rs…rs… Não é preciso ser grosseira, chamar a atenção ou tentar por fim ao blábláblá, apenas saia de perto e não se misture. Você só tem a ganhar!

pernilongo-da-dengueDesafio da saúde – Cuidado com a dengue!

E cuidado com os falsos fiscais da dengue! Infelizmente estamos vivendo um momento complicado em que os casos de dengue têm aumentado dia a dia. Honestamente não sei se há boas políticas públicas para ajudar os cidadãos a evitar o problema, mas aqui em São Paulo, por exemplo, em uma delas infelizmente não dá para confiar…

A prefeitura tem colocado fiscais nas ruas da cidade para verificar casa a casa se há focos de dengue ou possíveis criadouros do inseto. Porém, há quem esteja se aproveitando da situação e atuando falsamente como fiscal para entrar na casa das pessoas e fazer sabe-se lá o quê. Por isso, eu e meu marido optamos por não permitir a entrada de pessoas que não conhecemos, mesmo que apresentem crachá e uniforme (a coisa mais fácil que tem é forjar ambos).

dengue-camomilasIsso significa que a responsabilidade em verificar focos do mosquito e possíveis locais de infestação em casa é toda nossa. Esta semana meu marido deu uma geral em todo quintal, nas plantas e, principalmente, na parte que está em obras. O desafio da semana é que você fique atenta e também dê uma boa vasculhada em casa, mesmo que more em apartamento. Veja se não há água parada em vasos, alguma garrafa ou recipiente de boca para cima que possa reter água e, principalmente, use repelente todos os dias.

Para não perder nenhuma novidade aqui do blog…

Cadastre o seu e-mail agora!
Cadastre o seu e-mail abaixo e receba todas as nossas novidades!

Nos vemos!

Jornalista com atuação no Brasil, Inglaterra, Argentina e Israel. Autora do best seller Bolsa Blindada e palestrante na Universidade de Harvard.

Categoria: Desafio
  • fernanda cruz diz:

    Obrigado pelo post.

  • Laura - Portugal diz:

    Olá Patricia bom dia!

    Estou acompanhando diariamente as dicas e tem me ajudado também!!

    Ainda ontem fiz almoço e sem perceber coloquei sal a mais na comida…kkkk e me lembrei do desafio de reduzir o sal, foi um descuido da minha parte!!

    Um abraço!!

  • Núbia Lopes diz:

    Bom dia!

    Estou amando detox, Parabens pelo post!

  • Mariana Constantino diz:

    Patty, criei um hábito há alguns anos, de elogiar uma amiga ou colega de trabalho sempre.
    Se percebo que ela mudou os cabelos ou esta com uma roupa que eu tenha achado bonito eu elogio, e geralmente a pessoa fica super feliz.
    As nossas palavras tem poderes, e fazer aquela pessoa ganhar o dia por um elogio simples enche o coração.
    A mesma coisa ao contrário, nunca falo nada negativo a ninguém, principalmente se eu não conhecer muito a pessoa. Mesmo que a pessoa me fale algum problema, sempre passo alguma positividade. Uma colega estava grávida do segundo filho e o primeiro era bem novinho, e as pessoas só diziam que ela iria ficar louca com dois filhos pequenos, que ela devia ter pensado melhor. Um dia a encontrei no elevador da empresa e perguntei pra quando era o bebê, era pra algumas semanas e ela logo comentou (prevendo o que todo mundo fala), eu sei que vai terrível no começo com duas crianças pequenas, eu disse que achava que não e que provavelmente eles iriam ser muito amigos e ela iria economizar com o enxoval do novo bebê, afinal ela já tinha tudo. Ela me olhou com um rosto de alívio e eu fiquei feliz por ter tirado aquela “nuvem negra” da cabeça dela.

    • Patrícia Lages diz:

      É verdade, Mariana. As pessoas têm sempre ps mesmos comentários negativos na cabeça e os soltam sem pensar que, além de não acrescentar nada à pessoa, pode colocá-la muito para baixo. Parabéns pela sua atitude! 😀

  • Danielle Friash diz:

    Paty.. post bacana!! Nos faz refletir…pois eu sempre falo: “Antes de vc sair soltando o verbo vc tem cérebro que pensa antes das suas palavras chegarem a boca” ..rsrsrs mas as pessoas não esta nem ai… mas vamos continuar o desafio lembrei hoje no café.. No suggar!! Or better less suggar!! Aiai e esse da dengue lembrei das plantinhas da minha vó…que te inúmeras em casa cheias de água e pra ajudar os mosquitos não vão na casa dela sobem pra minha kkkkkk mas vou dar uma olhada hj. Master Bjos!!

  • Sara diz:

    As pessoas simplismente não tem a minima Noção do como as nossas palavras têm poder! Com uma palavra vc levanta alguém ou derruba essa pessoa de vez! Acho que se as pessoas tivessem ideia disso, se policiariam mais antes de sair falando tudo o que pensam ou as coisas que dá na cabeça do nada para se falar!

  • Cecília Rodrigues diz:

    Sem pensar às vezes falam coisas negativas pra mim. .. e muitas vezes eu acredito nisso.

    • Patrícia Lages diz:

      Já viu que está errada, né!

  • Gertrude Cardoso diz:

    Boa noite! Minha querida, concordo com tudo, todos os desafios tem sido importante, esse e o que mais vai exigir de mim. É algo que venho pedindo para Deus, discernimento quando for falar e também no ouvir, já houve uma melhora, agora com essa dica vou arrebentar. Obrigada, Deus lhe abençoe mais ainda Beijos.

  • Vilma diz:

    Ok….
    Desafio cumprido.

    Deus Abençoe.

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*


Carreira Profissional

Cartão de Crédito

Investimentos

Pagamento de Dívidas

Faça uma busca no site:

Acompanhe também a Bolsa
Blindada nas redes sociais:


Receba todas nossas novidades!

Livros Bolsa Blindada:

Desenvolvido por: